Nosso Jornal Online

Tatuí, 


quarta-feira, 26 de junho de 2019

MURAL DE NOTÍCIAS

BETO CORRÊA
O pianista Beto Corrêa estreia nesta quinta-feira, no Sesc Sorocaba, seu primeiro disco autoral. O álbum “Dias melhores” será apresentado num show gratuito, a partir das 20h, e reúne a paixão do artista pela música brasileira e pelo jazz, em composições que fundem o moderno e o tradicional. Corrêa é professor de piano e prática de conjunto no Conservatório de Tatuí. (Cruzeiro do Sul)

CURSO DE TEATRO PARA CRIANÇAS
O Conservatório de Tatuí está com inscrições abertas até sábado (29/06) para o Curso Livre de Teatro Para Crianças. São 25 vagas para crianças de 9 a 12 anos de idade. Interessados podem entrar no link http://www.conservatoriodetatui.org.br/vagas/livre-de-teatro-infantil/

PROCESSO SELETIVO NA FATEC ITAPETININGA
A Fatec Professor Antônio Belizandro Barbosa Rezende, de Itapetininga, anuncia dois novos Processos Seletivos destinados a contratação de Professor de Ensino Superior para o curso de: Análise e Desenvolvimento de Sistemas.

CELSO DE MELLO
O ministro tatuiano Celso de Mello, do STF, poderia ter feito história nesta terça-feira (25). Na última sessão do semestre, Celso deu o voto decisivo contra a concessão de liberdade ao ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva enquanto o STF não conclui a análise de um pedido de suspeição do ex-juiz Sérgio Moro, flagrado em gravações divulgadas pelo site americano Intercept em atitude de perseguição a Lula.

Golpe do falso leilão de veículos faz vítima em Itapetininga

Segundo a polícia, vítima recebeu mensagens por um aplicativo com ofertas de veículos que estariam à venda por leilão. Interessado, homem pagou R$ 1,5 mil para 'dar entrada na documentação'.

Por G1 Itapetininga e Região, com edição do DT

25/06/2019  | Um casal de Itapetininga (SP) registrou um boletim de ocorrência, na segunda-feira (24), depois de pagar um valor em um golpe de falso leilão de veículos.

Segundo a polícia, a mulher, de 45 anos, alega que o marido recebeu mensagens de um homem por um aplicativo se passando por funcionário do Detran e oferecendo carros e motos que estariam à venda por leilão.

Casal registra ocorrência após cair em golpe de falso leilão de veículos em Itapetininga

De acordo com o boletim de ocorrência, o golpista enviou fotos dos veículos com valores variados de R$ 3 mil a R$ 10 mil e afirmou que, para fechar negócio, a vítima deveria depositar metade do valor de um deles para dar entrada na documentação.

A mulher afirmou à polícia que o primeiro depósito para compra de uma moto foi de R$ 1,5 mil. O marido foi orientado a fazer outro depósito no mesmo valor, para retirar a moto, que já estaria disponível no Detran de Sorocaba (SP).

Ao chegar no local, os funcionários disseram ao casal que não havia nenhum veículo à venda e que não conheciam o nome do suposto funcionário. O casal também não conseguiu mais contato com o homem. Após o registro da ocorrência, a Polícia Civil vai investigar o caso.

O Detran disse que não envia mensagens por meio de aplicativos sobre leilões de veículos. Informou que eles são divulgados por editais publicados no portal do órgão e disse que os leilões podem ser virtuais e presenciais e são divididos entre veículos com direito a documentação e destinados para a sucata ou reciclagem.

terça-feira, 25 de junho de 2019

Conservatório de Tatuí: inscrições para cursos abertas até sexta (28)

Instituição oferece 51 vagas para atividades nas áreas de MPB/Jazz e Choro; interessados devem se cadastrar pela internet

24/06/2019 | O Conservatório de Tatuí está com inscrições abertas até dia 28 de junho para 17 cursos nas áreas de MPB/Jazz e Choro. Ao todo, são oferecidas 51 vagas, a maioria destinada a pessoas que já têm conhecimento musical.

Há duas vagas para candidatos que não têm conhecimento no setor. Os interessados podem realizar o cadastro pela internet. Na área de MPB/Jazz, os cursos disponíveis são: Violão (2 vagas), Guitarra (4), Piano (4), Flauta Transversal (1), Clarinete (1), Saxofone (5), Trompete (3), Trombone (1), Bateria (1), Percussão (7), Viola Caipira (1) e Canto (6).

Para os cursos de instrumento, a idade mínima exigida é de 14 anos. No caso do curso de Canto, a idade mínima exigida é de 18 anos. Na área de Choro, são oferecidas quatro vagas para Violão Choro (idade mínima 14 anos), uma vaga para Bandolim (idade mínima 9 anos), três vagas para Flauta Choro (idade mínima 12 anos) e cinco vagas para Percussão Choro (idade mínima 14 anos).

Já os cursos de Cavaquinho e Bandolim oferecem uma vaga (cada) para pessoas que sem conhecimento musical. Nesse caso, a idade mínima exigida é de nove anos. Em todos os casos é necessário ser alfabetizado.

Etapas

Para as vagas que não exigem conhecimento musical, a seleção será feita em uma etapa, que consiste em entrevista presencial realizada por uma banca de professores, que poderá pedir ao candidato que realize atividades e exercícios musicais simples, com a finalidade de auferir a percepção auditiva e memória musical.

A seleção é feita em duas etapas para as demais vagas. Na primeira, os candidatos deverão gravar um vídeo em que apareçam tocando uma das peças indicadas pelo regulamento. O conteúdo deve mostrar o candidato de corpo inteiro e não pode ter edições ou cortes.

O vídeo deve ser disponibilizado na plataforma YouTube e o link da gravação precisa ser informado na ficha de inscrição. É importante ressaltar que todos os comunicados e convocações serão feitos pelo site da instituição. É responsabilidade do candidato acompanhar as publicações e cumprir os prazos estabelecidos.

SERVIÇO
Novas vagas para cursos de MPB/Jazz e Choro
Inscrição: até 18h do dia 28 de junho de 2019
Regulamento e ficha de inscrição: www.conservatoriodetatui.org.br/vagas
Inscrições gratuitas

 Do Portal do Governo

Concertos gratuitos agitam Conservatório de Tatuí

2ª Mostra de Prática de Conjunto segue até domingo com apresentações de vários grupos musicais

Coro Jovem do Conservatório de Tatuí (Divulgação)

25/06/2019 | O Conservatório de Tatuí realiza nesta semana a 2ª Mostra de Prática de Conjunto 2019, que traz em sua programação diversos concertos com os Grupos Pedagógicos mantidos pela escola. Todos os eventos têm entrada gratuita.

