Boletim de informações COVID-19 n° 708 Tatuí, 20 de janeiro de 2022, quinta-feira - 11h00h

23.497 CASOS CONFIRMADOS VÍRUS SARS-COV-2
22.032 PACIENTES RECUPERADOS
462 ÓBITOS CONFIRMADOS
1.003 INFECTADOS EM TRATAMENTO
349,42 MÉDIA MÓVEL INFECTADOS / DIA

Fonte: Prefeitura de Tatuí

terça-feira, 19 de outubro de 2021

Secretário de Cultura de SP vai para cima de vereador após ser chamado de 'sem vergonha'

Briga ocorreu nesta terça-feira (19) durante uma reunião sobre o Conservatório de Tatuí.

Por Júlia Nunes, g1 Itapetininga e Região

Secretário de Cultura de SP vai para cima de vereador após ser chamado de 'sem vergonha' em Tatuí — Foto: Arquivo pessoal

19/10/2021 |  O secretário estadual de Cultura e Economia Criativa, Sérgio Sá Leitão, visitou a cidade de Tatuí (SP) nesta terça-feira (19) e se envolveu em uma briga com o vereador Eduardo Sallum (PT) durante uma reunião na prefeitura.

No vídeo que o g1 teve acesso, é possível ver que os dois discutiram sobre os cortes no Conservatório Dramático e Musical “Dr. Carlos de Campos”, ou Conservatório de Tatuí, considerada a maior escola de música e artes cênicas da América Latina.

Secretário de Cultura de SP vai para cima de vereador após ser chamado de 'sem vergonha'

Durante a discussão, o vereador acusou o secretário de mentir ao falar que não houve cortes no orçamento do conservatório.

“O senhor veio mentir aqui em Tatuí. Tem que ter vergonha na cara. [...] O senhor mamava no nosso governo. Agora vem falar… Sem vergonha", disse o vereador.

Depois disso, o vídeo mostra que o secretário bateu na mesa e se aproximou do vereador. Em seguida, outras pessoas que estavam na reunião separaram os dois (veja acima).

Após a briga, o vereador Sallum foi até a delegacia de Tatuí e registrou um boletim de ocorrência.

Segundo o relato do parlamentar à polícia, “ao questionar o secretário sobre a existência de corte no orçamento do conservatório, o secretário acabou se irritando e indo para cima da vítima, sendo impedido de agredir a vítima pelas pessoas que estavam no local”.

Políticos discutiram durante reunião em Tatuí — Foto: Arquivo pessoal

Ainda conforme o BO, na reunião, também estavam presentes outros vereadores de Tatuí, o prefeito, a deputada estadual Damaris Moura e representantes da organização social Sustenidos, para debater sobre assuntos do conservatório, como cortes no orçamento e demissões.

O g1 entrou em contato com a assessoria do vereador Eduardo Sallum e com a Secretaria Estadual de Cultura e Economia Criativa para pedir um posicionamento sobre a situação e aguarda resposta.

Nenhum comentário:

Postar um comentário