Boletim de informações COVID-19 n° 781 Tatuí, 24 de junho de 2022, sexta-feira, 11h00

9 PACIENTES HOSPITALIZADOS
299 INFECTADOS EM TRATAMENTO
13 DIAS SEM ÓBITOS
139 CASOS CONFIRMADOS EM 4 DIAS
38 MÉDIA MÓVEL DE CASOS POR DIA

Fonte: Prefeitura de Tatuí

terça-feira, 27 de maio de 2014

Tatuí realiza primeira edição da Semana do Teste do Pezinho

Após atingir 100% de cobertura, cidade investe na informação e capacitação de profissionais

Em 2013, Tatuí conseguiu levar a cobertura do exame do pezinho a 100% dos recém-nascidos no município. Graças ao reordenamento do setor, o teste desde então é realizado na própria maternidade antes que o bebê receba alta. O avanço rendeu frutos e agora em 2014 a cidade realiza a primeira edição da Semana do Teste do Pezinho que acontece integrada à nova fase de formação da quarta triagem neonatal. O evento acontece na próxima sexta-feira, 30, na Câmara Municipal, das 9h às 13h. A organização é da Secretaria Municipal da Saúde, Maternidade Maria Odete Azevedo e conta com apoio da Unimed Tatuí.

A programação destaca a importância da realização do teste do pezinho, que é obrigatório por lei em todo o Brasil. A simples atitude de se realizar o exame faz com que doenças causadoras de sequelas irreparáveis no desenvolvimento mental e físico da criança sejam detectadas e tratadas mesmo antes do aparecimento dos sintomas. O diagnóstico precoce oferece condições de tratamento logo nas primeiras semanas de vida do bebê.

Além das orientações às mães que frequentam a maternidade e a estrutura pública de saúde no município, a programação prevê duas palestras gratuitas, além de um espaço aberto para o público tirar duvidas sobre o tema. Todas as ações são gratuitas e abertas ao público.

A primeira palestra trará como tema “Apresentação dos Laudos e as 4 Patologias da Fase III e Deficiência da Biotinidase” e será ministrada pela Doutora Giselle Yuri, que é biomédica do Programa Nacional de Triagem Neonatal da APAE de São Paulo e do Ministério da Saúde. A segunda exposição abordará “As armadilhas na Triagem Neonatal da Hiperplasia Adrenal Congênita” e terá como coordenadora Tânia Sanchez Bachega, que é professora livre docente em endocrinologia pela Universidade de São Paulo, professora associada da Disciplina de Endocrinologia da Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo, membro do Grupo de Apoio Técnico em Triagem Neonatal do Ministério da Saúde, e PhD pela Associate Professor of Endocrinology School of Medicine.

Segundo a coordenadora municipal do Teste do Pezinho, Maria do Carmo de Campos, a fenilcetonúria, o hipotireoidismo congênito e a deficiência de biotinidase podem levar à deficiência intelectual se não tratadas precocemente. “É extremamente importante que o teste do pezinho seja realizado nas primeiras horas de vida do bebê para que se faça o diagnóstico precoce dessas doenças. Iniciar o tratamento assim que detectado o problema previne que se desenvolvam complicações e permitindo maior qualidade de vida aos pacientes””, argumenta.

Maternidade em Foco - Desde novembro de 2013 foi implantado em Tatuí o “Projeto Maternidade em Foco” que garante que todos os recém-nascidos realizem o teste do pezinho antes de receber alta na maternidade. Antes da implantação desse projeto, dados estatísticos mostravam que de cada 100 crianças, quatro ficavam sem a avaliação.

Nenhum comentário:

Postar um comentário