Nosso Jornal Online

Tatuí, 

PUBLICIDADE

ANUNCIE AQUI

Peça já seu orçamento
e-mail para publicidade@diariodetatui.com

quinta-feira, 30 de junho de 2016

Museu Histórico Paulo Setúbal no 1º Encontro de Museus Casas Literários



A artista plástica e coordenadora do Museu Histórico Paulo Setúbal, Raquel Fayad, estará participando do 1º Encontro de Museus-Casas Literários, evento realizado pela Casa Guilherme de Almeida, que acontecerá no próximo final de semana.

A Coordenadora fará parte da Mesa Redonda: “Casa de escritores fora dos grandes centros”, dia 02 de julho, sábado, que será mediada por Davidson Kaseker, coordenador do SISEM – SP e terá a participação de Daniel Fuentes, do instituto Hilda Hilst de Campinas, de Lúcia Helena Vitto, da Casa de Cultura Euclides da Cunha, de São José do Rio Pardo, de Maria Cristina Lopes, do Museu Monteiro Lobato de Taubaté e de Ronaldo Alves, do Museu Guimarães Rosa.

Veja a programação completa no site www.casaguilhermedealmeida.org.br

Bom de Bola é vice-campeão da Copa Band de Futebol

Após erro da arbitragem que poderia ter dado a vitória aos tatuianos, Ponte Preta vence nos pênaltis por 4 a 3.
Um vice-campeonato com sabor de título. O Bom de Bola já faz parte da história do futebol tatuiano. A equipe sub15 foi destaque na Copa Band de Futebol de Base, organizada pela Rede Bandeirantes de Televisão, e chegou à final com uma campanha memorável. A final aconteceu no último domingo, 26, no Estádio Municipal de Vinhedo. E o título escapou por pouco. Após um erro de arbitragem que poderia ter dado a vitória ao time tatuiano, o jogo terminou sem gols no tempo regulamentar. Nos pênaltis a Ponte Preta foi mais feliz e venceu por 4 a 3. 

A equipe mantida pela Prefeitura através da Secretaria de Esporte, Lazer e Juventude, chegou invicta à final e com bom desempenho nos jogos, tanto que liderava a chave da competição. No mata-mata venceu equipes importantes como o Guarani também de Campinas, sem falar nos destaques individuais. O Bom de Bola terminou o torneio com Roger Barros como artilheiro, com oito gols, e o goleiro Juninho sendo considerado o melhor jogador da final.

Para o técnico, Diego Barros a medalha de prata em uma competição deste nível como esta é motivo de alegria. “Estou muito orgulhoso dos meninos, pois representaram bem a nossa cidade. Eles foram superados apenas nos pênaltis por uma equipe que treina diariamente, com estrutura profissional. Essa conquista valoriza a dedicação dos atletas e o apoio incondicional oferecido pela Secretaria de Esporte, pela Prefeitura e pelo prefeito Manu. Além disso, os atletas foram elogiados por um observador da seleção brasileira. Alguns jogadores já estão sendo sondados pelo próprio Guarani”, completou.

De acordo com o prefeito José Manoel Correa Coelho, Manu, o resultado demonstra a guinada que o município teve no setor esportivo nesses últimos três anos e meio. Ele destaca que o município conseguiu ainda levar uma verdadeira comitiva para a partida final composta por amigos e familiares dos atletas que vibraram com a conquista. “Nós acreditamos no potencial dos atletas e temos certeza que o trabalho realizado no município fará com que eles conquistem grandes vitórias. Mais, que isso fará desses meninos cidadãos de bem, pais de família, homens justos, íntegros e honrados. E esse trabalho passa pela competência do nosso grande craque Diego Barros, meu amigo, ex-jogador profissional que infelizmente teve que abandonar prematuramente sua carreira, é por tudo isso um exemplo de superação e fé. Tenha certeza que essa conquista abre caminho para uma nova fase que está se desenhando no nosso futebol. Parabéns aos nossos craques e toda equipe”, finalizou. 

Dois paraquedistas morrem após salto em Boituva

Polícia acredita que equipamentos tenham se enroscado.
Vítimas se chocaram no ar e não resistiram aos ferimentos da queda.

Do G1 Itapetininga e Região

Dois paraquedistas, de 39 anos, morreram durante um salto na tarde desta quarta-feira (29), em Boituva. O avião decolou por volta das 16h30, no Centro Nacional de Paraquedismo (CNP), conhecido nacionalmente por praticantes do esporte.

Segundo informações do Corpo de Bombeiros, Gustavo Corrêa Garcez e Marcos Guilherme Padilha se chocaram no ar. A polícia acredita que um paraquedas tenha se enroscado no outro, provocando a queda dos dois.

Equipes do resgate do Corpo de Bombeiros foram acionados e encontraram um dos paraquedistas inconsciente e o outro já em parada cardiorrespiratória.

As vítimas, que eram de São Paulo, foram para o hospital São Luiz, em Boituva, mas não resistiram aos ferimentos e morreram na unidade hospitalar. Os corpos foram levados para o Instituto Médico Legal de Itapetininga e já foram liberados para familiares. A Polícia Civil vai investigar o caso.

Centro Nacional de Paraquedismo de Boituva (Foto: Reprodução/TV TEM)

Prefeitura e JDGS oficializam amanhã início das obras do shopping center de Tatuí

Prefeitura de Tatuí – Evandro Ananias
Protocolo de intenções será assinado nesta sexta-feira, às 11h, no Centro Cultural

Uma notícia há muito esperada por todos os tatuianos acaba de ser confirmada. As obras do shopping center da cidade serão iniciadas. A Prefeitura de Tatuí e a JDGS Empreendimentos, pertencente ao Grupo Schincariol, assinam nesta sexta-feira, 1º, a partir das 11h, o protocolo de intenções que terá todo detalhamento e cronograma de obras. A cerimônia está agendada para o Centro Cultural e terá a presença do prefeito José Manoel Correa Coelho, Manu, e do representante legal da empresa, Nilton Azevedo, além de convidados.

Na ocasião, todos os participantes poderão esclarecer dúvidas e receber as informações disponíveis até o momento sobre o empreendimento que movimentará a economia de Tatuí e de toda região. Os órgãos de imprensa poderão também se credenciar para uma entrevista coletiva, que será organizada pela Note!, empresa responsável pela Comunicação da JDGS. O contato deve ser feito via telefone (11) 5084-3483. 

Fundada em Itu em novembro de 2011, a JDGS Empreendimentos Imobiliários é formada pelos irmãos José Augusto Schincariol, Daniela Schincariol e Gilberto Schincariol Júnior. É uma empresa especializada em administração, incorporação, construção e comercialização de empreendimentos comerciais e residenciais. A empresa traz em seu DNA a solidez da tradicional família da região. 

O fato é que a cidade prepara-se para, agora, conhecer o cronograma de obras. Serão R$ 200 milhões aplicados e 4.000 empregos totais, sendo 1.600 diretos e 3.200 indiretos. O empreendimento terá 170 lojas, incluindo supermercado, cinema, academia, lojas de departamento, franquias, fast foods, restaurantes, prestação de serviço, além de lojas que serão disponibilizadas para os comerciantes locais. 

O prefeito José Manoel Correa Coelho, Manu, comemorou a concretização desse projeto que promete ser um divisor de águas, trazendo um novo paradigma para o desenvolvimento do município, criando um novo eixo de progresso na direção da Rodovia Castello Branco. “Você que sonhou junto conosco. Você que acreditou, perseverou e foi à luta. Você que cobrou, reivindicou, exigiu do seu vereador. Você que mobilizou os amigos e os vizinhos, que fez parte do abaixo-assinado. Você que tanto esperou pelo desenvolvimento econômico e pelo salto de qualidade que a nossa cidade quer e merece. Chegou a hora de celebrar uma nova Tatuí. Convido você para participar de um momento histórico para nossa cidade. Temos amanhã um encontro com o futuro”, lembrou o prefeito emocionado. 

Nova entrada - Além do shopping, a cidade ganhará também uma nova entrada. O trabalho foi iniciado em março deste ano, quando máquinas e tratores iniciaram o processo de abertura da nova via que fará a interligação entre a SP-127, Rodovia Antônio Romano Schincariol, o anel viário e a área urbana da cidade, passando pelo Jardim Paulista.

O investimento passa dos R$ 20 milhões e será todo realizado pela iniciativa privada, sem nenhum centavo dos cofres públicos. A avenida terá 2.460 metros de extensão, com 28 metros de largura, em todo o trecho. O projeto prevê duas faixas de rolamento para trânsito de veículos com 8 metros cada, um canteiro central com ciclovia, medindo 6 metros, calçadas em ambos os lados com 3 metros cada, além de iluminação em toda extensão também no canteiro central. 

