Nosso Jornal Online

Tatuí, 


domingo, 1 de setembro de 2019

Tucano visita escola em Cerquilho e vira atração entre alunos e funcionários

Biólogo Waldivino Grisotto conta que o surgimento do animal pode indicar a falta de um habitat nas florestas.

30/08/2019 | Por G1 Itapetininga e Região, com edição do DT

Estudantes alimentam tucano em escola de Cerquilho — Foto: Arquivo Pessoal

A visita de um tucano em uma escola particular de Cerquilho chamou a atenção dos estudantes e funcionários. Alunos e funcionários alimentaram o animal na quarta-feira (28).

A inspetora de alunos Lucélia Aparecida dos Santos conta que ficou surpresa com a visita. "Fui ver o que estava acontecendo e o tucano estava lá em cima. Fui buscar banana na cozinha, aí ele comeu na minha mão. Ele estava com medo de mim e eu dele. Ele é lindo, todo colorido", afirma.

Segundo o estudante Vinícius Ribeiro Gaiotto, a visita virou atração na escola e todos saíram das salas para ver o animal. "Foi um dia muito legal. Melhor dia. Todo mundo veio e ele estava em cima do telhado. A monitora pegou uma banana e virou atração. Normalmente, depois de fazer a prova, a gente sai, mas meus amigos me chamaram para ver, e fomos tirar foto", diz.

Estudantes e funcionários registram fotos de tucano em escola de Cerquilho — Foto: Arquivo Pessoal

Tomás de Nadai Gragnani tem 14 anos e conta que estava na aula de biologia quando o animal apareceu na escola. "A gente estava na aula de biologia, e a Lucélia foi chamar na sala porque tinha um tucano aqui. Todo mundo feliz porque não é sempre que vem. Ela estava dando a banana mas não alcançava. Daí eu peguei e fomos alimentando ele. Todas as salas saíram para ver, foi bem legal", afirma.

Apesar da curiosidade dos alunos e funcionários, o biólogo Waldivino Grisotto conta que a visita do animal pode indicar a falta de um habitat nas florestas. "Os seres humanos estão invadindo as áreas de habitat natural desses animais. Com isso, eles vão procurar alimento e abrigos em outros locais. Essa questão tem que ser muito organizada e estudada para que não cause impactos na área onde eles habitam", explica.

"Quando você diminui a área de abrangência de habitat desses animais, está limitando o crescimento deles, porque não vai ter alimento suficiente, local para fazer ninhos", ressalta.

Tucano é flagrado em escola de Cerquilho — Foto: Arquivo Pessoal

Ele ainda alerta que apesar dos estudantes terem alimentado o tucano com frutas, alimentar animais silvestres não é indicado. "Por falta de conhecimento tratamos esses animais silvestres, mas não é bom porque estamos condicionando eles a deixar de usar o instinto e procurar os alimentos por conta própria e incentivando o animal a ficar na zona urbana", diz.

"É importante saber que não é qualquer alimento que pode dar. O alerta é nunca dar alimento para animais silvestres e qualquer dúvida procurar um órgão competente. Nunca tentar pegar esses animais. Ver, filmar, apreciar, mas deixar ele livre na natureza."

Estudantes tiram fotos de tucano em escola de Cerquilho — Foto: Reprodução/TV TEM

Nenhum comentário:

Postar um comentário