Nesta quarta-feira, dia 26, o Coro Jovem do Conservatório de Tatuí interpretará trechos da “Missa Breve em Honra a São João Batista”, obra composta por René Quignard, e o “Estudo de Solfejo nº 1”, de Noel Gallon. O concerto será às 10h, no Auditório da Unidade 2, com acompanhamento do pianista Daniel Lazala. A professora responsável é Ester Freire.

Na quinta-feira, dia 27, o primeiro grupo a se apresentar é o Jazz Combo Jovem do Conservatório de Tatuí, que sobe ao palco do Teatro Procópio Ferreira às 15h. O repertório terá uma seleção de canções escritas por Tom Jobim, que inclui “Samba do Avião/Só danço samba”, “Chovendo na roseira”, “Caminhos cruzados”, “Triste”, “Dindi”, “Luiza”, “Inútil paisagem” e “Passarim”. O professor responsável é o trompetista Diego Garbin. 

No mesmo dia, às 18h, a Camerata Jovem de Violões do Conservatório de Tatuí toca no Auditório da Unidade 2, acompanhada de diversos grupos de Música de Câmara da escola. De acordo com a professora responsável, Márcia Braga, o programa terá “Inflexão Modinheira”, “Canção para uma pessoa viva” e “Serenata para Dilermando” (Geraldo Ribeiro), “Prelúdio das Bachianas nº 4” (Heitor Villa-Lobos), “Sons de Carrilhões” (João Pernambuco), “Sou tão feliz” (R. Mário e Lima e Silva), “Vê se te agrada” (Dilermando Reis), “Gente Humilde” (Garoto) e “Minha terra” (Waldemar Henrique). 

E ainda na quinta-feira, às 20h, o Conjunto de Metais apresenta-se no Teatro Procópio Ferreira, sob orientação do professor Edmilson Baia. O grupo interpretará “Overture from Don Carlos” (Giuseppe Verdi), “Fandango” (Joseph Turrin), “Americano em Paris” (George Gershwin) e “Fear of the dark” (Steve Harris).

Na sexta-feira, dia 28, às 20h, quem sobe ao palco do Teatro Procópio Ferreira é o Grupo de Percussão Jovem do Conservatório de Tatuí, que apresentará “Marcha Cumbia” (Stephen Tillapaug), “Bossa Novacaine” (Thomas Davis), “Three Asiatic Dances” (George Frock), “Cha cha” (Eckhard Kopetzki), “Repercussion” (Pierre Métral), “Aubrey” (David Gates), “Plasma” (R. Nuttal), “Quartet for paper bags” (Larry Spivack), “Variations on a four note theme” (Saul Fieldstein) e “Tequila” (Chuck Rio). O professor responsável é Agnaldo Silva.

A 2ª Mostra de Prática de Conjunto 2019 continua até domingo, com concertos da Orquestra de Cordas Infantil, Orquestra de Cordas Infantojuvenil e Banda Sinfônica Infantojuvenil. Confira a programação completa no calendário do site: www.conservatoriodetatui.org.br.

Campanha do Agasalho - Todos os eventos têm entrada gratuita, mas o público pode contribuir com doações espontâneas para a Campanha do Agasalho, realizada pelo Governo do Estado de São Paulo por meio do Fundo Social, com apoio do Conservatório de Tatuí. Criada em 1947, a Campanha deste ano traz o tema “Nosso superpoder contra o frio é um agasalho novo”, com os personagens Ben 10 e As Meninas Superpoderosas, do Cartoon Network. Com esse time generoso – heróis superpoderosos e a população de Tatuí e região – o frio certamente deixará de ser um monstro gigante. 

SERVIÇO
2ª MOSTRA DE PRÁTICA DE CONJUNTO 2019
Luciano Pereira, coordenação
Data: 24 a 30 de junho
Entrada gratuita

Coro Jovem do Conservatório de Tatuí
Ester Freire, professora responsável
Luciano Pereira, coordenação 
Data: 26 de junho, quarta-feira
Horário: 10h00
Local: Auditório da Unidade 2 
Rua São Bento, 808, Centro, Tatuí-SP

Jazz Combo Jovem do Conservatório de Tatuí
Diego Garbin, professor responsável
Luciano Pereira, coordenação 
Data: 27 de junho, quinta-feira
Horário: 15h00
Local: Teatro Procópio Ferreira
Rua São Bento, 415, Centro, Tatuí-SP

Camerata Jovem de Violões do Conservatório de Tatuí
Márcia Braga, professora responsável
Luciano Pereira, coordenação 
Data: 27 de junho, quinta-feira
Horário: 18h00
Local: Auditório da Unidade 2
Rua São Bento, 808, Centro, Tatuí-SP

Conjunto de Metais do Conservatório de Tatuí
Edmilson Baia, professor responsável
Luciano Pereira, coordenação 
Data: 27 de junho, quinta-feira
Horário: 20h00
Local: Teatro Procópio Ferreira
Rua São Bento, 415, Centro, Tatuí-SP

Grupo de Percussão Jovem do Conservatório de Tatuí
Agnaldo Silva, professor responsável
Luciano Pereira, coordenação 
Data: 28 de junho, sexta-feira
Horário: 20h00
Local: Teatro Procópio Ferreira
Rua São Bento, 415, Centro, Tatuí-SP

Orquestras de Cordas Infantil e Infantojuvenil do Conservatório de Tatuí
Ana Lúcia Leite e Adriano Contó, professores responsáveis
Luciano Pereira, coordenação 
Data: 29 de junho, sábado
Horário: 11h00
Local: Teatro Procópio Ferreira
Rua São Bento, 415, Centro, Tatuí-SP

Banda Sinfônica Infantojuvenil do Conservatório de Tatuí
Marco Almeida Júnior, professor responsável
Luciano Pereira, coordenação 
Data: 30 de junho, domingo
Horário: 11h00
Local: Teatro Procópio Ferreira
Rua São Bento, 415, Centro, Tatuí-SP

Musicum Trio fará um recital nesta quarta-feira, dia 26, às 19h

Grupo se apresenta no Salão Villa-Lobos, com entrada gratuita, na programação da 2ª Semana de Música de Câmara do Conservatório de Tatuí 

Musicum Trio (Foto: Conservatório de Tatuí)

O Conservatório de Tatuí promove nesta quarta-feira, dia 26, às 19h, um recital com o Musicum Trio. O grupo apresenta-se como convidado especial da 2ª Semana de Música de Câmara 2019 da escola, que segue até sexta-feira com audições de alunos em vários horários. Todas as apresentações são realizadas no Salão Villa-Lobos, com entrada gratuita. 