Caged aponta que Tatuí é o município que mais cria postos de trabalho na região

Apesar da crise econômica que o país enfrenta, que resultou em alto índice de desempregados, Tatuí vem conseguindo manter, mesmo com dificuldades, sua economia aquecida. O município fechou o período de abril de 2015 e abril de 2016 com o maior número de empregos formais criados em toda a região. A informação faz parte do registro oficial de dados do Caged (Cadastro Geral de Empregados e Desempregados)

Tatuí teve 491 postos de trabalhos abertos, Boituva 148 pessoas, Cerquilho 68 e Iperó 38. Já as cidades de Itapetininga e Sorocaba não abriram nenhum posto de trabalho formal no período. As vagas criadas em Tatuí são no setor de serviços. A agricultura também abriu postos sazonais, que atendem a período específico e pré-determinado para trabalho de plantio ou colheita, foram mais 56 contratações.

De acordo com o secretário da Indústria, Desenvolvimento Econômico e Social, Marcos Rogério Bueno, a redução de empregos em Tatuí se deve às dificuldades enfrentadas por três empresas ligadas ao setor automotivo que teve desaquecimento. “Algumas dessas empresas têm o Governo Federal como principal cliente. Se o governo para de comprar automaticamente, as linhas de produção fecham. Assim que a economia do nosso país retomar, a produção local volta a contratar”, completou.

No índice absoluto entre vagas de trabalho fechadas e abertas, Tatuí também em primeiro lugar, com 4,6, seguido de Boituva com 1,5, Cerquilho 0,7, Iperó 0,4, Itapetininga e Sorocaba: 0. No índice percentual, nova vitória para Tatuí, 4,01%. Depois vêm Boituva com 2,69%, Cerquilho 1,51%, Iperó 0,97%, novamente Itapetininga e Sorocaba, zeraram. 

Já o prefeito José Manoel Correa Coelho, Manu, destacou os investimentos recentes das empresas já instaladas no município que vem ampliando suas atividades, caso da Guardian, Lopesco, BRF, Marquespan, Gralha Azul e Strufaldi, sem falar na instalação da Noma, que já propiciou 300 postos de trabalho e a construção do Programa Minha Casa, Minha Vida, que gera 1.600 empregos diretos e indiretos. Ele lembrou que a Prefeitura de Tatuí está em constante diálogo com as empresas e sindicatos para tentar reduzir o número de demissões. “Também oferecemos oportunidades de capacitação através dos cursos oferecidos pelo Senai, e ainda qualificação profissionais através das palestras do Sebrae. Outro ganho para a cidade são os cursos do Polo da Construção Civil. Até o final do ano mais de 500 anos estarão formados." disse.

quarta-feira, 29 de junho de 2016

Neste sábado, o Museu Paulo Setúbal recebe a apresentação de Rogério de Mello Filho

O violonista fingerstyle toca na abertura da exposição re[a]presentação, a partir das 19h, e convida todos para prestigiarem o evento! A entrada é franca!



​ROGÉRIO DE MELLO FILHO:

"Sou guitarrista, violonista e estudo música em Tatuí.

Comecei minha vida musical fazendo aula de piano com a minha mãe quando era criança, mas hoje não sei tocar mais piano. Logo em seguida comecei a fazer aula de violão, aos 13 anos comecei a fazer aula de guitarra e esqueci o violão por hora. Como guitarrista participei de algumas bandas, porém não foram muito longe, então comecei a tocar sertanejo como freelancer.

Mais recentemente comprei um violão com a finalidade de trabalhar e continuar tocando sertanejo, mas acabei me apaixonando pelo fingerstyle e então passei a me concentrar neste estilo de tocar. 

Tenho como referência principal o violonista Tommy Emmanual, que foi quem fez com que eu me apaixonasse por esse estilo de execução. Meu repertório é todo baseado em músicas americanas, desde rock e blues até o folk e o Ragtime, todos estilos muito característicos das músicas de Tommy.

Apesar de tocar bastante covers, também tenho algumas composições autorais baseadas nestes estilos, e gosto muito de misturar algumas músicas e temas conhecidos, pois isso traz uma particularidade agradável às performances.

Sou muito grato pelo convite para tocar no Museu Histórico Paulo Setúbal em Tatuí no dia 02 de Julho. Será uma apresentação muito importante para mim, já que é a minha primeira apresentação como violonista fingerstyle. Conto com a presença de todos!"

Dia a Dia

# A Câmara de Capão Bonito decidiu manter os salários atuais do Executivo e Legislativo para o próximo mandato durante sessão de segunda-feira (27). Com a decisão, o município deixará de pagar R$ 1,3 milhão entre 2017 e 2020.

Daniel Caputo vence nas motos nacionais na abertura da Copa São Paulo de Motocross

BRMX - Guareí recebeu no fim de semana, 25 e 26, a abertura da Copa São Paulo de Motocross 2016. Com uma grande estrutura, o evento contou com passeio de helicóptero, praça de alimentação coberta com mais de 400 metros quadrados e entrada franca a todos os fãs do motocross. A pista estava impecável com total equipamento para irrigação e manutenção do terreno disponibilizado pela Prefeitura Municipal, que esteve representada durante todo o evento pelo prefeito João Momberg (PT).

Dentro da pista os pilotos mostraram que neste ano a Copa São Paulo vai ser muito disputada. Destaque para a as principais categorias, MX 2 e MX Open, que contou com os pilotos Marcello “Ratinho” Lima, Dudu Lima e Frederico Spagnol. Quem se deu bem foi o Ratinho, que venceu as duas categorias, com Dudu em segundo e Frederico em terceiro.

Nas categorias de base, vitória de ponta a ponta na 65cc para Murilo Martinez. Thiago Fuzatti venceu a MX Juniore Kenzo Murata venceu a MX 2 Amador. Nas categorias de motos nacionais, vitória de Daniel Caputo na IMS 230F e Marcelo Moraes na MXN. Outra categoria que merece destaque foi a MX 40 que teve uma disputa pela vitória até os últimos metros entre Rodrigo Guedes e Miguel Gattaz, a vitória ficou com Rodrigo.

A prova contou também com uma bateria regional para pilotos locais e nela a vitória ficou com Edson Costa o “Tatu”, piloto de Guareí que não somente venceu, mas também foi o principal responsável junto à Prefeitura Municipal por toda a organização do evento.

A próxima etapa da Copa São Paulo deve acontecer em agosto. Em breve a organização anunciará a data. Abaixo você confere todos os vencedores da etapa.

Vencedores da Copa São Paulo de Motocross – 1ª etapa

MX Open – Marcello Lima # 5 (Monte Mor/SP)
MX 2 – Marcello Lima # 5 (Monte Mor/SP)
MX 30 – João Paulo Camargo # 114 (São Paulo/SP
MX 40 – Rodrigo Guedes # 152 (Botucatu/SP)
MX Intermediária – Lucas Belgini # 980 (Itatiba/SP)
MX 2 Amador – Kenzo Murata # 94 (Monte Alto/SP)
MXN – Marcelo Moraes # 37 (Cerqueira Cesar/SP)
IMS 230F – Daniel Caputo # 113 (Tatuí/SP)
MX Junior – Thiago Fuzatti # 264 (Caieiras/SP)
65cc – Murilo Martinez # 237 (São Roque/SP)
Regional – Edson Costa # 515 (Guareí/SP)

FAESB inaugura três novos laboratórios visando pesquisa e desenvolvimento da agronomia na região

LABORATÓRIO MULTIDISCIPLINAR II: O curso de Engenharia Agronômica da FAESB conta a partir de agora com mais um Laboratório Multidisciplinar que atenderá as disciplinas de Química Geral e Orgânica, Bioquímica, Biologia Celular, Genética, Microbiologia Agrícola e Princípios de Fitopatologia. Além da utilização nas disciplinas, o laboratório também será utilizado nos projetos de Iniciação Científica contribuindo para o avanço da ciência na região.


LABORATÓRIO DE SOLOS: O Laboratório de Solos irá proporcionar pesquisas na área de Geologia e Gênese do Solo, Morfologia e Classificação dos Solos, Fertilidade do Solo, Nutrição de Plantas, Manejo e Conservação de Solos Tropicais e Adubos e Adubação. 


LABORATÓRIO DE SEMENTES: o novo Laboratório de Sementes permitirá o desenvolvimento de atividades de cunho prático voltado para a área agrícola. O Laboratório de Sementes também está apto a desenvolver atividades de ensino, pesquisa e extensão no curso de Engenharia Agronômica, apresentando estrutura física e equipamentos para a condução de experimentos nas áreas de Tecnologia de Sementes e Silvicultura.

Menino autista é resgatado em avenida de Tatuí após se perder

Segundo a mãe, menino estava na casa da avó e abriu o portão sozinho.
'Foi um grande susto. Ainda bem que acabou dando tudo certo', diz mãe.


Caio Gomes Silveira 
Do G1 Itapetininga e Região

Um menino autista de 5 anos foi resgatado por policiais militares após se perder pela avenida Zilda de Aquino, no bairro Valinhos, em Tatuí, na madrugada desta quarta-feira (29). De acordo com a mãe da criança, Viviane Soares Vieira, de 29 anos, o filho estava na casa da avó com as irmãs, que fica no mesmo bairro, quando abriu o portão da casa sem ninguém notar e desapareceu.

