Nosso Jornal Online

Tatuí, 


quinta-feira, 16 de maio de 2019

Comitiva de Tatuí acompanha formação inclusiva para motoristas de ônibus de Guarulhos

Redação Guarulhosweb, com edição do DT 

Formação sobre transporte de pessoas com deficiência

16/05/2019 | Uma comitiva com representantes de Tatuí esteve em Guarulhos, na região metropolitana de São Paulo, nesta quarta-feira, 15/05, para conhecer a formação sobre transporte de pessoas com deficiência e idosos oferecida aos operadores das empresas de ônibus. A atividade é realizada pela Prefeitura de Guarulhos.

Nesta etapa 60 condutores participaram da formação realizada na garagem da Viação Campo dos Ouros, no Jardim Bela Vista. Foram abordados os assuntos: terminologia correta, formas de abordagem, tipos de deficiência e processo de envelhecimento da população de Guarulhos. Os condutores também vivenciaram na prática as dificuldades encontradas no dia a dia das pessoas com deficiência. Na oportunidade, a empresa também preparou uma ação de sensibilização dos condutores para redução de acidentes de trânsito.

Além dos condutores, participaram da formação o gerente operacional João Carlos e o instrutor de treinamento Jair Beserra Lima, ambos da Campo dos Ouros. De Tatuí estiveram presentes: Isaías Rodrigues de Paula, técnico em Segurança do Trabalho; Rita de Cassia Leme Ramos, diretora de departamento da pessoa com deficiência; Raul Vallerine, chefe do departamento do transporte público; Luís Carlos Rossi, agente de trânsito, e Rubens da Silva Avila, guarda civil municipal.

Para o secretário de Direitos Humanos, Lameh Smeili, a iniciativa foi assertiva e transformadora do comportamento dos condutores que passaram a compreender melhor a pessoa com deficiência e os idosos que dependem do transporte público. “A formação aproximou essas pessoas e inspirou o exercício do respeito entre elas”, disse.

De acordo com o subsecretário de Acessibilidade e Inclusão, Toninho Messias, a troca de experiências é muito importante para a efetiva inclusão da pessoa com deficiência no transporte. “Ações como essa servem de exemplo para outras cidades, objetivando a melhoria dos serviços prestados no transporte para todas as pessoas”, afirmou.

Já o subsecretário de Políticas para o Idoso, Walid Shuqair, ressalta que a formação provoca uma mudança de comportamento dos condutores em relação às pessoas com deficiência e idosas. “O saldo é positivo para os condutores e também para os usuários do transporte público”, afirmou.

Nenhum comentário:

Postar um comentário