PUBLICIDADE

Boletim de informações COVID-19 n° 164 Tatuí, 09 de julho de 2020 - 11h

553 CONFIRMADOS
427 RECUPERADOS
29 ÓBITOS
152 SUSPEITOS
25 HOSPITALIZADOS

Fonte: Prefeitura de Tatuí

quinta-feira, 25 de junho de 2020

Sorocaba tem um caso de coronavírus em cada 180 habitantes

Tatuí tem um para 310. O levantamento foi realizado pelo jornal Cruzeiro do Sul

Marcel Scinocca, no Cruzeiro do Sul, com edição do DT

Cidade-sede lidera percentual de infecção na RMS, mas situação ainda é melhor que no Estado e no País. Crédito da foto: Erick Pinheiro

25/06/2020 | Sorocaba tem um caso de coronavírus para cada grupo de 180 habitantes. As informações estão em um levantamento realizado nesta quarta-feira (24) pelo jornal Cruzeiro do Sul, com base em informações oficiais da Secretaria de Saúde (SES). As informações levam em consideração, também, os dados de outras 26 cidades da Região Metropolitana de Sorocaba (RMS).

Para Sorocaba, o levantamento tem como referência os dados da SES divulgados no início da noite desta quarta. No boletim epidemiológico, a cidade tinha 3.776 casos confirmados. Para obter o resultado, foi usada a expectativa da população de Sorocaba pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) em 2020, que é de 679.378 pessoas. Com isso, chegou-se ao grupo com 180 habitantes para cada caso confirmado do novo vírus.

São Paulo e Brasil

A cidade tem situação mais favorável quando a comparação é com os números do Estado de São Paulo e do Brasil. Com relação ao Estado, a média é de um caso para grupo de 161 habitantes, tendo por referência a população estimada do Estado pelo IBGE, de 45.919.049 habitantes, e os 283.822 casos confirmados pela Secretaria de Estado de Saúde.

Com relação ao Brasil, que tinha 1,192 milhão de casos confirmados conforme os números divulgados ontem pelo consórcio de veículos de comunicação, e população estimada de 211.692.000 pessoas, há um caso para cada 177,5 habitantes.

O levantamento considerou as informações repassadas pelas 27 prefeituras da região até ontem (24). No entanto, algumas cidades não tinham dados atualizados — como Sarapuí, cujo último boletim foi divulgado em 19 de junho. A reportagem também considerou os casos confirmados junto às penitenciárias do Estado de São Paulo.

Região Metropolitana de Sorocaba

Cidade-sede da RMS, Sorocaba lidera o percentual de infecção por grupo de habitantes. Pela mesma métrica, a lista aponta, pela ordem, Capela do Alto, com um caso para cada grupo de 238 habitantes; Porto Feliz, com um para 250; Boituva, um para 288; Votorantim, um para 308; Tatuí, um para 310; Tapiraí, um para 339; Piedade, um para 350; São Miguel Arcanjo, um para 354; Itu, um para 399; Araçariguama, um para 407; Salto de Pirapora, um para 445; Ibiúna, um para 487; Araçoiaba da Serra, um para 495; São Roque, um para 520; Alumínio, um para 532; Alambari, um para 603; Mairinque, um para 637; Salto, um para 694; Pilar do Sul, um para 748; Itapetininga, um para 766; Tietê, um para 825; Iperó, um para 825; Cerquilho, um para 844; Cesário Lange, um para 955; Sarapuí, um para 1.469; e Jumirim, um para 3.367 habitantes.

No total, a RMS tem 7.075 casos confirmados. Como a região possui população estimada de 2.143.786 habitantes, a média é de um caso para cada grupo de 303 pessoas.

Históricos

Em 10 de maio, quando o Cruzeiro do Sul publicou o primeiro levantamento sobre o tema, Piedade tinha o maior percentual de infecção da RMS. À época com 43 casos confirmados e população de pouco mais de 55 mil habitantes, o município registrava um caso confirmado de Covid-19 para cada 1.287 habitantes. Ibiúna aparecia na sequência, com um caso confirmado de coronavírus para cada grupo de 1.488 pessoas. Sorocaba estava na sétima posição, com um caso para cada grupo de 2.739 habitantes. Naquele momento, a cidade possuía 248 casos confirmados.

Em 29 de maio, Sorocaba já era a quinta da Região Metropolitana no ranking de casos de infecções por novo coronavírus em relação ao número de habitantes. A cada 820 moradores da cidade, um estava infectado. Uma semana antes, era um caso para cada 1.240 moradores. Capela do Alto liderava a lista, com uma pessoa infectada para cada 560 moradores. Piedade, Tapiraí e Ibiúna apareciam na sequência. (Marcel Scinocca)

Nenhum comentário:

Postar um comentário

PUBLICIDADE