Nosso Jornal Online

Tatuí, 


sexta-feira, 11 de setembro de 2015

Conservatório de Tatuí organiza concurso de piano em homenagem a Edmundo Villani-Côrtes

Inscrições são abertas a alunos regularmente matriculados no curso de piano clássico da instituição; concertos especiais são abertos ao público nos dias 21, 22 e 23 de outubro

O Conservatório de Tatuí, promove de 21 a 23 de outubro a 10ª edição do Concurso Interno de Piano do Conservatório de Tatuí que, neste ano, prestará homenagem ao compositor Edmundo Villani-Côrtes.
Sob coordenação de Cristiane Bloes, também coordenadora da área de pianos do Conservatório de Tatuí, o concurso será realizado nas categorias “solo” e “duos pianísticos”. As provas bem como os concertos especiais serão abertos a qualquer interessado.

Para se inscrever ao concurso, o candidato, obrigatoriamente aluno da instituição, deverá acessar o site conservatoriodetatui.org.br, imprimir e preencher a ficha de inscrição que, posteriormente, deverá ser entregue no Centro de Produção de Eventos (rua São Bento, 415) até as 18h do dia 9 de outubro.
O concurso tem a finalidade de incentivar e compartilhar conhecimentos dos estudantes da instituição abrangendo todos os níveis do curso de piano, além de divulgar e incentivar a interpretação da música brasileira para piano, abordando neste ano desta forma obras de Villani-Côrtes como peças de confronto.

Entre os dias 21 e 23 de outubro, todos os candidatos inscritos farão provas no Salão Villa-Lobos durante o dia, sendo que os dias e horários de cada nível serão divulgados após o término das inscrições. Na categoria “solo” deverão ser executadas duas obras, sendo uma de confronto e uma de livre escolha. As peças de confronto dos dois primeiros níveis são, respectivamente, de Amaral Vieira e Widmer. As demais, até o nível de aperfeiçoamento, são de Edmundo Villani-Côrtes. Na categoria 4 mãos, os candidatos devem apresentar uma peça de livre escolha (pode ser original, transcrição ou arranjo para 4 mãos).
Os vencedores de cada nível participarão de recital de encerramento do concurso no dia 23 de outubro, às 20h30, no Teatro Procópio Ferreira. O primeiro colocado do 17º/18º semestre atuará como solista junto à Orquestra Sinfônica Jovem na temporada de 2016, enquanto que o primeiro colocado do Aperfeiçoamento atuará como solista junto à Banda Sinfônica do Conservatório de Tatuí executando o Concerto “A 3ª Visão”, de Edmundo Villani-Côrtes, na temporada de 2016.

Concertos – Durante o período de realização do concurso interno, o teatro Procópio Ferreira (rua São Bento, 415) sediará concertos especiais, sempre às 20h30.
A abertura oficial do concurso será na quarta-feira, 21, com a Orquestra Sinfônica do Conservatório de Tatuí, tendo como solista Paulo Henrique Almeida e regência de João Maurício Galindo.
O pianista Paulo Henrique Almeida é formado pelo Conservatório de Tatuí (2006), sob orientação da professora Zoraide Mazzulli Nunes. Bacharel em Música pela USP, sob orientação de Eduardo Monteiro, onde atualmente cursa mestrado. Conquistou importantes prêmios em concursos de piano no país, dentre eles o III Concurso internacional Grieg-Nepomuceno, Concurso “Nelson Freire” OSB Jovens Solistas 2010, X Concurso “Magda Tagliaferro”, XV Concurso Jovens Solistas da OSPA, XI, XII e XIII Concurso de Cordas “Paulo Bosísio” (melhor pianista acompanhador). Apresentou-se como solista frente a várias orquestras, dentre elas a Orquestra Sinfônica de Ribeirão Preto, Orquestra Sinfônica de Porto Alegre, Orquestra Amazonas Filarmônica e Orquestra Sinfônica Brasileira, tocando sob a regência de importantes maestros como Abel Rocha, Marcelo de Jesus, Isaac Karabtchevsky, Roberto Minczuk, Kirk Trevor, entre outros. Tem se apresentado em importantes salas do país, tocando ao lado de grandes personalidades do meio musical como Paulo Álvares, Eduardo Leandro, Florent Jodelet, Bernard Loercher, Jorge Risi, Davi Walter, Romain Guyot, Curt Schroeter, Luiz Garcia, Fábio Cury e com o Quarteto de cordas “Camargo Guarnieri”. Paralelamente a suas atividades como solista e camerista, desenvolve intensa atividade como pianista colaborador, participando de mais de 30 produções operísticas no Brasil e no exterior. Em 2010 passa a integrar a Companhia Brasileira de Ópera, criada pelo maestro John Neschling, como pianista preparador e cravista na ópera “Il Barbiere di Siviglia”, espetáculo apresentado em turnê por 15 cidades brasileiras. Desde 2011 é pianista colaborador das produções de ópera do Theatro Municipal de São Paulo.

