Nosso Jornal Online

Tatuí, 


sexta-feira, 31 de janeiro de 2014

Primeira etapa da pavimentação do Jardim Bela Vista está adiantada

Evandro Ananias/Comunicação Tatuí
Prefeitura, editado - A Prefeitura de Tatuí deve concluir já nas próximas semanas a primeira etapa do projeto de pavimentação do jardim Bela Vista. O tão sonhado asfalto chega primeiramente a três ruas, Professora Eny Vanni de Campos, Bento Roberto Fornazari e João Alberto Pires de Campos, num total de 1.163 metros lineares de pavimento. A melhoria contemplou ainda implantação de galerias para escoamento de águas de chuva, implantação de guias, sarjetas e calçada, além de sinalização horizontal e vertical.

A planta técnica aponta para números expressivos. São 10.890,70 metros quadrados de asfalto, 4.045,39 metros quadrados de calçada e mais 2.333,56 metros lineares de guias e sarjetas. O investimento total passa de R$ 1,2 milhões, compartilhado entre o Governo Federal, que disponibilizou R$ 840.228,66, e a Prefeitura, que liberou R$ 400 mil dos cofres do próprio município.

A obra iniciada na última semana de novembro foi realizada em tempo recorde e contou com a inesperada ausência de chuvas do mês de janeiro. O vereador e presidente da Câmara Municipal, Oswaldo Laranjeira Filho, é morador do bairro e lembra que ao longo de décadas diversos prefeitos prometeram levar asfalto ao Bela Vista, porém os compromissos não foram cumpridos. “A própria população do bairro acabou ficando descrente. Durante a última campanha eleitoral fizemos reuniões apresentando nossas ideias e projetos. Agora, vemos essa primeira etapa concluída. É só o começo de uma administração que vai ficar para história da cidade”, comentou.

Já o prefeito José Manoel Correa Coelho, Manu, lembrou que esta primeira fase priorizou o chamado corredor de ônibus no bairro que facilitará o acesso ao transporte público, com maior segurança e conforto para os moradores locais. Ele voltou a afirmar que outras ruas serão contempladas com pavimento graças ao maior pacote de infraestrutura da história da cidade, que terá investimento superior a R$ 20 milhões -R$ 18,7 milhões liberados também pelo Governo Federal, via PAC II (Programa de Aceleração do Crescimento), mais R$ 2 milhões como contrapartida da Prefeitura. “Graças ao apoio da Câmara Municipal, em especial do presidente Laranjeira, estamos concluindo esse primeiro passo. Acompanhei de perto essa luta, como vereador. Agora, será a vez de resolver esse problema de maneira definitiva, de uma vez por todas, e levar dignidade aos moradores do bairro”, finalizou.

Nenhum comentário:

Postar um comentário