Menino autista foi encontrado sozinho e perdido em avenida de Tatuí
(Foto: Divulgação/ Polícia Militar)
“Ele estava na casa da avó junto com as minhas outras duas filhas porque a casa onde vamos morar está com as mudanças. Como está uma bagunça, eu deixei meus filhos com a minha mãe. Mas ainda bem que não passou de um susto, ou melhor, um grande susto. Apesar de ter autismo, ele é esperto e conseguiu sozinho abrir o portão e sair de casa no meio da noite sem ninguém ver. Segundo minha mãe, ele abriu o portão por volta das 4h”, conta.

De acordo com Viviane, a avó e as duas irmãs, que também são crianças, perceberam o sumiço do garoto minutos após e o procuraram pelo bairro. “Minha mãe contou que percebeu o sumiço do menino e saiu na rua atrás dele. Ela procurou pelo bairro todo e ficou desesperada por não encontrá-lo”, afirma.

Foi então que a avó ligou para a Polícia Militar e descobriu que policiais tinham acabado de resgatar a criança. “Ela ligou para a PM e eles falaram que já estavam com ele, pois tinham sido informados sobre uma criança perdida pela avenida. Em seguida, ela me ligou e fui buscá-lo”, afirma.

Menino saiu de casa descalço e apenas
de pijama (Foto: Divulgação/ Polícia Militar)
Resgate
De acordo com a Polícia Militar, policiais foram acionados por moradores que afirmaram que um menino, que estava de pijama e com os pés descalços, estava andando sozinho pela avenida.

Os policiais foram até o local e encontraram a criança, que procurava pela casa. Eles levaram o menino para a base da PM e também chamaram o Conselho Tutelar. De acordo com o conselheiro tutelar Daniel Gomes Belanga, o menino não soube dizer onde morava. “Ele mal disse o próprio nome e não sabia dizer onde morava. A gente só descobriu a família depois que entraram em contato, pois ligaram na polícia”, diz.

O caso foi registrado na Polícia Militar como abandono de incapaz, mas pode ser arquivado devido ao encontro da família e pelo fato dos pais não terem passagem pelo Conselho por abandono, segundo o conselheiro tutelar Belanga.

'Atenção redobrada'
Ainda segundo Viviane, o sumiço do filho deixou a lição de sempre estar com a atenção redobrada. “Eu já tenho muita atenção com ele, mas vou dobrar a partir de agora. Não deixar só o portão fechado, mas usar cadeado. Foi a primeira vez que algo assim aconteceu e fiquei muito nervosa. Ainda bem que acabou dando tudo certo e não passou de um susto”, completa.

terça-feira, 28 de junho de 2016

Juiz de Tatuí capota carro na rodovia SP-127 em Itapetininga

De acordo com os bombeiros, vítima estava sozinha no carro.
Miguel Correa França foi levado ao Hospital Regional de Itapetininga.
Do G1 Itapetininga e Região

O juiz da Primeira Vara Cível da Comarca de Tatuí, Miguel Alexandre Correa França, de 41 anos, teve ferimentos graves após capotar o carro que dirigia na Rodovia Antônio Romano Schincariol (SP-17), nesta terça-feira (28) em Itapetininga (SP). 

De acordo com o Corpo de Bombeiros, a vítima estava sozinha no carro quando perdeu o controle do veículo e capotou no quilômetro 139 da via. O juiz foi encaminhado para o Hospital Regional de Itapetininga e será levado ao Hospital das Clínicas em São Paulo (SP), diz a corporação.

Aluno do curso de Engenharia Agronômica inicia projeto de reprodução de orquídeas em meio de cultura alternativo

O aluno André Arioso, do primeiro semestre de Engenharia Agronômica da FAESB (Faculdade de Ensino Superior Santa Bárbara), de Tatuí, inicia o projeto de reprodução de orquídeas em meio de cultura alternativo. As orquídeas no ambiente natural sofrem exploração devido à sua importância ornamental e industrial, o que tem levado algumas espécies à extinção. O cultivo in vitro é uma alternativa para conservação ex-situ das espécies. O estudo investiga os métodos alternativos e sua eficiência para a germinação in vitro no desenvolvimento de plântulas de orquídeas em laboratório, sendo clones ou sementes. O projeto é orientado pela Professora Esp. Cristiane Caldana e conta com o apoio técnico laboratorial da Profª Dra. Terezinha Castro.

Alunos denunciam desmonte do Conservatório de Tatuí



Jornal GGN - Desde o começo do mês, alunos do Conservatório Dramático e Musical Dr. Carlos de Campos de Tatuí, no interior de São Paulo, realizam atos e mobilizações contra a demissão de professores, a falta de transparência e diálogo de diretores e o desmonte da escola. 

Estudantes de música afirmam que o estopim para as reações foi a demissão do professor e regente da Jazz Combo, Paulo Flores, considerado um dos fundadores do curso de MPB da instituição. Somente entre abril e maio deste ano, o conservatório demitiu 17 profissionais por cortes de verba.

A primeira das manifestações foi realizada no dia 6 de junho, em um protesto organizado pelo Grêmio Estudantil do Conservatório. Entre as reivindicações listadas no manifesto estavam mais transparência da administração com os alunos, clareza nas informações, reformulação do regimento escolar e da concessão de bolsas de estudo e melhores condições de infraestrutura para os alunos.

"Depois de muito debater com os alunos em assembleias gerais foi decidido fazer uma manifestação em formato de passeata com o objetivo de divulgar o que está acontecendo no Conservatório. Estamos vivendo uma situação lamentável de desvalorização da cultura no Brasil e vemos um descaso enorme do governo em relação à arte. Convidamos a todos que se identificam com a causa a participarem do ato", disse Gustavo Marson, um dos integrantes do Grêmio.

No começo deste ano, a instituição não abriu o processo seletivo de bolsas de estudo e negou esclarecer a situação aos alunos. Referência na formação musical no Brasil, passaram pela instituição o pianista e compositor André Marques, do Trio Curupira, o baterista e compositor Cléber Almeida, do Trio Macaíba, e o saxofonista e também compositor Vinícius Dorin, parceiro musical de Hermeto Pascoal.

Paulo Flores trabalhava há 35 anos no Conservatório. "Os diretores não deram nenhuma
explicação sobre o motivo da demissão. Isso gerou uma enorme revolta aos alunos, pois, há meses vem sendo demitidos músicos e professores da instituição, que foram extremamente importantes por proporcionarem a fama que o Conservatório tem, de ser o melhor da América Latina", disse Fernanda Marques, ex-aluna da instituição, ao GGN.

A ex-estudante contou que em uma tentativa de conversa com os alunos, o diretor se recusou a fazer uma assembléia para maiores esclarecimentos e, na última sexta-feira (24), "o diretor simplesmente, fechou a escola às 16:30h, e foi embora, um absurdo, pois, a mesma, em dias normais, fecha apenas às 22h", relatou.

Na última terça-feira (21), cerca de 150 alunos de música se reuniram para protestar contra a demissão de Paulo Flores. Reivindicaram diálogo com Henrique Autran Dourado, diretor executivo da organização social Associação Amigos do Conservatório de Tatuí (AACT), responsável pela gestão do conservatório.

De acordo com estudantes, o diretor chegou a ler um comunicado a eles, justificando que a demissão do professor não estava relacionada a questões orçamentárias, mas sim administrativas, sem trazer outros detalhes. Após o ato, Henrique Dourado conversou com os alunos, que expuseram suas principais reivindicações, entre elas, o retorno do professor, considerado responsável pela projeção da escola no país, mais transparência da diretoria e mais diálogo.

Dourado se comprometeu a realizar encontros mensais com os estudantes, no intuito de aumentar o diálogo, mas descartou a possibilidade de recontratar Paulo Flores, indicando que outro profissional será contratado.

Nessa última sexta (24), os alunos realizaram mais um ato, desta vez contra o fechamento da escola e a demissão dos professores. A manifestação em forma de sarau ocorreu na entrada da unidade do Conservatório. De acordo com os estudantes, um encontro de músicos ocorreria dentro do prédio, mas os portões foram fechados às 16h30, antes do horário normal, sem poder realizar o evento.

"Eles não explicaram nem a demissão e nem o motivo de terem fechado a escola. Estão colocando os alunos para fora e nós não estamos podendo acessar o Conservatório. Estamos fazendo protesto por essas situações", disse Rafael Gandolgo Scherk, representante dos alunos.

"Estão ocorrendo diversos atos autoritários contra os alunos, ferindo o exercício de democracia e direito à instituição. Além claro, do sucateamento de um dos que foi considerado, o maior e melhor Conservatório de música da América Latina", afirmou a ex-aluna Fernanda Marques.

Em resposta, o Conservatório informou que o fechamento da instituição ocorreu por conta do final das provas do primeiro semestre letivo e não haver nenhum evento agendado para a data aós às 16h30. A instituição disse desconhecer qualquer evento dos alunos na sexta (24), pois não foi realizada nenhuma solicitação de uso das dependências.

Sobre as manifestações, o Conservatório disse que respeita o direito de livre expressão, mas que abriu sindicância interna para investigar registros de pessoas que "extrapolaram" na manifestação da última terça-feira (21).