Formado por Thais Valim (piano), Abner Antunes (violino) e Jefferson Perez (violoncelo), o grupo convidado interpretará “Trio em Sol Maior”, obra escrita pelo compositor austríaco Joseph Haydn, e “Trio nº 1, Opus 8 em Si Maior”, do compositor alemão Johannes Brahms.

O Musicum Trio foi formado durante o "33º Festival Internacional de Inverno de Campos do Jordão” e, desde então, conquistou diversos prêmios, entre eles o primeiro lugar e o prêmio de Melhor Música Brasileira no “XX Concurso Nacional de Música de Câmara Cidade de Araçatuba" e 4º lugar no “III Concurso de Música de Câmara do 51º Festival Villa-Lobos” no Rio de Janeiro. Também participou do “6º Concurso Internacional de Música de Câmara Joseph Joachim”, na Universidade de Música Franz Liszt em Weimar, Alemanha.

Em 2017, foi solista frente às Orquestras Sinfônicas de Sorocaba e do Conservatório de Tatuí com o “Concerto Tríplice de Beethoven”, além de participar como júri do “9º Prêmio Incentivo à Música de Câmara do Conservatório de Tatuí”.

No início de seu trabalho, em 2002, recebeu incentivo e orientação do violoncelista Zygmunt Kubala e da pianista Anna Cláudia Agazzi. Participou de master class com o violinista Leon Spierer (Filarmônica de Berlim) e atualmente recebe orientação de John McGrosso (Arianna String Quartet). Dentre outros projetos, participou de “A Música de Câmara e os 100 Anos de Guerra-Peixe”, “Mostra de Música de Câmara de Sorocaba” e realizou uma série de recitais na cidade de Sorocaba, apresentando "A Integral dos Trios de Wolfgang Amadeus Mozart - Homenagem aos 250 anos de Nascimento". 

A pianista Thais Valim iniciou seus estudos no Conservatório Musical João Baptista Julião com Altamiro Bernardes e Keyla Conegero, formando-se na classe de Ilza Maria Soares. É bacharel em Música pela Universidade de São Paulo na classe de Heloísa Zani e aperfeiçoou-se com a pianista russa radicada no Brasil, Olga Kiun. Atualmente, recebe orientação de Marisa Lacorte. Leciona Piano e Música de Câmara no Instituto Municipal de Música de Sorocaba e Piano na Escola de Música "Maestro Nilson Lombardi", em Votorantim.

O violinista Abner Antunes iniciou seus estudos no Instituto Municipal de Música de Sorocaba, com Dyan Toffollo Ayres, Éber Dos Santos e Vlamir Devanei Ramos Jr. Também é formado pelo Conservatório de Tatuí na classe do professor Wanderley Pizzigatti. Bacharel em Música pela Faculdade Mozarteum de São Paulo na classe de Cláudio Micheletti, com quem estuda atualmente. É professor de violino no Instituto Municipal de Música de Sorocaba, chefe de naipe dos segundos violinos da Orquestra Sinfônica do Conservatório de Tatuí e participa como convidado na Orquestra Sinfônica da Universidade de São Paulo (USP).

O violoncelista Jefferson Perez é bacharel em Música pela Universidade Estadual Paulista na classe de Zygmunt Kubala, iniciou seus estudos no Conservatório de Tatuí, formando-se na classe de Eduardo Bello. Aperfeiçoou-se com Alceu Reis e é pós-graduado em Música de Câmara pela Uninter, sob orientação de David Chew. Atualmente, é professor de Violoncelo no Conservatório de Tatuí e no Instituto Municipal de Música de Sorocaba. Atua como 1º violoncelo na Orquestra Sinfônica de Sorocaba e é músico convidado da Orquestra Sinfônica de Campinas.

SERVIÇO
2ª Semana de Música de Câmara 2019 do Conservatório de Tatuí
Recital com Musicum Trio
Thais Valim, piano
Abner Antunes, violino
Jefferson Perez, violoncelo
Data: 26 de junho, quarta-feira
Horário: 19h00
Local: Conservatório de Tatuí - Salão Villa-Lobos
Rua São Bento, 415, Centro, Tatuí-SP
Entrada gratuita

Após 50 anos, julgamento de território em Iperó é marcado pelo STF

Disputa de terras entre a União, o Estado de São Paulo e particulares inclui todo o bairro Vileta, em Iperó, dificultando a busca de convênios para melhorias no local.

Trecho do Bairro Vileta, em Iperó

25/06/2019 | Envolvendo uma disputa de terras entre a União, o Estado de São Paulo e particulares, na qual está incluído todo o bairro Vileta, em Iperó, o processo mais antigo do país em andamento no Supremo Tribunal Federal (STF), finalmente teve seu julgamento marcado. A Ação Cível Originária (ACO) 158, de relatoria da ministra Rosa Weber, foi incluída na pauta de julgamento do dia 07 de agosto e pode por fim a demandas fundiárias e sociais da população que reside no bairro.

A informação do julgamento do caso, que recentemente virou notícia em veículos de comunicação de grande circulação, foi recebida pelo prefeito de Iperó, Vanderlei Polizeli, nesta segunda-feira (24).

Após completar 50 anos, circular na imprensa por diversas vezes e ser apresentado pelo próprio prefeito em reunião com a ministra em três diferentes reuniões ao longo dos últimos anos, o julgamento pode representar a resolução do problema fundiário e de infraestrutura de 4,5 mil moradores que residem no bairro.

O resultado da sessão do dia 07 deve definir a questão da propriedade da área, sem a qual, as equipes que trabalham desde 2013 na regularização do Vileta não conseguem muitos avanços. Isso porque essa indefinição representa um entrave para o município que, apesar de trabalhar nos levantamentos topográficos, sociais e documentais, somente poderá regularizar em definitivo a área quando a propriedade estiver definida corretamente.

