Boletim de informações COVID-19 n° 775 Tatuí, 13 de maio de 2022, sexta-feira 11h00

27.351 CASOS CONFIRMADOS VÍRUS SARS-COV-2
26.733 PACIENTES RECUPERADOS
502 ÓBITOS CONFIRMADOS
116 INFECTADOS EM TRATAMENTO
26,42 MÉDIA MÓVEL INFECTADOS / DIA

Fonte: Prefeitura de Tatuí

quarta-feira, 22 de dezembro de 2021

Câmara aprova orçamento de R$ 441.978.160 para Tatuí em 2022

Valor é 14,44% maior que o de 202; emendas para reforço no orçamento da Cultura e entidades beneficentes foram rejeitadas.

Votação da emenda que destinava 1% para a Cultura

22/12/2021 |  A Câmara Municipal de Tatuí aprovou, na sessão desta segunda-feira (20), o Orçamento Municipal para 2022, que prevê receita e despesa de R$ 441.978.160. O valor é 14,44% maior que o do corrente ano.

A LOA (Lei Orçamentária Anual) para 2022 distribui a verba da seguinte forma: 
  • Secretaria de Governo, R$ 5,309 milhões; 
  • Administração e Negócios Jurídicos, R$ 10,710 milhões; 
  • Planejamento, Trabalho e Gestão Pública, R$ 2,299 milhões;
  • Fazenda e Finanças, R$ 34.241.950; 
  • Segurança Pública e Mobilidade Urbana, R$ 18,927 milhões;
  • Assistência e Desenvolvimento Social, R$ 4,951 milhões;
  • Obras e Infraestrutura, R$ 34,018 milhões; 
  • Agricultura e Meio Ambiente, R$ 6,858 milhões; 
  • Educação, R$ 141,672 milhões; 
  • Saúde, R$ 120.685.500; 
  • Esporte, Cultura, Turismo, Lazer e Juventude, R$ 5,792 milhões.

A LOA ainda prevê o orçamento das autarquias municipais: 
  • R$ 2.817.250 para a Femague (Fundação Educacional Manoel Guedes) e 
  • R$ 40.151.160 ao TatuíPrev (Instituto de Previdência Próprio do Município de Tatuí). J
A Câmara Municipal de Tatuí tem previsão de R$ 12.546.300 em seu orçamento.

Duas secretarias terão redução de verbas: a Assistência e Desenvolvimento Social (-33,85%) e Obras e Infraestrutura (-0,54%).

Receberão mais dinheiro: Planejamento, Trabalho e Gestão Pública (+33,47%), Agricultura e Meio Ambiente (+39,08%), Saúde (+31,92%) e outras.

O maior incremento, no entanto, será ao Fusstat (Fundo Social de Solidariedade de Tatuí), dentro da pasta de Governo, que passará de R$ 773 mil em 2021 para R$ 1,144 milhão em 2022,  um aumento de 47,99%.

Emendas

Duas emendas acabaram rejeitadas pelo plenário Câmara. O vereador Eduardo Sallum (PT) apresentou emenda ao orçamento para realocação de recursos para a Cultura, criando crédito próprio ao Fundo Municipal de Cultura. A emenda destinava 1% do Orçamento 2022 para a Cultura, para manutenção do Fundo, premiações culturais e artísticas e compra de equipamentos e materiais.

Votaram favoravelmente os vereadores Eduardo Sallum (PT), Débora Camargo (PSDB), Cláudio dos Santos (PSL), Fábio Villa Nova (PP) e Maurício Couto (PSDB). Oito votaram "Não": Gabriela Xavier (Podemos), João Eder (MDB), Eduardo Perbelini (Republicanos), Márcio Camargo (PSDB), Micheli Vaz (PP), Paulinho Motos (PRTB), Renan Cortez (MDB) e Valdir Proença (Podemos). 

João Francisco de Lima Filho (Cidadania) se absteve de votar. Pepinho (PSD) e Cintia Yamamoto (PSDB) não compareceram à sessão. 

Outra emenda destinava mais recursos para entidades beneficentes que atendem crianças, adolescentes e idosos. Votaram favoravelmente os autores Villa Nova (PP) e Micheli Vaz (PP), mais os vereadores Eduardo Sallum (PT) e Cláudio dos Santos (PSL). 

Antônio Marcos de Abreu (PSDB), por ser presidente, não vota.

Nenhum comentário:

Postar um comentário