Musical infantil “Quem casa, quer casa” conquista 10 prêmios na 8ª Mostra de Teatro de Quadra

Grupo de Teatro “Garagem & Cia” ganhou ainda o primeiro lugar na categoria infantil

O Grupo de Teatro “Garagem & Cia”, que tem como residência oficial para ensaios e apresentações o CEU das Artes de Tatuí, conquistou o primeiro lugar na categoria Infantil, na 8ª Mostra de Teatro da Cidade de Quadra, realizada no final de maio. O espetáculo apresentado foi o musical infantil “Quem casa, quer casa”.

No total, 50 grupos foram inscritos para participar da mostra, dos quais apenas 12 foram selecionados para a etapa final. Tatuí concorreu com cidades importantes no panorama artístico, Jundiaí, Limeira, Sarapuí e São Paulo.

Além do primeiro lugar na categoria infantil, o grupo recebeu outros 10 prêmios, nas categorias: melhor direção, com Paulinha Flash; melhor ator, com Cesar Santos; melhor atriz, com Anamara Morais; melhor ator coadjuvante, com Rafael Simões; melhor maquiagem, com MatKaytann; melhor sonoplastia, com Magali Ribeiro, Victor Lobo e Paulinha Flash; melhor trilha musical, com Paulinha Flash; melhor cenografia, trabalho coletivo do Grupo de Teatro Garagem & Cia; e melhor iluminação, com Flavio Santos e Nilce Rodrigues.

De acordo com a diretora do grupo, Paulinha Flash, foi uma grande alegria participar desse festival e conquistar tantos prêmios, competindo com municípios fortes de trabalho artístico consolidado. “Queremos agradecer imensamente à Prefeitura de Tatuí pelo apoio e também à organização do evento, da cidade de Quadra, pela recepção. É maravilhoso poder levar o nome de Tatuí para todos os lugares. Estamos com um espetáculo muito bonito e muito afinado. Tenho certeza que esse sucesso irá se repetir em outros festivais que iremos participar este ano”, lembrou.

O prefeito José Manoel Correa Coelho, Manu, elogiou o brilhante trabalho que vem sendo realizado pelo grupo e destacou o CEU das Artes como nova referência para a cultura de Tatuí. “Paulinha e sua equipe fazem um trabalho incrível que agrada crianças e adultos, que dissemina conceitos e valores essenciais para formação da cidadania, da tolerância, do respeito ao próximo. E o espaço criativo é o CEU. Equipamento construído em nosso governo. Transformamos um terreno abandonado, cercado de mato, em um espaço para a prática e o fomento da cultura e das artes. Essa premiação é a prova de que nossa ideia prosperou”, finalizou. 

Espetáculo premiado - A história gira em torno de Lelé, uma lesma que vive a procura de um marido. Durante sua caminhada matinal, encontra-se com Mujim, um caramujo galanteador que conquista Lelé propondo casamento, prometendo o título de Dona de Casa. Porém, eles não imaginavam que Lelé por ser roliça e gorducha não passaria pela porta da casa de Mujim. Através desse conflito, a história se desenvolve envolvendo vários outros personagens, como o Macaco, a Onça, a Coelha, a Girafa, o Leão e o Lesmundo que aparece para compor esse universo que trata com naturalidade e sem preconceito de assuntos como feminismo e machismo, e a disputa de gênero.

Condenação a pedreiro por morte de garota de programa é mantida

(Foto: Cláudio Nascimento / TV TEM)

Homem entrou com recurso, mas foi negado pela Justiça; crime foi em Tatuí.
Pedreiro foi encontrado após derrubar foto 3X4 no local do crime, em 2013.
Do G1 Itapetininga e Região

A 8ª Câmara de Direito Criminal do Tribunal de Justiça de São Paulo confirmou no sábado (25) a condenação de um pedreiro a 31 anos de prisão em regime inicial fechado pelos crimes de latrocínio e destruição de cadáver registrados no ano de 2013, em Tatuí. O homem foi preso por assassinar uma garota de programa, de 25 anos.

De acordo com o TJ, a defesa do pedreiro entrou com recurso na Justiça alegando falta de provas em relação à autoria do latrocínio. Porém, o recurso foi negado no dia 16 de junho deste ano.

Ainda segundo o TJ, para dificultar a identificação da vítima, ele roubou os pertences da jovem e teria ateado fogo em parte do corpo da vítima. Contudo, esqueceu no local do crime uma foto dele 3x4, que ajudou a Polícia Civil a identificá-lo.

Crime - De acordo com o processo do Tribunal de Justiça, a denúncia alegou que no dia 24 de outubro de 2013 o pedreiro e a vítima, que trabalhava como garota de programa, caminhavam às margens da rodovia Antônio Romano Schancariol (SP-127), em Tatuí, em direção a um motel, quando eles resolveram praticar ato sexual em um terreno baldio na Vila Cesp. Mas, durante o ato, o homem teria agredido a vítima com pedras na região da cabeça diversas vezes, segundo o TJ-SP.

Depois de matar a mulher, o pedreiro teria pego os pertences da jovem e ateado fogo nas partes íntimas da vítima com a intenção de dificultar a identificação, diz o Tribunal. Contudo, acabou derrubando uma foto dele 3X4 ao lado do cadáver e trocou o celular da vítima um dia depois.

A foto foi encontrada no dia seguinte, junto com o corpo, por policiais que atenderam a ocorrência. Durante a investigação, a polícia identificou o homem, mas descobriu que ele já não morava mais em Tatuí, tendo se mudado para o Estado da Bahia.

O suspeito ficou foragido e só foi preso em março de 2014 depois de roubar um celular. O acusado negou o caso alegando que sem querer perdeu a fotografia 3x4 e que não sabia como a imagem teria parado ao lado da mulher morta às margens da rodovia. Apesar da prisão ainda em 2014, somente em setembro de 2015 ele foi julgado e condenado a 31 anos de prisão em regime fechado pelos crimes de latrocínio e destruição de cadáver.

Alunos do Conservatório de Tatuí fazem recital de canto lírico gratuito

Atração acontece no Salão Villa-Lobos a partir das 20h.
Apresentação contará com clássicos de Mozart e Schumann.

Do G1 Itapetininga e Região

Recital acontece no Salão Villa-Lobos em Tatuí (Foto: Divulgação/ Conservatório de Tatuí)

Alunos de canto lírico do Conservatório de Tatuí promovem um recital nesta terça-feira (28) no Salão Villa-Lobos, a partir das 20h, com entrada gratuita. O evento, que terá a orientação e coordenação da professora Cristine Bello Guse, une talentos do setor de canto lírico.

No programa, estão peças de G. Legrenzi, F. Durante, A. Falconieri, G. B. Bassani, B. Marcello, H. Purcell, J. Leavitt, L. Corbani, W. Henrique, L. Gallet, A. Nepomuceno, B. de Oliveira, V. Bellini, W. A. Mozart, C. Debussy, G. Fauré, F. Schubert e R. Schumann.

A atração acontece na Rua São Bento, 415, na área central da cidade. Mais informações podem ser obtidas pelo (15) 3205-8444.

Morador de Tatuí tentou apagar tocha olímpica no MS

Foto: Reprodução / Facebook
Do G1 - O jovem Marcelino Mateus Silva Proença, de 27 anos, conseguiu os seus 15 minutos de fama. Na manhã de domingo, o sul-mato-grossense tentou apagar a tocha olímpica, um dos símbolos dos Jogos Olímpicos, com um balde d'água na cidade de Maracaju (MS). Após ser preso em flagrante, o rapaz pagou R$ 1 mil de fiança e foi às redes sociais comemorar a liberdade.

“Boa pessoal. Já estou bem aqui em casa. Obrigado pessoal pelo apoio”, escreveu na sua página no Facebook, e ainda brincou com o "sucesso". “Agora, tem alguma chapa precisando de um vereador. Quem vota em mim?”.

O incidente foi registrado como dano qualificado contra o patrimônio público, que pode acarretar em pena de 6 meses a 3 anos de prisão. Marcelino, que estava na cidade natal a passeio - ele mora em Tatuí (SP) -, ainda compartilhou um vídeo do momento em que foi preso e colocado no camburão.

Os amigos do jovem comemoraram a repercussão da atitude do jovem. Ele também tirou fotos com a população e virou celebridade local após o caso.

Grupo de Trabalho do bambu elaborará projeto de unidade agroambiental industrial em Tatuí

O Grupo de Trabalho criado pela Secretaria de Agricultura e Abastecimento do Estado de São Paulo para promover a cultura do bambu realizou sua terceira reunião, na quinta (23), na sede da pasta, na capital paulista. Entre as principais atribuições do GT está a elaboração de um projeto técnico para a implantação de unidade agroambiental industrial junto à Unidade de Pesquisa e Desenvolvimento (UPD) da Agência Paulista de Tecnologia dos Agronegócios (Apta), em Tatuí.

O objetivo é criar iniciativas para melhorar as condições de produção agrícola de forma sustentável. O grupo deverá, também, em parceria com instituições de ensino e com a cadeia produtiva, realizar um diagnóstico da cultura no Estado de São Paulo e propor a formatação de um Plano de Integração para a Cadeia Produtiva do Bambu.