O prefeito Vanderlei Polizeli relembra que em todas as reuniões que realizou no STF apresentou os problemas enfrentados pela população e pelo município com relação ao bairro e destacou a importância do julgamento para a cidade. “Acompanhamos de perto esse processo desde 2013, diversas vezes buscamos o avanço do julgamento no STF, portanto, essa notícia é uma grande conquista. O impasse dificulta a busca de convênios para melhorias que o bairro necessita, além dos títulos de propriedade, que também se tornam mais problemáticos. Agora, iremos acompanhar o julgamento e, dentro do possível, trabalhar para o avanço mais rápido do processo”. 

Homem é preso suspeito de roubar moto no Jardim Das Garças

Suspeito foi detido na Avenida Pompeo Reali. Homem foi encaminhado à delegacia, onde foi reconhecido pela vítima.

Por G1 Itapetininga e Região, com edição do DT

Homem é preso suspeito de roubar moto em Tatuí — Foto: Divulgação/Policia Militar

25/06/2019 | Um homem foi preso suspeito de roubar uma moto na noite de segunda-feira (24), na Avenida Pompeo Reali, em Tatuí.

Segundo a Polícia Militar, por volta de 21h30 a equipe recebeu uma denúncia de que uma moto foi roubada no Jardim das Garças. Os policiais encontraram o suspeito com o veículo descrito na avenida.

Ainda de acordo com a polícia, ele tentou fugir ao ver os policiais, porém a equipe conseguiu abordá-lo. O suspeito foi encaminhado à delegacia, onde foi reconhecido pela vítima.

Ele foi preso por roubo consumado e permaneceu à disposição da Justiça.

AGENDA CULTURAL

2ª MOSTRA DE PRÁTICA DE CONJUNTO 2019
Luciano Pereira, coordenação
Data: 24 a 30 de junho
Entrada gratuita

Big Band Jovem do Conservatório de Tatuí 
Hudson Nogueira, professor responsável
Luciano Pereira, coordenação 
Data: 25 de junho, terça-feira
Horário: 20h00
Local: Teatro Procópio Ferreira
Rua São Bento, 415, Centro, Tatuí-SP

Coro Jovem do Conservatório de Tatuí
Ester Freire, professora responsável
Luciano Pereira, coordenação 
Data: 26 de junho, quarta-feira
Horário: 10h00
Local: Auditório da Unidade 2 
Rua São Bento, 808, Centro, Tatuí-SP

Concerto especial com “Musicum Trio”
Thais Valim, Piano 
Abner Antunes, violino 
Jefferson Perez, violoncelo 
Data: 26 de junho, quarta-feira
Horário: 19h00
Local: Salão Villa Lobos
Rua São Bento, 415, Centro, Tatuí-SP
Entrada gratuita

Jazz Combo Jovem do Conservatório de Tatuí
Diego Garbin, professor responsável
Luciano Pereira, coordenação 
Data: 27 de junho, quinta-feira
Horário: 15h00
Local: Teatro Procópio Ferreira
Rua São Bento, 415, Centro, Tatuí-SP

Camerata Jovem de Violões do Conservatório de Tatuí
Márcia Braga, professora responsável
Luciano Pereira, coordenação 
Data: 27 de junho, quinta-feira
Horário: 18h00
Local: Auditório da Unidade 2
Rua São Bento, 808, Centro, Tatuí-SP

Conjunto de Metais do Conservatório de Tatuí
Edmilson Baia, professor responsável
Luciano Pereira, coordenação 
Data: 27 de junho, quinta-feira
Horário: 20h00
Local: Teatro Procópio Ferreira
Rua São Bento, 415, Centro, Tatuí-SP

Grupo de Percussão Jovem do Conservatório de Tatuí
Agnaldo Silva, professor responsável
Luciano Pereira, coordenação 
Data: 28 de junho, sexta-feira
Horário: 20h00
Local: Teatro Procópio Ferreira
Rua São Bento, 415, Centro, Tatuí-SP

Orquestras de Cordas Infantil e Infantojuvenil do Conservatório de Tatuí
Ana Lúcia Leite e Adriano Contó, professores responsáveis
Luciano Pereira, coordenação 
Data: 29 de junho, sábado
Horário: 11h00
Local: Teatro Procópio Ferreira
Rua São Bento, 415, Centro, Tatuí-SP

Banda Sinfônica Infantojuvenil do Conservatório de Tatuí
Marco Almeida Júnior, professor responsável
Luciano Pereira, coordenação 
Data: 30 de junho, domingo
Horário: 11h00
Local: Teatro Procópio Ferreira
Rua São Bento, 415, Centro, Tatuí-SP

2ª SEMANA DE MÚSICA DE CÂMARA 2019 DO CONSERVATÓRIO DE TATUÍ
Luciano Pereira, coordenação
Data: 24 a 28 de junho, segunda a sexta-feira
Audições de grupos
Horário: 10h00, 14h00, 16h00, 18h00

7ª Feira do Doce de Tatuí
Data: 06 a 09 de julho
Local: Praça da Matriz de Tatuí-SP
Dia 06/07 – SÁB – 11h: Banda Sinfônica e Big Band do Conservatório de Tatuí (Concerto de Abertura)
Dia 06/07 – SÁB – 17h: Cia. de Teatro do Conservatório de Tatuí
Dia 07/07 – DOM – 16h: Grupo de Choro do Conservatório de Tatuí
Dia 08/07 – SEG – 17h: Jazz Combo do Conservatório de Tatuí
Dia 09/07 – TER – 20h: Conjunto de Metais do Conservatório de Tatuí (Concerto de Encerramento)
Evento gratuito

Exposição Coletiva de Artes Plásticas de Tatuí
Data: Até 21 de julho de 2019
Horário: De segunda a sexta-feira, das 9h às 21h
Aos sábados, domingos e feriados, das 19h às 21h
Local: Centro Cultural de Tatuí
Endereço: Praça Martinho Guedes, nº 12, Tatuí SP
Entrada gratuita

CINEMA PONTO MIS
Filme: Pela Janela (Brasil/Argentina, 2018)
Direção: Caroline Leone
Classificação: 10 anos
Data: Mês de junho, de terça-feira a domingo
Horário: Às 9h30 e às 14h30.
Local: Museu Paulo Setúbal
Endereço: Praça Manoel Guedes, no Centro
Entrada gratuita

Exposição Fotográfica “Douceur Illustrée” (Doçura Ilustrada)
Artista: Débora Holtz
Data: Até o dia 21 de julho, de terça-feira a domingo
Horário: Das 9h às 17h,
Local: Museu Paulo Setúbal
Endereço: Praça Manoel Guedes, nº 98, Centro
Entrada gratuita

Tai Chi Chuan
Professor Takeo Sensei
Data: Todos os sábados
Horário: 8 horas
Local: Praça Ayrton Senna
Entrada gratuita

Cadastro para transporte de universitários será feito de 15 a 18 de julho

Cadastro e recadastro vale para o segundo semestre de 2019. Evento acontece no auditório do NEBAM.


