Nosso Jornal Online

Tatuí, 

PUBLICIDADE

ANUNCIE AQUI

Peça já seu orçamento
e-mail para publicidade@diariodetatui.com

quinta-feira, 19 de maio de 2016

Fundo Social de Tatuí terá sede própria no barracão da antiga estação ferroviária

Prefeitura de Tatuí – Débora Holtz
Novo espaço vai ampliar o número de cursos e projetos oferecidos à população

O Fundo Social de Solidariedade de Tatuí é um dos setores que mais cresceu desde 2013 e até o final deste ano já terá capacitado mais de 6 mil pessoas. E agora se prepara para um novo salto em sua estrutura para garantir na ampliação dos projetos e dos cursos, através da tão esperada sede própria, que funcionará no barracão da estação ferroviária, que foi liberado pelo DENIT (Departamento Nacional de Infraestrutura e Transportes). A demanda vinha sendo encaminhada pelo prefeito José Manoel Correa Coelho, Manu, desde o início de seu mandato.

O prédio será readequado para receber salas administrativas e um Centro de Capacitação com cozinha artesanal e salas para outros cursos. O amplo espaço vai abrigar ainda o Polo da Construção Civil que vai possibilitar aos alunos melhor estrutura para o desenvolvimento das aulas práticas. E com isso, vai gerar mais economia para o município já que o projeto vai sair de um local alugado. 

Para a presidente do Fundo Social, Ana Paula Cury Fiuza Coelho, este é mais um objetivo alcançado. “Com este novo espaço vamos ampliar os cursos e ainda vamos conseguir atender os moradores do Dr. Laurindo, Parque Três Marias e Santa Luzia. Nosso objetivo sempre foi atender toda a cidade e aos poucos estamos conseguindo levar a capacitação para toda a nossa população”, concluiu.

De acordo com o prefeito Manu, o prédio, que foi construído em 1930, será restaurado preservando todos os aspectos daquela época. “Ele está em processo para ser tombado pelo patrimônio histórico e, com o restauro, vamos proteger o valor cultural e arquitetônico da construção. Essa preocupação estava presente em meu plano de governo e vem sendo estimulado através de parcerias com a iniciativa privada, com as novas sedes do Banco do Brasil e da COOP, e de capacitações voltadas ao setor, como o restauro e preservação de prédios históricos oferecido pela Escola do Senai, que possibilitou a restauração da fachada e estrutura do Mercado Municipal”, finalizou.

Nenhum comentário:

Postar um comentário