Além disso, desenvolverá estudos envolvendo novas técnicas de produção e manejo para o plantio de mudas, recomposição da reserva legal, estabilização do solo e combate à erosão, recuperação de matas ciliares e sua aplicação em fontes de energia, biomassa, celulose e revestimento.

O encontro na Secretaria teve a presença do secretário-adjunto de Agricultura, Rubens Rizek Jr., e de membros da Associação Brasileira dos Produtores de Bambu (Aprobambu) e técnicos da Secretaria. O Grupo quer desenvolver e implementar programas e projetos voltados à melhoria das condições de produção agrícola, envolvendo novas técnicas de manejo e exploração do produto no Estado - visando o desenvolvimento do pequeno produtor paulista.

De acordo com Rizek, embora o Estado de São Paulo tenha diversos pontos com reservas naturais de bambu, seu manejo ainda é incipiente e carece de ações efetivas para demonstrar ao produtor rural os benefícios que a cultura pode proporcionar. “O bambu é um material bastante versátil e poderá conferir maior competitividade à nossa indústria, com o desenvolvimento de novos produtos. Além disso, é uma excelente opção de agricultura limpa e sustentável, sem contar que possibilita ao pequeno produtor a oportunidade de agregar maior valor a sua produção, com a ampliação de emprego e renda”, afirmou Rubens Rizek.

Para Guilherme Korte, presidente da Aprobambu, parceira da Secretaria de Agricultura na elaboração do Plano de Trabalho, o Estado de São Paulo deve investir no potencial do bambu para o desenvolvimento econômico, tanto para aumentar a renda do produtor rural, quanto para gerar matéria-prima para a indústria com a fabricação de produtos com maior valor agregado. “A cultura proporciona retorno em dobro para os produtores e para os empresários, pois além da vantagem financeira, estarão ajudando o meio ambiente”, ponderou.

O secretário de Desenvolvimento Econômico do município de Atibaia, que também integra o grupo, Lívio Giosa, ressaltou que as reuniões do GT são mais uma etapa que avança em direção ao cumprimento dos compromissos firmados pelo Protocolo de Intenções assinado entre a Secretaria de Agricultura e a Associação, no dia 15 de dezembro de 2015, com o objetivo de fomentar o cultivo de bambu. “Podemos estar diante de um novo ciclo de ouro, o País dispõe de grandes reservas naturais de um produto que é altamente versátil, com potencialidades infinitas. A pesquisa e o mercado reunidos neste GT vão trazer as respostas que precisamos”, disse.

Também participaram da reunião: Celso Antônio Abrantes, Marcelo de Almeida Carvalhal e Rodrigo dos Santos, da Universidade Presbiteriana Mackenzie; Gustavo de Oliveira, aluno de pós-graduação da Faculdade de Arquitetura e Urbanismo da Universidade de São Paulo (FAU/USP); Élio Vieira dos Santos, da Associação Brasileira dos Produtores de Bambu (Aprobambu); Maristela Gava, Juliana Cortez Barbosa e Elen Aparecida Martinez Morales, professoras da Universidade Estadual Paulista (Unesp) "Júlio de Mesquita Filho"; Antônio Ludovico Beraldo, professor da Escola Superior de Agricultura "Luiz de Queiroz", da Universidade de São Paulo (Esalq/USP); Conny de Wit, da SBN Brasil e Danilo Candia, da BambuCo. Representaram a Secretaria de Agricultura: Pedro Taques, da Unidade de Pesquisa e Desenvolvimento (UPD) de Tatuí; Marcelo Ticelli, da Apta, e Luís Gustavo de Souza Ferreira, da assessoria técnica da Pasta. 
Fonte: SAA/SP

Dia a Dia

# Mais de 150 quilos de cocaína foram apreendidos pela Polícia Militar Rodoviária no quilômetro 111 da rodovia Castello Branco, nesta segunda-feira (27), em Boituva. A droga estava escondida nos pneus do cavalo mecânico de uma carreta.

# Um agente penitenciário foi agredido por detentos no domingo (26) dentro do Centro de Detenção Provisória (CDP) de Capela do Alto. De acordo com informações da Secretaria de Administração Penitenciária (SAP), o funcionário apanhou durante o procedimento de tranca, momento onde os servidores fazem o fechamento da porta das celas, por volta das 16h.

COOP de Tatuí promove ação gratuita para prevenção da dengue

No sábado (2 de julho) às 14 horas, a Coop – Cooperativa de Consumo promoverá na sua unidade de Tatuí, localizada na rua Coronel Lúcio Seabra, 772 – Centro, uma esquete teatral sobre prevenção da dengue.

Batizada de O doutor e o Aedes Aegypti, o espetáculo envolve o mosquito e o médico que interagem com a comunidade, informando e alertando sobre as doenças causadas pelo Aedes Aegypti. Em busca de foco de dengue, o Doutor vai alertar, informar e conscientizar os participantes sobre o que é de responsabilidade de cada um.

Essas ações fazem parte da campanha Dia C – Dia de Cooperar, uma iniciativa do Sistema OCB (Organização das Cooperativas Brasileiras), que surgiu em 2009 com o objetivo de apresentar as atividades de voluntariado e responsabilidade social desenvolvidas pelas cooperativas, que hoje atuam em 13 setores da economia.

segunda-feira, 27 de junho de 2016

Adolescente de 16 anos é apreendido por tráfico de drogas no Thomaz Guedes

Menor foi abordado no bairro Thomaz Guedes neste domingo (26).
Foram apreendidas pedras de crack e porção de maconha.


Do G1 Itapetininga e Região

Drogas foram apreendidas na casa do adolescente em Tatuí (Foto: Divulgação/Polícia Militar)
Um adolescente de 16 anos foi apreendido por tráfico de drogas no bairro Thomaz Guedes, neste domingo (26), em Tatuí (SP). De acordo com a Polícia Militar, uma equipe realizava patrulhamento pela rua Francisco Campos Soares, quando observou que o menor estava com um cigarro de maconha.

Os policiais abordaram o suspeito e encontraram R$ 80,00 em dinheiro. Indagado, o menor confessou que comercializava entorpecentes e que R$ 300,00 em dinheiro estavam escondidos em um local próximo da abordagem. Em seguida, os militares foram até a casa do adolescente, onde cães farejadores ajudaram a localizar no interior do imóvel cinco pedras de crack a uma porção de maconha.

Ainda segundo a polícia, o adolescente foi levado para a delegacia, onde foi autuado por ato infracional de tráfico de drogas e está à disposição da Vara da Infância e Juventude.

Outra apreensão
Um jovem de 23 anos foi preso após ser flagrado com porções de cocaína e maconha no interior de um carro, neste sábado (25), em Boituva (SP). De acordo com a Polícia Militar, uma equipe realizava patrulhamento pela rua Coronel Eugênio Mota, Centro, quando observou que o condutor de um carro apresentou atitude suspeita ao ver a viatura. Com eles foram encontrados 40 pinos de cocaína e 14 porções de maconha.

Suspeito escondia dinheiro e drogas no carro, em Boituva (Foto: Divulgação/Polícia Militar)

domingo, 26 de junho de 2016

Dia a Dia

# Um homem de 60 anos morreu após ser atropelado por um carro na manhã de sábado (25), pelo quilômetro 91 da rodovia Antonio Romano Schincariol (SP-127), em Cerquilho. Testemunhas afirmaram à Polícia Rodoviária que a vítima estacionou o carro no acostamento e teria atravessado a pista para entregar salgados em um pesqueiro, quando, na volta, foi atropelado por um carro que seguia sentido Tatuí-Cerquilho.

Ministro Celso de Mello ataca sistema prisional e excessos do Judiciário

PRISÃO INCONGRUENTE


É contraditório manter preso alguém que, se condenado, sofrerá a execução da pena em regime aberto — caso a sentença não substitua a pena de prisão por penas meramente restritivas de direitos. Esse foi um dos argumentos utilizados pelo ministro Celso de Mello, do Supremo Tribunal Federal, ao conceder liberdade provisória, sem a necessidade do pagamento de fiança, a um homem preso em flagrante por furto simples.

Na ação, a Defensoria Pública de São Paulo alegou que a manutenção da prisão do acusado acontece apenas pelo fato de o acusado ser pobre, uma vez que ele não tem condições de pagar a fiança. A Defensoria narra que a fiança foi estipulada inicialmente em R$ 1,5 mil. Porém, o juiz decidiu elevar esse valor para 20 salários mínimos (R$ 17,6 mil), alegando que este valor servirá “como garantia real para assegurar que o investigado, em liberdade, não venha a praticar atos criminosos no transcorrer do processo”
Gervásio Baptista -SCO/STF


Segundo Celso de Mello, não há qualquer importância o fato de o acusado responder a outros processos.

No Tribunal de Justiça de São Paulo o Habeas Corpus foi negado. Conforme decisão da 14ª Câmara de Direito Criminal, a gravidade do furto somada ao fato de o homem já ter instaurado contra si outros dois processos, justificam a necessidade da fiança. "Tais circunstâncias dotam a hipótese de particularidade que, de fato, impõe cautela maior do que a liberdade provisória sem fiança ou a substituição da prisão por medida cautelar diversa", diz o acórdão do TJ-SP.