A Prefeitura de Tatuí, por meio da Secretaria de Educação, informa que o cadastro dos interessados em utilizar o Transporte de Alunos Universitários no 2º semestre de 2019 será realizado no mês de julho. Os alunos devem ficar atentos às datas e horários, pois haverá três etapas de cadastramento: recadastro, cadastro novo e pré-cadastro.

Uma equipe da empresa responsável pelo transporte estará no local, junto com a equipe da Secretaria de Educação, para a conclusão do cadastro. Vale ressaltar que não será possível realizar cadastros após o término do prazo estipulado.

Recadastro (para alunos que já fazem uso do transporte)

O recadastramento dos alunos que já utilizam o transporte e têm interesse em renovar o cadastro para o próximo semestre, será realizado nos dias 15, 16 e 17 de julho das 8h às 17h, e no dia 18 de julho das 14h às 20h, na sede do Núcleo de Educação Básica Municipal “Ayrton Senna da Silva” (NEBAM), que está situado na Rua Prof. Oracy Gomes, nº 551, Centro (em frente ao clube XI de Agosto).

Os alunos devem comparecer com os seguintes documentos em mãos: 1 cópia da declaração de matrícula (também serão aceitos boleto da faculdade ou outros documentos que comprovem a matrícula do aluno, como por exemplo histórico escolar ou grade curricular); e RG e CPF original.

Já os alunos que estudam em Sorocaba, além dos documentos descritos acima, também devem apresentar 1 cópia do comprovante de renda familiar atualizado, como por exemplo holerite, Carteira de Trabalho, declaração de autônomo autenticada em cartório ou extrato de aposentadoria (é necessário levar o comprovante de renda de todos que estão declarados na ficha de inscrição).

Cadastro novo (para novos alunos)

O cadastro dos alunos que ingressarão na faculdade no 2º semestre de 2019 e que ainda não possuem cadastro, será realizado nos dias 22 e 23 de julho das 8h às 17h, e dia 24 de julho das 14h às 20h, na sede do Núcleo de Educação Básica Municipal “Ayrton Senna da Silva” (NEBAM), que está situado na Rua Prof. Oracy Gomes, nº 551, Centro (em frente ao Clube XI de Agosto).

Os alunos devem comparecer com a ficha de cadastro (disponível para impressão no site da Prefeitura de Tatuí – www.tatui.sp.gov.br), que deve ser impressa, preenchida e assinada com os seguintes documentos anexos: 1 foto 3x4; 1 cópia do RG; 1 cópia do CPF; 1 cópia da declaração de matrícula (também serão aceitos boleto da faculdade ou outros documentos que comprovem a matrícula do aluno, como por exemplo histórico escolar ou grade curricular); 1 cópia do comprovante oficial do benefício PROUNI/FIES; e 1 cópia do comprovante de endereço no nome do aluno, do pai, ou da mãe (contas de luz, água ou boleto do cartão de crédito). Caso esteja no nome dos avós ou esposo (a), anexar cópia da certidão de nascimento ou de casamento. Se estiver em nome de terceiros, anexar declaração do mesmo, com firma reconhecida em cartório, comprovando a veracidade de sua moradia.

Já os alunos que forem estudar em Sorocaba, além dos documentos descritos acima, também devem apresentar 1 cópia do comprovante de renda familiar atualizado, como por exemplo holerite, Carteira de Trabalho, declaração de autônomo autenticada em cartório ou extrato de aposentadoria (é necessário levar o comprovante de renda de todos que estão declarados na ficha de inscrição);

Os estudantes menores de idade deverão comparecer acompanhados dos pais ou responsáveis.

Pré-cadastro (para alunos que aguardam o resultado de vestibulares ou a resposta do FIES, PROUNI, EMTU e outros) - O cadastro dos alunos que estão aguardando o resultado do vestibular, a resposta do financiamento do FIES, ProUni, EMTU entre outros, mas que já desejam assegurar sua vaga no transporte universitário, para ingressar na faculdade no 2º semestre de 2019, será realizado nos dias 25 de julho das 8h às 17h e no dia 26 de julho das 14h às 20h, na sede do Núcleo de Educação Básica Municipal “Ayrton Senna da Silva” (NEBAM), que está situado na Rua Prof. Oracy Gomes, nº 551, Centro (em frente ao Clube XI de Agosto).

Os interessados devem comparecer com os seguintes documentos em mãos: 1 cópia do RG; 1 cópia do CPF; 1 cópia do comprovante de inscrição no vestibular; 1 cópia do comprovante de endereço no nome do aluno, do pai, ou da mãe (contas de luz, água ou boleto do cartão de crédito). Caso esteja no nome dos avós ou esposo (a), anexar cópia da certidão de nascimento ou de casamento. Se estiver em nome de terceiros, anexar declaração do mesmo, com firma reconhecida em cartório, comprovando a veracidade de sua moradia.

Cadastro e recadastro EMTU - Passe Livre (para alunos que estudam em Sorocaba) - Os alunos matriculados nas instituições de ensino (faculdades) de Sorocaba que não efetuaram seu cadastro no site da EMTU (Empresa Metropolitana de Transporte Urbano), devem se cadastrar da seguinte maneira:

- 1º passo - Solicite na sua instituição de ensino a inclusão de informações no portal da EMTU, como por exemplo nome completo, RG, CPF e CEP residencial. Também é necessário informar se possui benefícios do ProUni, FIES ou renda per capita menor de 1 e meio salário mínimo. - 2º passo - Verifique se seu nome foi incluído no site (www.emtu.sp.gov.br/passe). Preencha o formulário da requisição, envie os documentos digitalizados e imprima o boleto. - 3º passo - Efetuar o pagamento do boleto na rede bancária. Caso não encontre seu nome no site, informe-se em sua instituição de ensino. - 4º passo - Aguarde a confirmação da concessão do seu benefício pela EMTU.

