Nosso Jornal Online

Tatuí, 

PUBLICIDADE

ANUNCIE AQUI

Peça já seu orçamento
e-mail para publicidade@diariodetatui.com

quarta-feira, 27 de julho de 2016

Gonzaga oficializa candidatura a prefeito e coligação define Luiz Paulo como vice

Chistian Pereira de Camargo

No sábado, dia 23, nas dependências da Câmara Municipal de Tatuí, aconteceu a convenção suprapartidária que homologou a candidatura do empresário Luiz Gonzaga Vieira de Camargo (PSDB) a prefeito. A convenção definiu que o advogado Luiz Paulo Ribeiro da Silva (PSDB) será o candidato a vice-prefeito. Onze partidos definiram também suas composições para a eleição proporcional, sendo que dez deles fizeram suas convenções neste sábado. O PEN (Partido Ecológico Nacional) marcou sua convenção para o dia 4 de agosto, 18h, quinta-feira. 

A chapa majoritária denominou-se como coligação “Tatuí tem Jeito” e é formada pelas seguintes legendas: PSDB, PP, PR, PTB, PV, PTN, PMN, PSDC, PSL, PRP e PEN. As chapas das coligações proporcionais ficaram assim definidas, com cada uma delas com 34 candidatos a vereador: PSDB/PR, PTB/PP/PTN, PV/PMN e PSDC/PSL/PRP/PEN, totalizando 136 candidatos.

A convenção suprapartidária contou com a presença de dois deputados federais: Renata Abreu (PTN) e Samuel Moreira (PSDB), atual secretário-chefe da Casa Civil do Governo do Estado de São Paulo. Prefeitos da região também estavam presentes, como Ramiro de Campos (PSDB), de Cesário Lange. Os pré-candidatos tucanos Luís Carlos Américo (Quadra) e Ronaldo Pais de Camargo (Cesário Lange) também compareceram para prestigiar o evento político.

Gonzaga, em seu discurso, fez uma série de críticas a atual gestão, a qual classificou como “muito ruim”. Defendeu como prioridade principal a geração de empregos. Ainda disse que o município precisa de uma “recuperação urgente” na área da saúde (tempo de exames e falta de remédios e médicos) e da infra-estrutura (buracos, mato, lixo e obras inacabadas ou pessimamente realizadas, como a Ponte de Marapé e a Avenida Pompeu Reali, entre outros pontos). Destacou que não irá retirar nenhum benefício do que foi conquistado pelo funcionalismo público, referindo-se principalmente aos turnos de 6 horas na área da saúde.

O candidato tucano também fez elogios ao nome de Luiz Paulo Ribeiro da Silva, indicado pelos partidos da coligação como candidato a vice-prefeito. “Como secretário da Fazenda da minha gestão o Luiz Paulo me ajudou bastante, por isso fomos muito bem avaliados em nossa administração e conseguimos trazer tantos investimentos. Depois o Luiz Paulo trabalhou muito bem como secretário da Fazenda do Luiz Di Fiori em Itapetininga, deixando em caixa algo em torno de R$ 90 milhões, até o falecimento do prefeito da vizinha cidade. É um administrador moderno que vai me ajudar muito no governo. Quero que ele nos ajude a reformular a Lei de Incentivos, criada de forma pioneira na minha gestão, para podermos atrair mais e novos investimentos”, destacou o candidato.

Gonzaga falou aos presentes que tem o trânsito político necessário para buscar recursos no Governo Federal e no Governo do Estado. Disse que montará uma equipe competente para realizar os projetos necessários, ponto básico para a busca de recursos. “Quando deixei a Prefeitura em 2012 havia uma equipe montada que funcionava muito bem. Agora ela não existe mais. Hoje Tatuí perde para Cesário Lange em projetos em tramitação na Caixa Econômica Federal, por exemplo. Isso acontece porque não existe planejamento, não existe uma boa equipe. Também quando sai deixei em dia todas as certidões negativas, para que o município e a Santa Casa pudessem receber os recursos necessários dos governos federal e estadual. A Santa Casa hoje, não possui as certidões porque vem sendo mal administrada. Com isso, não recebe sequer emendas parlamentares”, apontou Gonzaga.

Foto: Coligação de 11 partidos define Gonzaga e Luiz Paulo como candidatos a prefeito e vice-prefeito.

Nenhum comentário:

Postar um comentário