Nosso Jornal Online

Tatuí, 


quinta-feira, 10 de setembro de 2015

Casal instala poste 'particular' em rua sem iluminação no J. Gramado

Responsabilidade pelo serviço é de concessionária, segundo a prefeitura.
Empresa informa que espera solicitações do Executivo para sanar problema.

Do G1 Itapetininga - Um casal instalou um poste "particular" na Rua Antônio Onofre de Moura, no Jardim Gramado, em Tatuí, devido à falta de iluminação no local há 17 anos. Os moradores, o pedreiro Expedito Alves Viana e a aposentada Gerocina Santos Viana, vivem há mais de 10 anos no bairro. “A gente quer ir à igreja, mas como não tem luz, precisamos usar lanterna. Sem falar no perigo de ser atacado por ladrões”, afirma Expedito. A prefeitura e a empresa responsável pela energia elétrica fazem "jogo de empurra" sobre a falta de iluminação pública.

Expedito gastou R$ 200 entre material e mão de obra de um eletricista para fazer o poste, em 2008. O equipamento de iluminação foi instalado no poste padrão da residência, que recebe a eletricidade de fora. "Tivemos que colocar porque é muito escuro, não dá para ver nada. Só que ligamos a luz apenas quando precisamos, já que o poste usa a energia elétrica da casa", explica.

Para a esposa Gerocina, o problema com a iluminação é um exemplo do descaso do poder público. “Pagamos impostos e temos esse direito. Já até arquei com uma taxa na prefeitura, porém não teve jeito. Eles alegam que cada braço de luz custa R$ 1 mil”, conta.

O aposentado Francisco Inácio Vieira Diniz, que também vive no bairro, revela que teme andar pelas ruas. “Faço o que posso, mas com medo de sair”, fala. Outro que reforça a reivindicação é o também aposentado Almir Salera. Ele comenta que se mudou com a família para o local, mas não esperava que isso acontecesse. “Na verdade nenhum dos nossos pedidos foi atendido. A gente se sente um lixo”, finaliza. 

'Jogo de empurra'
Em nota na manhã desta quinta-feira (10), a prefeitura disse que "a manutenção da iluminação pública ainda está sob medida liminar da Justiça e que isso garante que a empresa que administra o serviço realize o trabalho".

Já a Elektro, a concessionária responsável pela energia elétrica, informou que aguarda solicitação do Executivo para que postes sejam instalados nos pontos que não possuem luz. (Fotos: Reprodução/TV TEM)

Nenhum comentário:

Postar um comentário