Na quinta-feira, dia 22, a atração será recital com Fabio Luz, um dos pianistas brasileiros mais aclamados no exterior. Recebeu o Prêmio Internacional Debussy 1978 (França), é Mestre em Música Francesa pela Universidade Musical Internacional de Paris e está radicado na Itália há mais de 30 anos, onde foi diretor do Instituto Verdi de Asti, coordenador da Accademia Superiore di Penne (Pescara) e docente dos Laboratori Musicali Internazionali Estivi al Castello di Cortanze. Conta mais de mil apresentações entre recitais, atuações em música de câmera e como solista de prestigiosas orquestras. É Professor do Festival del Golfo de San Marco di Castellabate, coordenador e professor do Paradise Festival em Siros – Grécia, e presidente da Fundação Franz Liszt com sede na França.

Já na sexta-feira, 23, às 20h30, no encerramento do evento, o teatro Procópio Ferreira sedia recital dos vencedores do concurso – este, com entrada franca.


Homenageado – Edmundo Villani-Côrtes teve seus primeiros contatos com a música por meio das rodas levadas no convívio da família. O pai, guarda-livros, era flautista amador. Teve contato com o violão e, mais tarde, com o piano. Transferiu-se para o Rio de Janeiro para estudar na Escola Nacional de Música. Passou a tocar em rádios e em boates noturnas. Transferiu-se para São Paulo, onde atuou como pianista e arranjador, por muitos anos, na TV Tupi, finalizando sua participação na televisão como pianista do Quinteto Jô Soares Onze e Meia. Casado com a soprano Efigência Côrtes, continuou a tradição musical familiar com os filhos Gê Côrtes, contrabaixista, e o saxofonista Ed Côrtes, também compositor de trilhas para o cinema. Edmundo Villani-Côrtes estudou composição de forma não sistemática devido à sua intensa atividade como pianista da noite e de TV, tendo recebido orientação de Koellreutter e Camargo Guarnieri, mas mantendo-se livre das influências dos seus orientadores e conservando um estilo próprio. Professor-doutor em composição da UNESP (aposentado), tem, em seu catálogo de obras, mais de 300 obras para várias formações. Recebeu várias vezes o prêmio da APCA – Associação Paulista dos Críticos de Arte. Possui mais de 40 CDs gravados em países como Japão, França, Inglaterra, Itália, Estados Unidos e Brasil.

SERVIÇO
X Concurso Interno de Piano do Conservatório de Tatuí – Edição 2015
Homenagem a Edmundo Villani-Côrtes
21, 22 e 23 de Outubro de 2015
Cristiane Bloes, coordenação

CONCERTOS
Teatro Procópio Ferreira
Rua São Bento, 415

Quarta-feira . 21 de outubro . 20h30
Orquestra Sinfônica do Conservatório de Tatuí
Paulo Henrique Almeida, piano
João Maurício Galindo, regência
Ingressos: R$ 12 (R$ 6 meia entrada)

Quinta-feira . 22 de outubro . 20h30
Recital de Piano com Fabio Luz
Ingressos: R$ 12 (R$ 6 meia entrada)

Sexta-feira . 23 de outubro . 20h30
Recital dos Alunos Vencedores
Entrada franca

Nenhum comentário:

Postar um comentário