Nosso Jornal Online

Tatuí, 


sexta-feira, 28 de setembro de 2018

Passageiros aumentam até 60% o risco de acidentes, revela pesquisa da Ford

Estudo feito pela Ford comprova que todos os motoristas tendem a ser menos atentos e capazes de prever riscos quando transportam pessoas no veículo


IGOR VEIGA
INSTA @IGOR.VEIGA_

28/09/18 | Frequentemente, estudos internacionais e nacionais apontam o uso do celular como maior vilão dos motoristas hoje. No entanto, um estudo da Ford comprovou o que muita gente já desconfiava. 

A chance de um veículo sofrer um acidente é 60% maior ao transportar passageiros do que quando se está sozinho ao volante.

De acordo com a Ford, a interferência causada pelo passageiro depende de vários fatores, como idade, sexo e relação que ele mantém como o motorista.

Passageiro homem x mulher motorista

O estudo concluiu que as mulheres apresentam índices mais baixos de direção perigosa. Mas quando elas dirigem com um homem no banco do passageiro, a possibilidade de fazer manobras arriscadas aumenta.

“Os passageiros devem ter consciência de que a sua presença afeta o comportamento do motorista. Eles ajudam a criar o clima da viagem e tanto podem ser tranquilos e prestativos como gerar estresse e má influência”, diz Robson Jardim, supervisor de operações do Campo de Provas da Ford, em Tatuí.

Como ser um bom passageiro

Com base na pesquisa, a Ford elencou cinco recomendações de como ser bom passageiro dentro de um carro:

1. Seja um navegador útil: adote uma postura ativa durante a viagem, ajudando na localização do caminho, atendendo o telefone e avisando sobre os riscos que se aproximam, mas de maneira calma e produtiva.

2. Não distraia o motorista: se você espera que ele se concentre na estrada, faça sua parte para reduzir as distrações. Não fale alto ao telefone, nem mude constantemente a música ou comente o modo como ele dirige.

3. Fique acordado: passageiros que dormem durante a viagem podem aumentar a probabilidade de o motorista também pegar no sono. Se necessário, troque de lugar com ele em viagens longas para que todos possam tirar uma soneca quando o cansaço chegar.

4. Mantenha as crianças seguras: todos no carro devem estar protegidos com cintos de segurança. As crianças, em especial, devem estar em cadeirinhas ou assentos adequados à idade para reduzir as distrações e aumentar a segurança.

5. Chame a atenção se necessário: os passageiros têm o direito de dizer ao motorista que pare de colocar suas vidas em perigo se ele estiver dirigindo com imprudência ou comportamento de risco. Mas isso deve ser feito de forma tranquila, para não gerar sustos.

Nenhum comentário:

Postar um comentário