Nosso Jornal Online

Tatuí, 


segunda-feira, 24 de novembro de 2014

Campanha conscientiza população sobre a dengue em Tatuí

Do G1- A equipe de combate a dengue de Tatuí percorre os bairros da cidade realizando uma campanha de conscientização com os moradores. O motivo é prevenir a proliferação do mosquito transmissor da doença, o Aedes Aegypti, durante o período de chuvas no início de 2015.

As orientações são sempre as mesmas, mas precisam ser reforçadas: tampar caixas dágua, deixar pneus e garrafas em locais cobertos, limpar as calhas e cuidar dos pratinhos das plantas. A campanha é realizada desde 17 de dezembro.

Segundo o coordenado do setor de combate a dengue, Tony Sumio Ogata, os agentes abordam a população em diferentes pontos da cidade para lembrar que a doença é grave. “Conscientizar a população e informar sobre os cuidados que precisam ser feitos. Já está chegando o verão, então tem que ficar bem atento”, explica.

Em 2013, foram registrados em Tatuí 34 casos da doença, este ano já são 33 confirmados. Nas ruas não é difícil encontrar recipientes que facilitam o desenvolvimento da larva do mosquito da dengue, mas em Tatuí 80% dos criadouros estão dentro das casas.

A agente de vetores Rosana Alves dos Santos afirma que as orientações também podem ser vistas em cartazes fixados no comércio da cidade. “A importância de se divulgar é não deixar as pessoas esquecerem que dengue se combate todos os dias”, conta.

De loja em loja os cartazes vão sendo colocados. Em lugares de destaque para todo mundo ver. O gerente de supermercado Roberto Alves Pires fez questão de participar da campanha. “Tem, que se preparar porque todo ano é dessa forma. É muito pernilongo, então tem que tomar cuidado”, ressalta.

O gerente de farmácia Urias da Silva, apesar de viver da venda de medicamentos, não quer lucrar com a dengue e também deseja que o mosquito fique longe da população. “A gente procura que as pessoas realmente tomem cuidado, consciência para não manter pneus, vasos cheios de água na casa. Pra evitar o máximo possível”, conclui.
(Foto: Cláudio Nascimento/ TV TEM)

Nenhum comentário:

Postar um comentário