Inconformada, a Defensoria Pública ingressou com Habeas Corpus no STF, tendo o pedido de medida cautelar atendido pelo ministro Celso de Mello, que criticou a decisão da corte paulista. Segundo o ministro, não há qualquer importância o fato de o acusado já responder a outros processos. "E a razão é uma só: ninguém pode ser despojado do direito fundamental de ser considerado inocente até que sobrevenha o trânsito em julgado de sentença penal condenatória", afirmou o ministro.

"A mera existência de inquéritos policiais em curso e a tramitação de processos penais em juízo não autorizam que se atribua a qualquer pessoa, só por isso, a condição de portadora de maus antecedentes nem permitem que se lhe imponha medidas restritivas de direitos ou supressivas da liberdade", registrou Celso de Mello em sua decisão.

Além disso, ao determinar a liberdade provisória do acusado, o ministro considerou que não há razão em manter na prisão alguém que, além de impossibilitado de prestar fiança por ser pobre, teve o pedido de prisão preventiva considerado inviável, diante da ausência dos requisitos necessários.

Celso de Mello, também observou que na pior das hipóteses, caso seja condenado, o homem sofrerá a execução da pena em regime aberto, isso se o juiz não optar por substituir a pena de prisão por penas meramente restritivas de direitos.

"Consideradas as circunstâncias do caso concreto — possibilidade de o paciente, se condenado, ter acesso ao regime aberto ou, então, de sofrer pena restritiva de direitos —, torna-se incongruente, quando não cruel, a efetivação de sua prisão cautelar e consequente recolhimento prisional ao sistema penitenciário brasileiro, que foi qualificado pelo Supremo Tribunal Federal, em importante julgamento plenário (ADPF 347), como expressão perversa de um visível e lamentável 'estado de coisas inconstitucional'", concluiu o ministro.

Omissão do Poder Público
Na decisão, o ministro Celso de Mello voltou a criticar o sistema prisional brasileiro que, segundo ele, tem-se caracterizado por uma situação de crônico desaparelhamento material, "hipótese de múltiplas ofensas à Constituição, em clara atestação da inércia, do descuido, da indiferença e da irresponsabilidade do Poder Público".

Conforme o ministro, foi devido a essa omissão do Poder Público que levou o Supremo a reconhecer existir no Brasil, um claro e indisfarçável estado de coisas inconstitucional. "O quadro de distorções revelado pelo clamoroso estado de anomalia de nosso sistema penitenciário desfigura, compromete e subverte, de modo grave, a própria função de que se acha impregnada a execução da pena, que se destina — segundo determinação da Lei de Execução Penal — 'a proporcionar condições para a harmônica integração social do condenado e do internado'", diz o ministro. 

Segundo Celso de Mello, quem ingressa no sistema prisional sofre punição que a própria Constituição da República proíbe e repudia, "pois a omissão estatal na adoção de providências que viabilizem a justa execução da pena ou o respeito efetivo ao ordenamento positivo cria situações anômalas e lesivas à integridade de direitos fundamentais do prisioneiro, culminando por subtrair-lhe o direito — de que não pode ser despojado — ao tratamento digno".

Clique aqui para ler a decisão. HC 134.508

Tadeu Rover é repórter da revista Consultor Jurídico.
Revista Consultor Jurídico, 23 de junho de 2016, 12h08

Festa do Doce terá 69 estandes e 36 horas de música

Evento acontece nos dias 8, 9 e 10 de julho e lança o projeto “Melhor em Casa”, com vídeos aulas dos cursos presenciais do Fundo Social disponibilizados na internet.

Ao longo de suas três primeiras edições, a Festa do Doce de Tatuí arrebatou paladares de 140 mil pessoas. Tatuí já vive o clima para o evento. Os tradicionais e mais deliciosos doces caseiros, embalados com música da melhor qualidade, estarão na Praça da Matriz, nos dias 8, 9 e 10 de julho, sempre das 10h às 22h.

O evento de fato está consolidado. Além do crescimento progressivo do público, o aumento no número de expositores é indicativo do resultado expressivo. Em 2013, primeiro ano da festa, foram apenas 18 estandes. Já em 2014 subiu para 40. Em 2015, foram 54. Este ano, novo recorde: serão 69 expositores. 

A festa será dividida em 11 alas: doces finos; chocolates; bolos e tortas; churros, crepes e pastéis; doces de festa e sobremesa, doces tradicionais e artesanais; e bebidas e as novidades: padaria e confeitaria, produtos de milho, doces de festas e sobremesa e brigadeiros gourmet. Para as crianças, haverá oficina de cupcakes onde elas poderão aprender as técnicas para o preparo dos mini-bolos. Mais de 250 tipos de doce estarão disponíveis. Além disso, serão vendidas camisetas personalizadas e toda renda será revertida para a Associação dos Doceiros de Tatuí, entidade criada recentemente para aprofundar a estruturação do doce como elemento de atração turística e de desenvolvimento econômico para o município.

Graças a esse investimento o prefeito José Manoel Correa Coelho, Manu, recebeu o Prêmio de Prefeito Empreendedor do Sebrae, pela realização da Festa. A tradição dos doces caseiros e ganharam reconhecimento estadual. Foi publicada no Diário Oficial do Estado de São Paulo, no dia 1º de julho de 2015, a Lei nº 15.844, que inclui a Festa do Doce no Calendário Turístico Oficial do Estado. A iniciativa foi do deputado estadual Edson Giriboni, que propôs à Assembleia Legislativa o projeto de lei 1093 de 2014.

De acordo com o prefeito Manu, a festa impulsiona a economia do município de uma forma tão importante que todo mundo cresce junto. “A festa gera renda desde para o supermercado, para o comercial local que fica lotado de turistas e, é claro, os doceiros que vivem da produção dessas delícias da nossa cidade”, completou.

Além disso, acontece a segunda edição do Festival de Música “Com Açúcar e Com Afeto”. O festival é uma homenagem à tradição dos doces, da música e ao título de Cidade Ternura. Serão 36 horas de programação com diferentes estilos musicais para agradar todo público.

Outra surpresa deste ano vem do Fundo Social de Solidariedade que vai lançar o Projeto “Melhor em Casa”, que são vídeos aulas dos cursos presenciais que serão disponibilizados na internet. “No ano passado, lançamos o Livro de Receitas que foi um sucesso e agora vamos apresentar a população esse projeto inovador. A população terá a oportunidade de aprender o passo a passo de receitas e outros cursos que são oferecidos nos Centros e Capacitação. E quem ensina nos vídeos são os próprios professores dos cursos”, explicou a presidente do Fundo Social, Ana Paula Cury Fiuza Coelho

Dia a Dia

# A AMATATUÍ realizou na tarde deste sábado, 25, a Oficina sobre Palestras de Conscientização Política, ministrada pela ONG Voto Consciente, de Jundiaí. O evento aconteceu na sede provisória da Amatatuí, no bairro Valinho, e contou com a participação de membros do coletivo Práxis, do PLP e estudantes do grêmio da Escola Lienete Avalone Ribeiro, da Vila Dr. Laurindo.

# Pretendem se candidatar ao cargo de prefeito de Tatuí em outubro próximo: Manu (PMDB), Rogério Milagre (PRTB), Fábio Menezes (DEM), Tarcísio (PSD), Guilherme Peixoto (PSC) e Gonzaga (PSDB), que depende de recurso na Justiça.

# A 6ª Conferência Municipal das Cidades está marcada para os dias 30/06 (19h), 1º/07 (19h) e 02/07 (10h), no CEU das Artes - Rua Ana Rosa Monteiro, 475, Vila Santa Helena. O tema deste ano será "Cidades Inclusivas, Participativas e Socialmente Justas". O evento é aberto à participação popular.

sábado, 25 de junho de 2016

Estudantes do Conservatório de Tatuí protestam com música

Alunos alegam que foram impedidos de entrarem no prédio para um evento.
Grupo também manifestou contra a demissão de um professor.


Do G1 Itapetininga e Região

Estudantes do Conservatório de Tatuí realizaram na noite desta sexta-feira (24), uma manifestação contra o fechamento da escola durante um encontro de músicos e a demissão de um dos fundadores do curso de MPB e jazz. De acordo com a instituição, esta foi a segunda manifestação que aconteceu durante a semana.

Com instrumentos musicais, os alunos fizeram o protesto em forma de sarau na entrada de uma das unidades. De acordo com o grupo, um encontro de músicos aconteceria no interior do prédio, mas os estudantes afirmam que os portões foram fechados às 16h30, cinco horas antes do horário normal, e não puderam realizar o evento.
Estudantes protestaram em frente do Conservatório
de Tatuí (Foto: Reprodução/TVTEM)

Os manifestantes encaminharam um vídeo para a reportagem da TV TEM que mostra o momento em que um aluno tenta entrar no prédio. Ele pergunta se o portão está fechado e o funcionário da portaria afirma que estava por ordem da diretoria. O aluno tenta pedir explicações para o motorista de um carro que seria um dos diretores. Porém, o motorista não responde ao questionamento.

