Boletim de informações COVID-19 n° 126 Tatuí, 02 de junho de 2020 - 11h

173 CONFIRMADOS
124 RECUPERADOS
10 ÓBITOS
22 SUSPEITOS
1 ÓBITOS SUSPEITOS

Fonte: Prefeitura de Tatuí

terça-feira, 20 de agosto de 2013

Curso de metrologia através do Programa Via Rápida Emprego começa em Tatuí

Aulas serão iniciadas já na próxima segunda-feira – Alunos recebem bolsa de R$ 210 - Começa em Tatuí na próxima segunda-feira, 26, através de parceria entre a Prefeitura e o Governo do Estado, na unidade móvel do Programa Via Rápida Emprego, totalmente equipada com laboratórios práticos, já está estacionada na Avenida das Mangueiras, ao lado do Paço Municipal, o curso de metrologia. Serão três turmas, com 20 vagas cada, nos períodos da manhã, tarde e noite. A duração total é de 100 horas/aula, divididas em cinco horas diárias.

A prioridade do programa é para candidatos que estejam desempregados, com maior idade, menor escolaridade, mulheres arrimo de família e pessoas com maiores obrigações familiares. Além de estudar os alunos recebem bolsa-auxílio de R$ 210. 

O curso de metrologia capacita o profissional para atuar na indústria metal-mecânica, em funções que exijam a correta utilização de instrumentos de medição como escalas, paquímetros e micrômetros. [foto: Evandro Ananias/AI Prefeitura de Tatuí]
Para participar do curso é necessário ter concluído o ensino fundamental. 

O Via Rápida Emprego é um programa coordenado pela Secretaria de Desenvolvimento Econômico, Ciência e Tecnologia, em que oferece cursos básicos, de curta duração, para qualificação profissional de acordo com as demandas regionais. O objetivo é capacitar gratuitamente a população que está em busca de uma oportunidade no mercado de trabalho ou que deseja ter seu próprio negócio.

Em março, o prefeito José Manoel Correa Coelho, Manu, participou de uma audiência no Centro “Paula Souza”, onde foi recepcionado pela diretora superintendente da instituição, Laura Laganá. Na pauta de reivindicações, o pedido de adesão ao Via Rápida. Outros cursos, vinculados também ao Fundo Social de Solidariedade, já foram solicitados como panificação, confecção e o de imagem pessoal – que inclui formação de cabeleireiro, manicure, pedicuro e maquiagem.

Nenhum comentário:

Postar um comentário