Boletim de informações COVID-19 n° 125 Tatuí, 01 de junho de 2020 - 11h

157 CONFIRMADOS
117 RECUPERADOS
10 ÓBITOS
21 SUSPEITOS
1 ÓBITOS SUSPEITOS

Fonte: Prefeitura de Tatuí

domingo, 20 de novembro de 2011

Jovem morre em acidente em Boituva

ADRIANE SOUZA/COLABORAÇÃO PARA O BOM DIA

Um acidente grave na madrugada de sábado (19) tirou a vida de Rodrigo José da Paz, 25 anos, na rodovia Vicente de Palma, em Boituva.

Por volta das 6h, o jovem e sua namorada, Beatriz de Campos Vieira, seguiam de Boituva para Tatuí, quando um caminhão - que trafegava na outra pista, sentido São Paulo - entrou na alça de acesso para tentar retornar em local proibido, na altura da SP-129.

O veículo conduzido por Rodrigo não conseguiu frear e acabou entrando embaixo do caminhão. O Corpo de Bombeiros seguiu para o local e resgatou Beatriz com ferimentos leves. Já o condutor do veículo morreu no momento do acidente e acabou ficando preso nas ferragens.

O corpo foi removido horas depois, após um trabalho intenso dos bombeiros. A namorada da vítima fatal foi encaminhada para o Hospital de Boituva com ferimentos leves e foi liberada. O caminhão guincho apresentou dificuldades para remover o carro do local do acidente.

O condutor do caminhão, que viajava acompanhado da esposa, nada comentou sobre o incidente. O casal não teve sua identidade divulgada pela polícia. Eles não sofreram nenhum tipo de ferimento.

Testemunhas que estiveram no local do acidente disseram que o motorista do caminhão declarou que não teria notado a aproximação do veículo de Rodrigo, por isso continuou a manobra de retorno. O trecho 129 da rodovia Vicente de Palm é considerado tranquilo e acidentes como este são classificados como raros.

2 comentários:

Anônimo disse...

Conheço o rapaz, só acho que as leis Brasileiras deveriam ser mudadas o infeliz do motorista do caminhão sabia que era proibido o contorno naquele local, na minha opinião deveria ser aprendido o caminhão e multa no valor do caminhão, e o infeliz deveria ser preso e ficar pelo menos por uns 30 anos, pois ele sabia dos risco e mesmo assim fez, na minha opinião as leis deveriam ser mudadas e cadeia mas cadeia de verdade para estes criminosos que se escondem atras de um volante.

Cintia disse...

É realmente a muita impunidade neste país, um jovem trabalhador, fazendo uma faculdade para ter uma vida melhor, morrer tragicamente pela imprudencia de um motorista que deve pagar por ter tirado a vida de outro pelo seu erro. Rodrigo utilizava onibus fretado para ir a faculdade para se livrar de pegar a estrada tentado amenizar risco de acidente e morreu desta maneira tão cruel. A familia pedimos a Deus que console, pois só ele dará conforto neste momento...

Postar um comentário