Ainda de acordo com o grupo, os alunos também protestaram contra a demissão do professor Paulo Flores, que foi demitido do Conservatório. Segundo eles, Paulo é cofundador do curso de MPB e jazz e trabalhava na instituição há 35 anos.

“Eles não explicaram nem a demissão e nem o motivo de terem fechado a escola. Estão colocando os alunos para fora e nós não estamos podendo acessar o Conservatório. Estamos fazendo protesto por essas situações”, afirma o representante dos alunos Rafael Gandolfo Scherk.

Em nota, o Conservatório informou que o fechamento da instituição em horário diferenciado ocorreu nesta sexta-feira (24) por conta do final das provas do primeiro semestre letivo, início do recesso escolar e por não haver nenhum evento agendado para a data nas dependências da instituição.

O Conservatório funciona normalmente nestes sábado (25) e domingo (26), nos horários já divulgados, quando são realizadas as provas do Prêmio Incentivo à Música de Câmara, fases semifinal e final, com convidados especiais e música. A instituição também informou que não tinha conhecimento de qualquer evento de alunos, pois nenhuma solicitação de utilização das dependências foi efetuada.

Já em relação às manifestações, a instituição afirmou que respeita o direito de livre expressão de todos, porém abriu sindicância interna para investigação e registrou boletins de ocorrências contra pessoas que extrapolaram na manifestação da última terça-feira (21).

Protesto foi contra o fechamento do prédio para um encontro de músicos (Foto: Reprodução/TVTEM)

Obras de unidade de saúde, creche e praça estão atrasadas em Tatuí

Obras são nos bairros Santa Rita, Jardim Santa Emília e Jardins de Tatuí.
Em nota, prefeitura alega problema com empresas e nas licitações.


Do G1 Itapetininga e Região

Moradores de Tatuí reclamam do atraso nas obras da Unidade Básica de Saúde (UBS) no bairro Jardins de Tatuí, da creche no Jardim Santa Emília e da Praça Capital da Música, no jardim Santa Rita, que estão atrasadas há pelo menos dois anos. As obras, que custaram no total R$ 1,3 milhão, dependem de novos processos de licitação.

Ao invés de praça, espaço só tem cavalos
(Foto: Cláudio Nascimento/ TV TEM)
O operador de máquina Anderson Campos, morador do bairro Santa Rita, conta que esperava pela entrega da praça. O local, que custou R$ 243 mil, serviria como área de lazer e deveria ter sido entregue na terça-feira (21). No entanto, está tomado por mato e virou pasto para cavalos, segundo os moradores. “Estava na expectativa de receber essa praça e ansioso por isso. Tanto que vim para ver, mas não havia nada”, diz.

A comerciante Carla Soares afirma que as mães que moram no Jardim Santa Emília precisam da creche o quanto antes. A obra custou R$ 838 mil e devia ter sido inaugurada em julho de 2014. “O atraso traz prejuízo à população. Não sou só eu que preciso. Sei que as creches são boas aqui em Tatuí, mas a questão para quem mora aqui no bairro é a distância para levar os filhos para outras creches, sendo que poderia ter uma no bairro", afirma.

Já o motorista Diego Armando de Oliveira alega que nenhum funcionário da prefeitura foi até o bairro Jardins de Tatuí para realizar a obra da UBS. O valor da construção, cuja previsão de entrega era para 2015, é de mais de R$ 300 mil. “Não foi feito nada. Ninguém apareceu aqui e não tiveram coragem de fazer nem a limpeza”, finaliza.

Em nota, a prefeitura informou que, por causa da crise econômica, muitas empresas deixaram de cumprir os contratos. No caso da empresa responsável pela construção da Unidade Básica de Saúde do bairro Jardins de Tatuí, a obra foi abandonada, segundo a prefeitura e, por isso, o município foi obrigado a abrir uma nova licitação. A empresa vencedora deve assumir os trabalhos no mês que vem. O mesmo aconteceu na praça Capital da Música e uma nova licitação está agendada para o dia 29 de junho.
Creche ainda não começou a ser construída em
bairro de Tatuí (Foto: Cláudio Nascimento/ TV TEM)


A obra da creche do Jardim Santa Emília enfrenta a mesma situação, segundo a prefeitura. A licitação era realizada diretamente pelo governo federal, mas a empresa vencedora não começou os trabalhos e o contrato foi suspenso. Por isso, a Secretaria Municipal de Educação informou que está prestes a fazer uma licitação para uma creche no bairro Santa Cruz, próximo ao bairro Santa Emília, justamente para atender a demanda da região.

O Executivo também esclarece ainda que todos os convênios e as prestações de contas estão rigorosamente em dia e vêm sendo constantemente auditados pelo Tribunal de Contas do Estado de São Paulo. Sobre a alegação de abandono das obras, a reportagem da TV TEM entrou em contato com os responsáveis pelas empresas, mas não obteve retorno.


Unidade Básica de Saúde está com obras paradas, diz população (Foto: Cláudio Nascimento/ TV TEM)

Manu é novamente reeleito para a presidência da Fundação Agência de Bacias

Escolha aconteceu por votação unânime dos 34 prefeitos que compõe a entidade

O prefeito José Manoel Correa Coelho, Manu, foi reconduzido à presidência da Fundação de Agência da Bacia Hidrográfica do Rio Sorocaba e Médio Tietê. A eleição aconteceu de maneira unânime, por aclamação dos 34 prefeitos que fazem parte da entidade. Pela primeira vez, um presidente é eleito para três mandatos consecutivos. A votação aconteceu em Mairinque, no CASM - Clube Atlético Sorocabana de Mairinque, durante reunião ordinária do Comitê de Bacias. A sessão foi presidida pelo prefeito de Sorocaba, Antônio Carlos Panunzzio.

O mandato de Manu à frente da Fundação Agência tem amplo apoio de todos os integrantes. A avaliação positiva se deve à profissionalização de gestão e a autonomia financeira que permite agora facilitar a captação de recursos para os 34 municípios integrantes. “Quero agradecer a confiança dos meus colegas prefeitos, que reconhecem os avanços importantes que conseguimos nesse curto espaço de tempo. Vamos agora a novos projetos e conquistas”, disse Manu.

Em março de 2014, a entidade garantiu o principal objetivo, formalizado na eleição de Manu à presidência da Fundação: abertura das contas bancárias, que possibilitará o recebimento direto da arrecadação da cobrança pelo uso da água. A medida, aparentemente simples, foi responsável por uma verdadeira transformação na gestão da Fundação e só foi possível depois de enorme esforço administrativo. Foi necessária a regularização de nada menos que 19 documentos e certidões. A conquista teve apoio político do deputado estadual Edson Giriboni, na ocasião à frente da Secretaria de Estado de Saneamento e Recursos Hídricos.

A Bacia Hidrográfica do Rio Sorocaba e Médio Tietê é o segundo entre os 21 comitês hidrográficos paulistas a conseguir esse avanço, fato que representa um marco. “Há mais de uma década, desde 2003, os municípios da região esperam por essa notícia, que permitirá entre outras melhorias a abertura de concurso público para profissionalização da Fundação e a gestão própria e autônoma dos recursos que serão investidos em nossas próprias cidades, seguindo critérios técnicos de impacto socioambiental”, explica Manu.

Os comitês, de cada bacia hidrográfica, são responsáveis por fazer a cobrança pelo uso da água desde outubro de 2010. A cobrança pelo uso de recursos hídricos é um dos instrumentos de gestão da Política Nacional de Recursos Hídricos, instituída pela Lei nº 9.433 de 1997. Tem como objetivos dar ao usuário uma indicação do real valor da água, incentivar o uso racional e obter recursos financeiros para recuperação das bacias hidrográficas do país.

A cobrança não é um imposto, mas uma remuneração pelo uso de um bem público, cujo preço é fixado a partir de um pacto entre os usuários da água, a sociedade civil e o poder público no âmbito dos Comitês de Bacia Hidrográfica, a quem a legislação brasileira estabelece a competência de pactuar e propor ao respectivo Conselho de Recursos Hídricos os mecanismos e valores de Cobrança a serem adotados na sua área de atuação.

sexta-feira, 24 de junho de 2016

Alunos de piano clássico realizam recitais de aperfeiçoamento, dia 30

Apresentações serão no Salão Villa-Lobos, às 15h, 17h e 19h, com entrada franca



Três alunos do curso de piano clássico do Conservatório de Tatuí realizam recitais de conclusão em aperfeiçoamento no próximo dia 30 de junho – quinta-feira. As apresentações serão às 15h, 17h e 19h, no Salão Villa-Lobos (rua São Bento, 415), com entrada franca. Todos os alunos são orientados pela professora Míriam Braga, sob coordenação de Cristiane Bloes.

O primeiro recital do dia, às 15h, é do aluno Thiago Campos Araújo, que faz conclusão de aperfeiçoamento em música de câmara com recital com participação do aluno de violoncelo Patrick Silva. No programa, estão peças de Brahms (Sonata para piano e violoncelo n.1 op.31), Fauré (Elégie Op.24 e Siciliene Op.78), Liszt (Liebestraum S.541), Mignone (Modinha) e Piazzolla (Libertango).

