Nosso Jornal Online

Tatuí, 


quarta-feira, 24 de julho de 2019

Grupo de produtores rurais poderá obter Certificado Orgânico

Trabalho de extensão rural reúne um grupo de 11 produtores municipais. Certificado seria fornecido pela Organização Internacional Agropecuária (OIA).

Foto: Prefeitura de Tatuí / Divulgação

A Prefeitura de Tatuí, por meio do Departamento de Fomento à Agricultura da Secretaria Municipal de Agricultura e Meio Ambiente, está desenvolvendo um trabalho de extensão rural, com um grupo de 11 produtores municipais, na obtenção do Certificado Orgânico, fornecido pela Organização Internacional Agropecuária (OIA).

Na tarde da última sexta-feira (19), o grupo participou de uma palestra sobre a certificação de orgânicos, ministrada pela gerente comercial da Insuforte (Insumos Agrossustentáveis) de Itapetininga, Vânia Morandi, que os orientou sobre os processos de conformidade e lhes apresentou os insumos orgânicos presentes no mercado.

Com a obtenção deste selo, cuja emissão é de responsabilidade do Ministério da Agricultura, os produtores poderão vender seus produtos orgânicos para lanchonetes, restaurantes, supermercados, feiras e outros tipos de comércio.

A iniciativa surgiu por meio do Programa Municipal de Boas Práticas Agrícolas "Alimento Saudável", criado pela Lei Municipal nº 5.360, de 17 de junho de 2019, que tem como responsável o engenheiro agrônomo Leandro Cesar Lopes. O Programa tem como objetivo dar visibilidade a produtores que estão em fase de transição produtiva para o orgânico, ou que desenvolvem uma produção mais natural e consciente.

Nenhum comentário:

Postar um comentário