Boletim de informações COVID-19 n° 128 Tatuí, 04 de junho de 2020 - 11h

189 CONFIRMADOS
132 RECUPERADOS
11 ÓBITOS
32 SUSPEITOS
0 ÓBITOS SUSPEITOS

Fonte: Prefeitura de Tatuí

sexta-feira, 15 de maio de 2020

Biomédica teve dois testes negativos antes de confirmar Covid-19 e ficar 40 dias internada

‘Ressurgi dos mortos.’ Leila Maria Simões de Almeida recebeu alta do Hospital Unimed na quarta-feira (13) e foi aplaudida por enfermeiros.

Por Caroline Andrade, G1 Itapetininga e Região, com edição do DT

Biomédica ficou 40 dias internada e se curou da Covid-19 — Foto: Arquivo Pessoal

Uma biomédica de 66 anos precisou ficar 40 dias internada por contrair Covid-19, em Tatuí, depois que o marido testou positivo. Após receber alta, nesta quarta-feira (13), a idosa Leila Maria Simões de Almeida afirmou que a sensação é de um recomeço.

“Passei mal e já fui internada. Foi tudo muito rápido e fiquei entubada. Sabe o que eu senti? Que eu ressurgi dos mortos”, diz a biomédica.

Ao G1, ela contou que recebeu dois diagnósticos negativos antes de testar positivo. Os primeiros sintomas foram febre e dores no corpo. Após se sentir mal, ela já precisou ser internada em um hospital particular da cidade, sendo 26 dias entubada.

Roberto Simões, que é médico e filho de Leila, conta que fizeram os testes na mãe depois que o pai dele testou positivo para a Covid-19.

“Todos da família fizemos os testes, que deram negativo. Seis dias depois, minha mãe apresentou os primeiros sintomas e foi internada. Ela fez um novo teste que também deu negativo. Apenas dias depois, quando já estava entubada, um terceiro teste deu positivo para a doença”, explica Roberto.

O médico explicou que os testes foram realizados em uma clínica particular. Leila e o marido são biomédicos e trabalham em uma clínica de radiologia em Tatuí. Assim que José Roberto testou positivo, o casal se afastou do trabalho.

Casal de Tatuí foi diagnosticado com Covid-19 e já estão curados — Foto: Arquivo Pessoal

Apesar do diagnóstico positivo, José Roberto não teve complicações. Ele se recuperou em casa em um período de isolamento, e já foi liberado por um infectologista para voltar ao trabalho.

A biomédica ainda ressalta que o marido sempre fez atividades físicas e isso ajudou na recuperação dele. Inspirada, ela garante que também está se exercitando para melhorar ainda mais a saúde.

“A Covid-19 não é brincadeira, infelizmente muita gente vai morrer. Então, tem que ficar em casa. Não custa. São vidas. Não vai visitar ninguém. O isolamento é muito importante”, pede.

Alta

Idosa de 66 anos foi aplaudida ao deixar hospital em Tatuí  — Foto: Arquivo Pessoal

Ao deixar o hospital na quarta-feira (13), funcionários e enfermeiros, segurando bexigas, cantaram a música “Apenas Mais Uma de Amor”, do cantor Lulu Santos. Leila ainda foi aplaudida e ovacionada pelos profissionais.

“Viraram um bando de neto, não enfermeiros. Eu não sabia de nada. Achei muito emocionante, saí de lá chorando. Foram muito amorosos, cuidadosos e fiquei tocada”, relembra Leila.

Biomédica curada da Covid-19 teve dois testes negativos antes de testar positivo

Nenhum comentário:

Postar um comentário