Os alunos que já possuem o cadastro junto a EMTU (Empresa Metropolitana de Transporte Urbano) e utilizam o transporte da empresa Rápido Campinas não precisam fazer o recadastramento para o 2º semestre de 2019.

segunda-feira, 24 de junho de 2019

Alunos da Contra Tempo participam de maratona na cidade de Florianópolis

Taciano Cardoso
24/06/2019 | No domingo, dia 23, três corredores da equipe Contra Tempo Running de Tatuí encararam a Maratona Internacional da Cidade de Florianópolis. De acordo com a organização, a prova tem a altimetria perfeita, temperatura ideal e belezas naturais por todos os lados que formam o cenário perfeito para você superar os 42k de Floripa.

A prova é aferida pela Confederação Brasileira de Atletismo (CBAT) e serve para os atletas obterem índice para participarem de outras provas, como a Maratona de Boston. A corrida foi disputada nas distância de 10k, 21k e 42k

Taciano Cardoso estreou na distância da maratona (42k) e foi muito bem, chegando perto de completar a prova na marca de sub4 horas.

Thomy, aluno da equipe na modalidade à distância, também correu a maratona e completou a prova com um tempo abaixo das 4horas . 

Cesar Coivo, também aluno da equipe na modalidade à distância, correu a meia maratona (21k) e conquistou o seu RP (recorde pessoal) na distância.

Edson Lopes interpreta Allemande (from Luite Suite, BWV 996) (J. S. Bach)

Livro aborda o trabalho escravo na Fábrica de Ferro Ipanema, em Iperó

Obra traz revelações sobre uma modalidade pouco explorada pela historiografia brasileira: os homens que pertenciam ao Estado

Felipe Shikama, no Cruzeiro do Sul, com edição do DT

Fábrica de Ferro São João de Ipanema (1820), pintura de Jean-Baptiste Debret. Foto: Reprodução / J. F. de Almeida Prado (1973)

23/06/2019 | A força de trabalho escravo usada na construção e no funcionamento da Fábrica de Ferro São João de Ipanema, em Iperó, é analisada no livro “Escravos da nação – o público e o privado na escravidão brasileira, 1760-1876” da pesquisadora Ilana Peliciari Rocha, que acaba de ser lançado pela Editora da USP (Edusp).

Com 344 páginas, a obra traz revelações sobre uma modalidade de escravidão pouco explorada pela historiografia brasileira: os escravos que pertenciam ao Estado, que se distinguem como escravos públicos e que durante o Brasil colonial eram chamados de “escravos do Real Fisco” ou “escravos do Fisco” e no Império ficaram conhecidos como “escravos nacionais” ou “escravos da nação”.

O livro é fruto da tese de doutorado em História Econômica, pela USP, defendida pela autora em 2012. A escravidão, aliás, já havia sido objeto de estudos de Ilana na graduação em História, pela Unesp, e no programa de mestrado em História Econômica, também pela USP. “A ideia de trabalhar os ‘escravos da nação’ surgiu, inicialmente, de um bate-papo com meu orientador [professor Dario Horacio Gutierrez Gallardo] e materializou-se com o contato com documentos no Arquivo do Estado de São Paulo”, detalha. A autora examinou fontes oficiais, como os relatórios governamentais dos ministérios, documentos manuscritos como cartas oficiais e requerimentos, legislação, recortes de jornais e outras publicações da época.

Vista da Fazenda de Santa Cruz, propriedade agrícola de usufruto da Coroa. A pintura é do artista Jean-Baptiste Debret. Foto: Voyage Pittoresque et Historique au Brésil (1839)

Conforme ela, esse contingente de escravos públicos foi incorporado ao patrimônio imperial depois do confisco dos bens dos jesuítas pela Coroa portuguesa, em 1760, e continuaram presentes por mais de um século, até a implantação gradual da Lei do Ventre Livre, de 1871.

Além da Fazenda de Santa Cruz, no Rio de Janeiro, uma propriedade agrícola de usufruto da Coroa como local de passeio, o livro analisa a Fábrica de Ferro São João de Ipanema, em Iperó, na Região Metropolitana de Sorocaba (RMS), ambos redutos de escravaria pública que, segundo a pesquisadora, permitem uma visão panorâmica das transformações ocorridas no âmbito do escravismo brasileiro.
Tratamento diferenciado

Quando se fala em escravidão do Brasil, é senso comum associar os escravizados à ideia de propriedade privada, mas pouco ou quase nada é dito sobre a condição de escravos públicos ou estatais, que é o diferencial do livro da pesquisadora de Franca, que atualmente leciona na Universidade Federal do Triângulo Mineiro, (UFTM). “Uma dificuldade é a dispersão da documentação, pois esses escravizados estavam distribuídos em todo o território do Brasil Colonial e Imperial”, afirma.

Obra é fruto de tese de doutorado. Crédito da foto: Reprodução

E quais as diferenças fundamentais entre os escravos públicos e os escravos privados? Segundo a autora, para pensar nessa caracterização é preciso retornar ao tratamento que os jesuítas deram a esses escravizados. “Esses padres estimularam, por exemplo, que os escravizados formassem famílias”, comenta.

Apesar do tratamento diferenciado, Ilana reitera que a condição escrava era comum a todos os escravizados, ou seja, a condição de coisa e a submissão pela força faziam-se presentes. “As escolas e hospitais estavam presentes nos estabelecimentos e, em alguns momentos, receberam os ‘escravos da nação’. Não podemos dizer que eles recebiam um tratamento melhor, mas diferenciado”, acrescenta.

A pesquisadora detalha que no caso da Fábrica de Ipanema, desde o início do empreendimento foi necessário o trabalho de escravos especializados. “Foram encaminhados cem escravos para trabalharem como serventes da obra, doze escravos pedreiros, dez escravos carpinteiros e seis ferreiros”, afirma.

A fábrica, segundo sua pesquisa, estava dividida em seis classes, sendo que alguns escravizados chegam a aparecer na segunda classe. “Aparentemente, caracterizavam-se por um conhecimento técnico mais apurado, responsáveis por passarem esse conhecimento a outros, os mestres. Assim, estavam inseridos nas diversas atividades da Fábrica de ferro. Em quase todas as etapas de produção estavam presentes, exceto nas funções de controle central (primeira classe)”.

O número de escravizados oscilou de 100 a 167 para o período de 1837 a 1862. Posteriormente, ocorreu a redução, gradativamente, para 52 escravizados em 1870.

Essa redução, revela Ilana, ocorreu em função de mortes e transferências de escravos para outros estabelecimentos. “Além disso, as alforrias estavam presentes, principalmente as dos homens, possivelmente aqueles especializados que ganhavam uma remuneração”. (Felipe Shikama)
Serviço

“Escravos da nação – 0 público e o privado na escravidão brasileira, 1760-1876” custa R$ 52 e pode ser adquirido pelo site edusp.com.br.

