Nosso Jornal Online

Tatuí, 

PUBLICIDADE

ANUNCIE AQUI

Peça já seu orçamento
e-mail para publicidade@diariodetatui.com

domingo, 27 de dezembro de 2015

Boletim do COBAT


CONSELHO DE BAIRROS DE TATUI - COBAT

CNPJ/MF No 00.430.214/0001-06. Utilidade pública desde 2004

Oficio COBAT- 382/15

Ref. Pedido de informações.

Em 04 de agosto de 2008, servindo-se do Oficio COBAT-045/08 o Conselho de Bairros de Tatuí – COBAT indagava quantos acessos foram projetados ao município de Tatuí a partir do km 105,900 até o km 129,800, pelo contrato de duplicação da SP-127, bem como reivindicava uma cópia do projeto de duplicação. Note-se que este e-mail foi encaminhado à Artesp com cópia à SPVias, e ao D.E.R. – Itapetininga.

Recebemos, datado de 11/03/2008, da Divisão Regional de Itapetininga – DR-02, o Protocolo 83.394 que diz: Foram projetados e construídos sete retornos em nível, quando da duplicação da SP-127 no trecho do km 105,90 ao km 148,35 e três retornos em desnível um no entroncamento da da SP-127 com a SP-129, outro na SP-127 com a SP-268 e outro de acesso a Tatuí/Quadra onde foi construído um viaduto. Quanto à cópia do contrato de concessão será necessário consultar a Artesp. Fizemos isso e a resposta nos informava não mais existir cópia desse projeto. 

Em 10/08/2008, através seu Oficio COBAT- 118/08, enviado por e-mail à Casa Civil do Palácio do Governo, em cópia à Ouvidoria Artesp, à CCR-SPvias e a Cprado SPvias, este Conselho de Bairros de Tatuí - COBAT em atenção a pedido de moradores, tecia comentários a respeito das dificuldades geradas pela duplicação da SP-127 na altura dos kms 126,400, e km 115,500 cujas entradas aos bairros foram cerceadas. 

No decorrer dos anos seguintes aconteceu troca e–mails sobre o mesmo assunto mas que não levou a lugar nenhum, ou seja, nenhuma providência foi tomada pelos responsáveis.

É interessante repetir aqui que o “direito de ir e vir” ao cidadão residente no bairro de Santa Adelaide vem sendo violado, uma vez que o acesso para deixar sua propriedade é livre, já para seu retorno à mesma é obrigado a desembolsar uma certa parcela em dinheiro, parcela esta próxima aos R$ 10,00 (dez reais). Considerando que muitos proprietários tiveram suas terras seccionadas pela duplicação da SP-127, essas mesmas terras dependem de acesso para transporte de máquinas como colheitadeiras, tratores, funcionários, transporte de gado de um pasto para outro, enfim torna-se necessária a construção de um dispositivo de ligação entre as duas margens da SP-127, um dispositivo em nível ou uma PSI.

Dia 21 de dezembro de 2015, dias antes do natal de 2015 próximo passado, lemos no FACEBOOK a nota abaixo, acompanhada das fotos

MORADORES DO JURUMIRIM E SANTA ADELAIDE TERÃO O TÃO ESPERADO RETORNO.

Segundo o prefeito Manu:

“O ano está quase acabando e 2016 vêm chegando com boas notícias para nossa cidade. Acabo de sair de uma reunião onde discutimos um estudo que está sendo finalizando pela Artesp e o Ministério Público para a construção de uma passagem subterrânea entre os bairros Jurumirim e Santa Adelaide que ficam às margens da rodovia Antônio Romano Schincariol, a SP-127. Com isso, os moradores terão um retorno ao centro da cidade sem precisar passar pelo pedágio. Este era um sonho antigo dos moradores que fazem o mesmo trajeto todos os dias.”

Realmente uma noticia que causou certo impacto entre os cidadãos tatuianos, já desacreditados com essa possibilidade, pois desde 2008 o COBAT vem tentando manter contato com os órgãos responsáveis. Temos ainda urgente necessidade de dispositivo de acesso na altura da mesma SP-127, proximidades do Fórum local, acesso este ao bairro dos Fragas, que em muito desafogará o congestionamento gerado durante o entardecer debaixo do viaduto sobre a ligação da Av. Vice-Prefeito Pompeo Reali com a Rod. Mário Batista Mori. 

Considerando que nestes 8 anos nossas cobranças foram infrutíferas, só nos resta parabenizar a todos que optaram por ceder aos cidadãos tatuianos isto que não mais é senão um presente de natal. No intuito de termos dissipadas nossas preocupações, solicitamos de vossas senhorias nos informarem se já existe algum projeto com data prévia para inicio/término das obras e qual será a sua forma, viaduto ou PSI, caso seja a segunda, solicitamos nos informar as suas prováveis dimensões, uma vez que por ela deverão transitar colheitadeiras, tratores, caminhões, gaiolas pantaneiras, além de veículos de passageiros. Ficamos no aguardo de vosso breve retorno para que possamos informar aqueles que nos procuram há algum tempo a respeito dessa reivindicação tão importante para o nosso município, especialmente para o nosso cidadão. Agradecemos pelo presente de natal tão esperado ao mesmo tempo em que desejamos a todos e um feliz e prospero 2016, repleto de grandes realizações.

Sem outro particular, renovamos os protestos de elevada e distinta consideração. Tatuí, 27 de dezembro de 2.015

ANTONIO DE PÁDUA OLIVEIRA, Presidente do COBAT

À ARTESP – AGÊNCIA REGULADORA DO TRANSPORTE NO ESTADO DE S. PAULO, São Paulo – SP

Nenhum comentário:

Postar um comentário