Nosso Jornal Online

Tatuí, 


segunda-feira, 13 de setembro de 2010

Serra diz em Tatuí que repasse de verbas federais estrangula os municípios

Tatuí recebeu grandes investimentos federais
JOSÉ MARIA TOMAZELA - Agência Estado, com adaptações.
O candidato do PSDB à Presidência da República, José Serra, fez duras críticas hoje (13), em reunião com prefeitos, em Tatuí, ao governo do presidente Luiz Inácio Lula da Silva. Ele disse que pretende ser presidente para recuperar o atraso nas áreas de saúde, educação e infraestrutura.
O evento reuniu 34 prefeitos da região. Serra encerrou a série de discursos criticando o governo Lula que, segundo ele, copiou o projeto de saúde conhecido como AME (Ambulatório Médico de Especialidades) do governo paulista. Ele também criticou a política de repasses do governo federal que, segundo ele, estrangula os municípios. Tatuí foi uma das cidades que recebeu grande número de repasses de verbas federais para asfaltamento (Sena Ville, Rua Oswaldo Avalone, Estrada do Bairro dos Mirandas etc), construção de ponte (Ponte do Minoru), prédios públicos (Unidade Básica de Saúde da Mulher (Bairro Santa Cruz), Banco de Alimentos (Bairro Valinhos), Creche do Monte Verde (Morro Grande), Quadras de Tênis e Badminton na Vila Dr. Laurindo, casas para população em situação de risco (desfavelamento do Jardim Fundação Manoel Guedes e Jardim Europa), R$ 500 mil para reforma da Praça da Matriz), Samu, Bolsa Família, Luz Para Todos, Programa de Inclusão Digital,entre outros.
O candidato disse que acredita na vitória e pediu "mobilização total" aos prefeitos, citados nominalmente - ele chamou o anfitrião, Luiz Gonzaga Vieira de prefeito "ponta firme".
O candidato ao governo de São Paulo, Geraldo Alckmin, também presente no evento, endossou as críticas ao governo federal.

Nenhum comentário:

Postar um comentário