Recorde Brasileiro Sequencial! 61 way - 2 pontos. (Carlos Vizoni)

Paraquedismo: 61 brasileiros batem recorde nacional de Formação em Queda Livre em Boituva

por Equipe do Site Felipe Vieira, com edição do DT



23/06/2019 | Reunidos no Clube de Trabalho Relativo Boituva (CTR), 61 paraquedistas brasileiros bateram nesta sexta-feira (21), o recorde nacional de saltos, na categoria FQL Sequencial com 2 pontos (Formação em Queda Livre).


No mesmo salto eles formaram duas figuras sob coordenação de 4 L.Os (load organizers).

O responsável geral foi David Rodrigues, do CTR de Boituva, juntamente com os campeões brasileiros André Ferraz e Juliana Sé (do time de 4-Way Optimum).

Piloto de Tatuí, Edu Piano, vence mais uma, desta vez o Rally Poeira

Em Araçatuba (SP), Piano foi Campeão da UTV Over Pró e marcou pontos importantes para o ranking nacional. A prova foi válida pelas 5ª e 6ª etapas do Campeonato Brasileiro de Rally Baja

Piloto de Tatuí é Campeão do Rally Poeira 2019, na UTV Over Pró 
(Nelson Santos Jr/Photo Action)

23/06/2019 | A equipe Território Motorsport deixou Araçatuba (SP) com dois pódios, após percorrer aproximadamente 300 quilômetros de percurso no fim de semana. O piloto de Tatuí, Edu Piano #108, venceu as Especiais de sábado e domingo, 22 e 23, na UTV Over Pró e fechou como Campeão da categoria no Rally Poeira. Já a dupla Bruno Luppi/Flávio Bisi #142 manteve a 2º colocação na UTV Start nos dois dias e terminou como Vice-Campeão da categoria. Ambos competem com um Can-Am Maverick X3 preparados pela equipe.

“O fim de semana foi produtivo para equipe. A prova foi muito boa e prazerosa com vários trechos de alta também e no meio do canavial. O resultado é positivo pois estou focado na categoria e marquei pontos para o campeonato e, ainda, fiz o 6º tempo na geral”, afirma Piano que também comanda a Território Motorsport há 20 anos. Vale ressaltar que o grid foi formado por 43 UTVs, sendo que no Super Prime (22/6), que foi “um mata a mata” disputado de dois em dois, Piano foi o 2º mais rápido.

A mesma Especial (trecho cronometrado) de 110 quilômetros foi percorrida nos dois dias e agradou pelo nível técnico, com piso de areia, terra batida, lombas, trechos de alta velocidade, curvas acentuada. No sábado, ainda, os competidores de UTVs, motos e quadriciclos disputaram um Super Prime em um circuito de 3 quilômetros que foi somado ao tempo da prova e foi uma diversão à parte para o público que acompanhou de perto as máquinas acelerando e levantando poeira.

Se de um lado o experiente o piloto de Tatuí, multicampeão dos ralis, com oito títulos no Rally dos Sertões (um na geral dos carros, seis nos caminhões e um nos UTVs/Over 45) vai concretizando seu desempenho nos UTVs, categoria na qual Piano (50 anos) vem competindo desde 2016, de outro, o jovem Bruno de 14 anos vem ganhando quilometragem e experiência a cada prova e já colhe frutos na sua temporada de estreia nos ralis.

“A cada rali fico mais apaixonado por tudo isso aqui. Essa foi minha quinta prova e em cada uma descubro algo novo. Essa temporada será de aprendizado total, na equipe as dicas dos mais experientes são muito importantes para mim”, explica o piloto de Vinhedo (SP). “O nosso objetivo foi cumprido que era o de manter a liderança no campeonato e o Flávio me ajudou bastante”, completa Bruno que abriu mais a vantagem e lidera com 34 pontos do segundo colocado no ranking nacional. Em Araçatuba, o mineiro Flávio Bisi substituiu o navegador Fausto Dallape e elogiou a pilotagem de Bruno. “Foi uma prova muito técnica que exigiu dos pilotos devido ao terreno misto e foi uma nova experiência para mim. A minha informação era mais essencial, ainda, para o desempenho do Bruno e ele acatou bem e posso dizer que não demorará muito para ele estar entre os mais rápidos da geral”, destaca o navegador com 15 anos de off-road.

A próxima prova do Campeonato Brasileiro de Rally Baja será o Rally de Inverno, em Lençóis Paulista, nos dos dias 27 e 28 de julho.

A equipe conta com o patrocínio da Top Line Cabine Dupla e apoio da SFI Chips. 

Resultado final – Rally Poeira 2019 / Araçatuba

Categoria UTV Over Pró 
1) #108 Edu Piano (Can-Am Maverick X3) – 3h04m22s 
2) #132 Reinaldo Cangueiro (Can-Am Maverick X3) – 23h12m40s
3) #111 Luciano Reis (Can-Am Maverick X3) – 3h19m35s

Categoria UTV Start
1) # 147 Guilherme Di Mase/Lourival Roldan – 3h16m10s
2) # 142 Bruno Luppi/Flávio Bisi – 3h30m14s

Classificação Campeonato Brasileiro de Rally Baja (após Rally Poeira)

Categoria UTV Over Pró 
1) Luciano Reis – 139 pontos
2) Reinaldo Cangueiro – 111 pontos
3) Edu Piano – 99 pontos
4) Edson Tuzino – 47 pontos
5) Dimas Mattos – 42 pontos
6) Adriano Benvenutti – 40 pontos

Categoria UTV Start (pilotos)
1) Bruno Luppi – 138 pontos
2) Guilherme Di Mase – 104 pontos
3) Thiago Torres – 73 pontos

Acompanhe mais informações no site e nas redes sociais:
Facebook: @territoriomotorsport
Instagram: @territoriomotorsport
Twitter @territorio4x4

sábado, 22 de junho de 2019

Insegurança em rodoviárias é motivo de reclamações em Tatuí e Boituva

Em 2018, cinco ocorrências foram registradas na rodoviária de Tatuí. Neste ano, foram duas.

Por G1 Itapetininga e Região, com edição do DT

22/06/2019 | Os passageiros de rodoviárias da região reclamam da sensação de insegurança nos locais.

Em Tatuí, moradores reclamam da insegurança nas rodoviárias. A caixa de um restaurante do local, Fernanda Pessoto, acredita que o ideal seria reforçar a segurança com mais câmeras de monitoramento.

