Nosso Jornal Online

Tatuí, 


domingo, 19 de maio de 2013

Banda Sinfônica de Tatuí apresenta obras de compositor russo, dia 23

Concerto com duas obras de Stravinsky terá solos de Rafael Pelaes

A Banda Sinfônica do Conservatório de Tatuí apresenta novo concerto na quinta-feira, dia 23. O concerto será a partir das 20h30, no teatro Procópio Ferreira. Com regência de Dario Sotelo, o concerto terá como destaques o solo de clarinete de Rafael Pelaes e as obras do compositor Igor Stranvisky, figura presente nas temporadas das principais orquestras do país neste ano. O compositor é destacado por conta do centenário da obra “Sagração da Primavera”, celebrado neste ano e considerado um marco na história da música clássica.

No programa estão duas obras de Stravinsky: “Ebony – Concerto para Clarinete e Sopros”, com solo de Rafael Pelaes, e “Danças Concertantes”. Também serão apresentadas as obras “Vigils Keep”, de J. Giroux, e “In Wartime”, de D. Del Tredici.“Assim como outros grupos no país, a Banda Sinfônica do Conservatório de Tatuí também apresentará a obra ‘Sagração da Primavera’. Porém, destacaremos outras de Stravinsky, como neste concerto, convidando mais um integrante da banda para atuar como solista”, afirma o maestro Dario Sotelo. Rafael Pelaes é primeiro clarinete concertino da Banda Sinfônica e professor de clarinete do Conservatório de Tatuí.

A Banda Sinfônica do Conservatório de Tatuí é um dos 11 grupos pedagógico-artísticos e um dos mais ativos da instituição. Apresenta cerca de três concertos ao mês em todo o Estado de São Paulo. Neste ano, o grupo vem recebendo integrantes como solistas. Já participaram os saxofonistas Rafael Migliani e Maikel Morelli. Devem também se apresentar como solistas, no próximo mês, o flautista Anselmo Pereira e a pianista Cristiane Bloes.

Rafael da Silva Pelaes - Graduando em pedagogia pela Universidade Luterana do Brasil (Ulbra), estudou no Conservatório Municipal “Cacilda Becker” de Pirassununga, sob orientação dos professores Paulo Molina (AFA); Luiz Gonzaga Carneiro “Gonzaguinha” (Brasília); e dr. Joel Barbosa (Piracicaba/USA). Formou-se em clarinete erudito pelo Conservatório Dramático e Musical “Dr. Carlos de Campos” de Tatuí em 1997, sob a orientação dos professores José Teixeira Barbosa e Max Eduardo Ferreira. Atuou como clarinetista na Banda Municipal de Pirassununga, Banda Sinfônica do Conservatório de Tatuí e foi clarinete solo da Orquestra Sinfônica do Conservatório de Tatuí. Foi regente e professor da Banda Municipal de Porto Ferreira. Como professor, atuou no projeto Pró Bandas, no 1º Encontro Internacional de Orquestras e Coros Sinfônicos de Campos dos Goytacazes (RJ) e no Projeto Guri (Polo Sorocaba). Como clarinetista, participou da gravação dos CDs “Compositores Brasileiros” (Banda Sinfônica do Conservatório de Tatuí), “Compositores Brasileiros” (Pró Bandas) e “Obras Brasileiras” (Orquestra Sinfônica do Conservatório de Tatuí). Apresentou-se sob regência de maestros como Adriano Machado, Edson Beltrami, Dario Sotelo, Laszlo Marosi, Aylton Escobar, Roberto Farias, entre outros. Atualmente é o 1º clarinete concertino e chefe do naipe de clarinetes da Banda Sinfônica do Conservatório de Tatuí, professor de clarinete do Conservatório de Tatuí e clarinete solo da Orquestra Sinfônica de Ourinhos (convidado).

Nenhum comentário:

Postar um comentário