Nosso Jornal Online

Tatuí, 


quarta-feira, 16 de dezembro de 2009

Defesa Civil atendeu 35 vítimas das chuvas em 5 bairros



Defesa Civil divulga relatório de chuvas, 35 pessoas são atendidas em cinco bairrosA Defesa Civil de Tatuí divulgou dois relatórios nesta terça-feira (15), que contemplam cinco bairros - Vila Palmira, Vila Esperança e Centro, no dia 3 de dezembro, e Distrito de Americana e Jardim Tomás Guedes, nos dias 8 e 9. Entre os problemas enfrentados, que afetaram diretamente 35 pessoas, estão enchentes e desabamentos.
No dia 3, quinta-feira, houve alagamento de residências na Vila Palmira, na rua industrial Camilo Vanni, inclusive com perda de móveis e pertences em uma das casas atingidas. Já na Vila Esperança, na rua Florindo Antunes Machado, o muro frontal de uma residência desabou e uma calçada cedeu. Na região central da cidade, na rua Onze de Agosto, houve rompimento de uma parede de uma edícula, o que causou alagamento e danos nos pertences do proprietário. Nas ruas Teófilo Andrade Gama, Santa Cruz e Tamandaré, a chuva rompeu placas de asfalto e deslocou lajotas. A causa apontada pela Defesa Civil foi uma precipitação de água considerada muito forte, por volta das 18h, quando em 40 minutos foram acumulados 62 milímetros de chuva. Em consequência disso, enxurradas causaram danos em residências e nas ruas. Houve ainda queda de encostas no leito do Ribeirão Manduca e alagamento da marginal do ribeirão entre as ruas Marechal Floriano Peixoto e Sete de Abril. No dia 3, 19 pessoas foram afetadas.
O Distrito de Americano teve pontos críticos na rua Maria da Conceição Martins e no Pesqueiro Benfica. Na rua houve inundação, assim como em nove residências. Já o pesqueiro teve 90% de suas casas de veraneio alagadas. Segundo relatório da Defesa Civil, a causa foi a chuva ininterrupta da noite de 7 de dezembro que se prorrogou até a madrugada do dia 8, totalizando 12h de chuvas em Tatuí e região. Devido à chuva ter atingido as cabeceiras dos rios Sorocaba, Sarapuí e Tatuí e pela represa Itupararanga ter aberto parcialmente suas comportas, assim como a represa do sítio histórico da Floresta Nacional Ipanema que abriu cinco comportas, houve inundações no Distrito de Americana, por onde passam os rios Sorocaba e Tatuí, e no Jardim Tomás Guedes (Rio Tatuí). Com atuação da Defesa Civil nos dias 8 e 9 de dezembro nesses pontos, foram registradas 16 pessoas afetadas.
A Defesa Civil Municipal divulga que as ocorrências devem ser comunicadas à Guarda Civil Municipal/Defesa Civil (199), ou a qualquer outro telefone emergencial: Polícia Militar (190), Ambulâncias (192) e Bombeiros (193). Em Tatuí, os telefones emergenciais estão localizados num mesmo espaço físico, no Centro de Comunicação de Emergência (CCE). Assim basta discar qualquer um dos números e entrar em contato com a Defesa Civil.

Nenhum comentário:

Postar um comentário