Boletim de informações COVID-19 n° 708 Tatuí, 20 de janeiro de 2022, quinta-feira - 11h00h

23.497 CASOS CONFIRMADOS VÍRUS SARS-COV-2
22.032 PACIENTES RECUPERADOS
462 ÓBITOS CONFIRMADOS
1.003 INFECTADOS EM TRATAMENTO
349,42 MÉDIA MÓVEL INFECTADOS / DIA

Fonte: Prefeitura de Tatuí

quarta-feira, 20 de outubro de 2021

artigo | A verdade é dura, secretário

Márcia Lia

Lamentável assistir que após acalorada discussão com o vereador Eduardo Sallum, o secretário de Cultura do Estado, Sá Leitão, tenha se retirado da reunião em Tatuí sem explicar os cortes no orçamento do Conservatório. 

Dados aos quais temos acesso mostram que o orçamento do instituto está estagnado há dez anos, isso significa que o Conservatório tem muito menos recursos hoje do que tinha há 10 anos. 

Para 2022, o Estado prevê quase que o mesmo valor de 2010: R$ 26 milhões. Não foram poucas as vezes que alertamos e nos reunimos com o próprio Sá Leitão para levar nossa preocupação com cortes no orçamento do Conservatório, mas também do Projeto Guri, da Osesp, da Pinacoteca e outros museus, de programas e projetos culturais. Sem contar extinções e terceirizações. Pequenas reversões têm sido conquistadas pela reação popular, dos artistas e das comunidades, como no caso do Projeto Guri, há dois anos, mas a redução é inegável. 

E o Conservatório de Tatuí há tempos sofre com demissões e reduções de oferta de cursos. Pena que o secretário tenha perdido a oportunidade de explicar sua versão, a de que não há cortes, na reunião de Tatuí. Os fatos adorariam ser confrontados. Quanto a nós, seguimos na luta em defesa do Conservatório e da Cultura de São Paulo.

Márcia Lia é Deputada Estadual

Nenhum comentário:

Postar um comentário