Nosso Jornal Online

Tatuí, 

PUBLICIDADE

ANUNCIE AQUI

Peça já seu orçamento
e-mail para publicidade@diariodetatui.com

sexta-feira, 19 de agosto de 2016

Banda Sinfônica do Conservatório de Tatuí é referência internacional

Gravação do grupo regido por Dario Sotelo abre programa de rádio de Portugal

A Banda Sinfônica do Conservatório de Tatuí foi citada como referência internacional no programa "Coreto", do maestro Jorge Costa Pinto, transmitido pela RTP, em Portugal.

O programa, que pode ser ouvido pela internet em http://www.rtp.pt/play/p288/coreto, trata de música para banda sinfônica e seus protagonistas em todo o mundo.

Na edição desta semana, o maestro Costa Pinto, que já esteve no Conservatório de Tatuí ministrando aulas técnicas, apresenta um panorama geral das bandas no Brasil e a influência da música de Portugal nos grupos brasileiros. Além de comentar sobre ações da Funarte e de programas de apoio para edição de partituras e formação, ele apresenta bandas que representam "a evolução desses grupos nos centros urbanos". A primeira banda citada por ele é a Banda Sinfônica do Conservatório de Tatuí, criada e dirigida por Dario Sotelo.

Obra gravada pelo grupo do Conservatório de Tatuí - "Odeon", de Ernesto Nazareth - foi apresentada na abertura do programa, sendo citada como Orquestra de Sopros Brasileira, nome de nascimento do grupo.

A Banda Sinfônica do Conservatório de Tatuí é formada por alunos e professores da instituição. Fundada em 1992, surgiu a partir de um processo de semi-profissionalização de grupo, dentro da instituição. Até 1996, era a única oportunidade de alunos de níveis avançados interagirem com músicos já profissionais, em apresentações oficiais, propiciando uma troca de experiências entre seus componentes. Primando por repertório eclético, o grupo conta com vida fonográfica ativa. O primeiro CD foi gravado em 1995, denominado "Compositores Brasileiros", marcando o trabalho de documentação de diversos gêneros. Já em 1997, gravou "Pró Banda - Compositores Brasileiros". No ano 2000, gravou o CD "Arranjadores Brasileiros". Em 2001, foram gravados dois CDs de demonstração para a editora holandesa "Gobelin". Já em 2002, efetuou a gravação do CD "Retratos", enquanto que em 2003 gravou "Pró Banda" e um novo CD-demo, desta vez para uma editora japonesa. Também foram gravados "Do Coração e da Alma - Obras de Hudson Nogueira" (2004) e "15 Anos" (2006). Em 2007, a banda grava o DVD "15 Anos", que traz documentário sobre o grupo, além de repertório que inclui Astor Piazzolla, Tom Jobim e Zequinha de Abreu. Em 2012 grava o CD "20 Anos", com obras de Osvaldo Larcerda, Edmundo Villani-Côrtes, Martin Ellerby e Anacleto de Medeiros. Atua fortemente na execução de obras encomendadas a arranjadores e compositores brasileiros, tornando-se fundamental no incentivo de produção de obras originais para bandas. Entre as mais importantes estão "Sinfonia nº 1", de Edmundo Villani-Côrtes; "Sinfonia Anõia", de Sergio Vasconcellos-Corrêa - que mereceu prêmio da APCA (Associação Paulista de Críticos de Arte) de melhor obra sinfônica de 1999 -, "Retratos do Brasil", de Hudson Nogueira; "Portrait" e "Concerto para Banda", de Edson Beltrami, entre muitas outras.

Seu repertório conta com mais de 120 obras originais especialmente escritas para o grupo. Dentre essas, há 98 estreias brasileiras de repertório internacional que, hoje, são referências mundiais. Ao longo de seu funcionamento, a Banda Sinfônica do Conservatório de Tatuí recebeu dezenas de regentes reconhecidos na cena musical como convidados especiais. Dentre eles, destacam-se Arnald Gabriel, Virginia Allen, Daniel Havens, Isaac Daniel Jr., Pamela Bustos, Thomas Lee, Lowell Graham, Thomas O'Neal, Mark Whitlock, Dwight Satterwite, Matthew George, Hadrian Avila, David Antezana, Juan Ringer, Francisco Grau Vegara, Pablo Sanches Torrella, Rafael Sanz-Espert, Felix Hauswirth, Glenn Price, Marcelo Jardim, Marcelo Maganha, Roberto Farias, Wagner Polistchuck, Marcos Sadao e Monica Giardini. Em 2011, a Banda Sinfônica do Conservatório de Tatuí recebe como maestro convidado de Honra o "von Karajan das Bandas", Frank Battisti, referência maior no mundo dos sopros sinfônicos e um dos grandes responsáveis pelos novos conceitos da banda sinfônica, juntamente com Frederick Fennel. Ao longo dos últimos anos, a Banda Sinfônica do Conservatório de Tatuí vem realizando ações didáticas com objetivos de educar e envolver crianças e adolescentes no universo da música clássica. Nesse sentido, destacam-se projetos especiais como "Guia para Banda", "Villa-Lobos encontra Guarnieri", "A Vinda da Família Real ao Brasil", "MomoPrecoce", "Sonho de Criança" e "Stravisnky e seu ballet Petrushka" e "As Estórias do Tião".

Em 2014 a Banda Sinfônica participou intensivamente das comemorações dos 60 Anos do Conservatório de Tatuí, realizando 26 concertos. Foi o conjunto residente nos eventos: II Seminário Nacional de Regência de Banda, III Semana da Composição para Banda, VIII Curso de Férias e I Concurso Nacional de Composição para Banda, no qual realizou a estreia de 21 obras brasileiras. 

Apoio Cultural - Para a temporada do ano de 2016, o Conservatório de Tatuí conta com apoio cultural da Coop - Cooperativa de Consumo e Grupo CCR SPVias.

Nenhum comentário:

Postar um comentário