“As câmeras seriam viáveis para todos os lojistas. É uma questão de segurança caso ocorra assalto, para poder identificar mais rápido. Não só as câmeras, mas também os recursos na área de segurança eletrônica que poderiam estar ajudando. Ter uma segurança maior”, diz.

Segundo a Polícia Militar, em 2018, cinco ocorrências foram registradas na rodoviária de Tatuí, entre elas um roubo e um procurado que foi preso no local. Neste ano, foram duas ocorrências registradas.

A capitã da Polícia Militar, Bruna Carolina dos Santos, explica que não pode proibir nenhuma pessoa de circular pela rodoviária, mas reforça que os passageiros podem chamar a polícia caso se sintam ameaçados.

“Vendo a caracterização ou possibilidade de ocorrência, de algum delito tipificado de acordo com o código penal ou lei especifica, a Polícia Militar pode agir. Caso contrário, respeitamos o direito de ir e vir de todos os cidadãos”, diz.

Passageiros da rodoviária de Tatuí reclamam de insegurança no local — Foto: Reprodução/TV TEM

A Guarda Civil Municipal de Tatuí informou que não tem base na rodoviária, mas que existe um cronograma de patrulhamento pelo local.

Já a Secretaria de Trabalho e Desenvolvimento Social disse que, através do Creas, desenvolve o serviço especializado de abordagem social e oferece vários serviços para pessoas que ficam nas ruas.

Boituva

Em Boituva, a prefeitura informou que a base da Guarda Municipal instalada na rodoviária, no momento, está sendo utilizada de apoio aos órgãos da secretaria, da Guarda, do departamento municipal de trânsito e Corpo Bombeiros, e que não existe um horário fixo de abertura por falta de efetivo.

A Secretaria de Desenvolvimento Social e Cidadania de Boituva também informou que está com um trabalho de busca ativa semanalmente por pessoas que vivem na rua, em parceria com outros órgãos da cidade e que oferecem vários serviços.

Em Boituva, os comerciantes acreditam que é necessário reforçar a segurança. O comerciante Edinaldo José da Silva conta que diversas lojas da rodoviária foram furtadas a cerca de dois anos e, só após isso, câmeras foram instaladas no local.

“Eu vejo que as pessoas que embarcam sentem falta de uma segurança maior, porque estão com malas, embarcando depois das 22h. Sempre é bom, há necessidade sim para o povo que embarca e nós comerciantes ficarmos mais seguros”, diz.

Ao lado do terminal rodoviário existe um base da Guarda Municipal, porém, segundo os comerciantes, ela está sempre fechada.

Moradores reclamam de insegurança em rodoviária de Boituva — Foto: Reprodução/TV TEM

Segundo a Polícia Militar, neste ano na região da rodoviária foram registrados três furtos, um roubo e três procurados pela Justiça foram presos no local. Além disso, também foi registrado um caso de estupro.

“A polícia acaba concentrando seus focos nos indivíduos que são pessoas desocupadas, que ficam o dia inteiro circulando na rodoviária. As vezes são viciados em droga e álcool e acabam cometendo esses delitos”, afirma o capitão da PM, Júlio Souza Aranha de Oliveira.

O capitão ainda conta que orienta os moradores a ficar atentos e acionar a equipe em caso de alguma atitude suspeita.

“Nós orientamos que as pessoas que passam ali evitem andar desacompanhadas e portar ostensivamente objetos de valor como celular e bolsa. Visualizando algo suspeito que acione a policia através do 190”, explica.

Motorista bêbado fica ferido ao bater carro em muro de casa na avenida Donato Flores

Segundo a polícia, motorista estava embriagado e sozinho no carro; ele foi levado ao pronto-socorro onde passou por procedimento cirúrgico. homem vai responder por embriaguez ao volante.

Por G1 Itapetininga e Região, com edição do DT

Motorista foi socorrido com ferimentos após bater carro em muro de casa em Tatuí — Foto: Arquivo Pessoal

22/06/2019 | Um homem de 38 anos ficou ferido após bater com o carro contra o muro de uma casa na Avenida Donato Flores, no bairro Valinho, em Tatuí, na noite de sexta-feira (21). Segundo a Polícia Militar, o motorista estava bêbado.

A polícia informou que o homem estava sozinho no carro e ficou ferido, sendo levado para o pronto-socorro de Tatuí, onde passou por procedimento cirúrgico. Nenhum morador da casa se feriu.

Ainda conforme a polícia, o homem vai responder por flagrante de embriaguez ao volante.

Carro bateu em muro de casa em Tatuí — Foto: Arquivo Pessoal

Veja programação da Casa da Práxis deste domingo (23)




Flamengo não deve facilitar ida de Rodinei para o Santos

Coluna do Flamengo com edição do DT

FOTO: ALEXANDRE VIDAL / FLAMENGO

18/06/2019 | A janela de transferências do futebol nacional está prestes a ser aberta oficialmente, o que acontecerá no mês de julho. O Flamengo corre atrás de reforços, tendo a chegada do lateral direito Rafinha já garantida. No entanto, é possível também que alguns atletas façam o movimento inverso e deixem a Gávea. Esse é o caso, por exemplo, do tatuiano Rodinei, que está na mira do Santos. Contudo, o Fla não deve facilitar a saída do atleta.

A informação é do portal Gazeta Esportiva. De acordo com o veículo, a ideia inicial do clube paulista era de ter o jogador por empréstimo. Porém, a proposta foi prontamente negada pelo Rubro-Negro. Sendo assim, a outra opção passou a ser a compra, usando parte da parcela que o Flamengo ainda tem a pagar por Bruno Henrique – marcada para o mês de janeiro – como uma forma de realizar o pagamento.

Apesar de não ter Rodinei entre suas principais opções para a posição – uma vez que Rafinha chega para ser titular absoluto, e Pará era o dono da vaga até então -, o Flamengo não pretende liberar Rodinei com facilidade pois não vê sentido em reforçar um rival por uma quantia considerada baixa.

Aos 27 anos, Rodinei está no Flamengo desde 2016, contratado após fazer um bom Campeonato Brasileiro pela Ponte Preta. Na temporada anterior, ele foi titular. No entanto, desde a chegada de Abel Braga, ele voltou a ser banco, ratificando os altos e baixos de sua passagem pelo Rubro-Negro. O contrato do atleta com o Fla vai até o fim de 2022.

Dr Juliano Teles | Impotência sexual tem solução?