Boletim de informações COVID-19 n° 795 Tatuí, 30 de setembro de 2022, sexta-feira, 11h00

1 PACIENTES HOSPITALIZADOS
5 INFECTADOS EM TRATAMENTO
46 DIAS SEM ÓBITOS PELA COVID-19
4 CASOS CONFIRMADOS EM 7 DIAS
0,57 MÉDIA MÓVEL DE CASOS POR DIA

Fonte: Prefeitura de Tatuí

sexta-feira, 16 de setembro de 2022

Uma das associações de cavalos mais antigas do Brasil comemora 88 anos e sucesso de evento

Inscrições de animais de diferentes pelagens, como a pampa, cresceram 22,38% na 44ª Exposição Nacional do Mangalarga.

16/09/2022 | A Associação Brasileira de Criadores de Cavalos da Raça Mangalarga (ABCCRM) realizou o maior evento do cavalo de sela do Brasil. A 44ª Expo Nacional do Cavalo Mangalarga, que marcou as comemorações de 88 anos da entidade, ocorreu de 07 a 17/09, no Centro Hípico de Tatuí. Os atletas participaram de provas de Marcha, Morfologia e Funcionais.

“As inscrições de animais de diferentes pelagens, como a pampa, cresceram 22,38% na 44ª Exposição Nacional do Mangalarga. Nos eventos em geral, o crescimento de novas pelagens atingiu mais de 70%. Esse trabalho de expansão da raça faz parte de um programa de incentivo da entidade”, comenta Eduardo Silvestrini, diretor de Pelagens da ABCCRM.

A expansão da raça e o seu mercado

88 anos depois de sua fundação, em 25 de setembro de 1934, a ABCCRM contabiliza 200 mil animais registrados. Em 2021, foram realizados 25 leilões, com faturamentos de até R$ 3 milhões/cada, uma média de R$ 120 mil/animal. Este ano, já ocorreram 15 leilões, com receitas acima de R$ 4 milhões e média de R$ 266 mil, um aumento de 33% (2021x2022).

Características do Mangalarga do Brasil

Outros pontos do cavalo Mangalarga a destacar são a marcha cômoda, o bom temperamento, a docilidade, a facilidade para o adestramento e a boa resistência física, o que atrai quem está em busca de um animal para lazer ou esporte. De acordo com a ABCCRM, a raça vem sendo desenvolvida em parceria com mais de 5 mil associados de todo o país.

(Camila Pedroso)

Nenhum comentário:

Postar um comentário