Trio é preso com cinco tabletes de maconha e carro roubado no Jd Lírio

Dois homens e uma mulher foram presos pela Guarda Civil Municipal.
Drogas estavam escondidas em uma geladeira no interior de um imóvel.

Porções de maconha e objetos eletrônicos foram apreendidos
(Foto: Divulgação/ GCM Tatuí)
Do G1 Itapetininga e Região

Dois homens, de 34 e 31 anos, e uma mulher, de 42 anos, foram presos após serem flagrados com cinco tabletes de maconha, um carro roubado e diversos produtos eletrônicos nesta quinta-feira (23), em Tatuí.

De acordo com a Guarda Civil Municipal, uma equipe patrulhava pelo Jardim Lírio, quando foi informada que um casal, de 34 e 42 anos, estava trafegando pelo bairro em um carro roubado. A equipe foi até o endereço informado, constatou que o carro era roubado e conseguiu deter os suspeitos.

Indagados, os dois alegaram que o veículo tinha sido emprestado por outro homem. Em seguida, os agentes foram até o imóvel do casal, no bairro Tanquinho, onde encontraram um homem de 31 anos, que teria emprestado o veículo. Durante buscas pela casa, os guardas encontraram quatro tabletes de maconha no interior de uma geladeira desligada e um tablete de maconha enterrado no quintal.

Ainda segundo a Guarda Civil, no interior do imóvel também foram localizados um monitor, duas caixa de som, dois aparelhos de som automotivo, um aparelho DVD e três celulares, possivelmente produtos de furto ou roubo. Os três foram encaminhados para a delegacia, onde foram autuados por tráfico de entorpecentes e receptação.

Prefeitura desapropria terreno para a Casa de Apoio ao Irmão de Rua

Área passa a pertencer definitivamente à entidade – Decreto foi assinado na terça-feira

“Estamos dando continuidade a um sonho de um grande tatuiano, o ex-prefeito Wanderley Bocchi”. Com essas palavras, o prefeito José Manoel Correa Coelho, Manu, definiu a assinatura do Decreto Municipal 17.244, que desapropria, amigavelmente, dois terrenos no bairro jardim Wanderley, área onde está instalada a Casa de Apoio ao Irmão de Rua - São José. A partir de agora, o terreno de 1.389,46 metros quadrados, passa a pertencer à própria instituição.

A entidade atua já há mais de 16 anos. No primeiro ano, a casa ficava em um imóvel na Avenida Pompeo Reali. Depois, transferiu-se para o atual endereço onde já completa 15 anos de atividade. Além de local para dormir, é fornecida aos usuários alimentação, banho, roupa limpa e um kit de higiene pessoal para cada atendido. São atendidas diariamente cerca de 50 pessoas que dormem todos os dias na casa. Em média, 15 pessoas diferentes que passam pela casa para dormir e realizar suas refeições e depois seguem para suas cidades.

A instituição realiza também um trabalho de ressocialização dos moradores, localiza familiares e documentos para aqueles que perderam. São acolhidos também moradores de rua doentes que são encaminhados para realizar o tratamento nos serviços públicos de saúde. A casa não aceita a entrada com bebidas alcoólicas.

De acordo com a presidente da instituição, Margarida Maria do Carmo Oliveira, o decreto proporciona mais segurança para que a Casa do Irmão de Rua possa se tornar ainda mais forte e estruturada. “Nosso trabalho é cuidar do próximo com carinho e trazer mais dignidade para essas pessoas. Realizamos buscas pela cidade para acolher os moradores de rua em nossa casa, para que os mesmos possam tomar banho quente, colocar roupas limpas e receber um alimento de qualidade, principalmente nesses dias frios. Aqueles moradores que querem receber nossa ajuda devem nos procurar que estamos de braços abertos para recebê-los. Queremos agradecer muito a Prefeitura e ao nosso prefeito Manu por essa conquista”, explicou.

Os interessados em fazer doação de alimentos, agasalhos, produtos de limpeza e higiene pessoal devem ir até a casa que fica na Rua José Rosa, 46, próxima do Colégio Adventista, no jardim Wanderley, ou entrar em contato pelo telefone 33053895.

Vila Angélica recebe 8ª edição do projeto Prefeitura em Ação

Evento acontece no domingo e terá inauguração de área de lazer para o bairro e entrega de certificados de posse para moradores do Jardim Gonzaga

O Projeto Prefeitura em Ação está de volta neste final de semana, para sua oitava edição. O bairro escolhido é Vila Angélica que receberá diversas atrações e serviços públicos oferecidos pela Prefeitura de Tatuí. O evento servirá ainda para apresentação de uma área de lazer com Campo de Futebol Society e Campo de Futebol de Areia. Por isso, o local escolhido é a Rua Virgínia Rosa de Moraes. A programação acontece das 9h às 12h.

Os moradores do Jardim Gonzaga também receberão o tão esperado documento de posse de suas casas. Trata-se de primeira regularização fundiária da história, realizada de maneira direta pela Prefeitura. Serão beneficiadas 55 famílias. 

O projeto vai oferecer a população diversos serviços que são prestados, durante o dia a dia, pelas secretarias e departamentos da Prefeitura. No espaço da Secretária da Saúde, por exemplo, será feita aferição de pressão arterial, teste de glicemia capilar, orientações sobre saúde bucal e orientações relacionadas ao controle e prevenção da dengue, zika vírus e chikungunya.

Já na tenda do Fundo Social de Solidariedade haverá corte de cabelo e inscrições para cursos. Na área do esporte, as opções serão vôlei, basquete, futsal, dama e xadrez, judô e capoeira, através do Projeto Caravana de Lazer. Haverá ainda distribuição de mudas, orientações e credenciamento para serviço de poda de árvores, atendimento jurídico, tributário e de fiscalização, sala de leitura, contação de histórias, apresentação artísticas, musicais e do canil da Guarda Civil Municipal. Tudo de graça para a população.

Para receber o projeto, o bairro passou por uma série de melhorias nas últimas semanas. A Secretaria de Infraestrutura, Meio Ambiente e Agricultura realizou trabalhos de capinação, poda, tapa-buraco, além de outras melhorias estruturais. Destaque para a calçada, com rampa de acesso da ciclovia que está sendo construída. “O trajeto vai do início da Vila Angélica até o Jardim Gonzaga. O espaço contará com pintura especializada com demarcação viária, placas informativas de quilometragem percorrida e tachas refletivas. Este dispositivo vai trazer mais segurança para aqueles que utilizam a bicicleta como meio de transporte”, explicou o secretário de Infraestrutura, Meio Ambiente e Agricultura, Paulo Andreoli. 

O projeto Prefeitura em Ação já passou pela Fundação Manoel Guedes, São Conrado e Jardim América, Santa Rita, Doutor Laurindo, Jardim Wanderley e CDHU, Jardim Gonzaga e Inocoop.

quinta-feira, 23 de junho de 2016

Medicamentos de alto custo fornecidos pelo Estado têm novo corte

Mais 14 itens deixam de ser fornecidos – Greve da Furp compromete distribuição de 49 remédios considerados essenciais

A Secretaria de Estado da Saúde anunciou, nesta semana, novo corte no fornecimento de medicamentos do Programa de Alto Custo. O problema afeta centenas de cidades paulistas e também trará reflexos em Tatuí. Desta vez, ainda mais grave já que a Furp (Fundação para o Remédio Popular) tem funcionários em greve desde o final de maio.

No início de março, o primeiro corte na liberação de remédios foi anunciado pelo Governo do Estado. Mais de 40 itens foram suspensos. Dos 70 medicamentos fornecidos pelo programa, apenas 29 foram mantidos, entre eles, leites especiais e insulinas especificas. Agora, mais 14 itens irão gerar desfalque.

Cerca de 1.800 pacientes estão cadastrados no programa, segundo o cadastro do Assistência Social. A lista inclui drogas usadas para diferentes tipos de doença, como colesterol, asma, doenças pulmonares, catarata, osteoporose. Os medicamentos que não estão sendo entregues são: azatioprina 50 mg, calcipotriol, desmopressina, neocate, isotretinoina 10 mg, masalazina 400 mg, pravastatina 20 mg, vigabatrina 500 mg, cabergolina, donepezila 5 mg, formoterol 12 mg, lamotrigina 50 mg, metotrexato 25mg/ml e sulfassalazina 500 mg.

O secretário municipal de Saúde, Umberto Fanganiello Filho, Tuta, lembra que a greve da Furp reduzirá também a distribuição outros medicamentos considerados básicos, que devem ser distribuídos pelo estado, como antibióticos, anti-hipertensivos, analgésicos, anti-inflamatórios e medicamentos para controle de glicemia. Segundo informações preliminares, cerca de 49 itens já não estão sendo fornecidos regularmente. “Estamos nos desdobrando, reforçando estoques e otimizando a distribuição para tentar suprir esse grave problema. Contamos com a colaboração e a consciência da nossa população, já que compete ao estado e não ao município fornecer esses medicamentos”, explicou.