Boletim de informações COVID-19 n° 125 Tatuí, 01 de junho de 2020 - 11h

157 CONFIRMADOS
117 RECUPERADOS
10 ÓBITOS
21 SUSPEITOS
1 ÓBITOS SUSPEITOS

Fonte: Prefeitura de Tatuí

segunda-feira, 20 de outubro de 2014

Temporal provoca estrago em cidades da região

Do G1- A chuva que atingiu a região no fim da tarde de domingo (19) provocou uma série de problemas como destelhamento de casas e barracões, morte de animais em uma granja, queda de árvores e chuva de granizo. De acordo com os bombeiros e a Defesa Civil, ninguém ficou ferido.

Na cidade de Boituva (SP), cerca de 400 casas do loteamento Nova Reata ficaram sem energia elétrica por mais de 18 horas. O abastecimento foi interrompido por volta das 18h de domingo e continuava suspenso até o início da tarde desta segunda-feira (20). A interrupção da energia foi provocada por estragos causados pela chuva. A CPFL informou que em várias cidades houve interrupção no fornecimento. Mais de 13 mil clientes foram prejudicados. A concessionária colocou os funcionários a postos para restabelecer a rede o quanto antes.

Em Tatuí, os bombeiros atenderam seis chamados de queda de árvores. Algumas ruas ficaram parcialmente interditadas. E o estrago maior foi na zona rural onde a chuva destruiu uma granja no bairro Queimador. Aproximadamente 200 aves morreram e outras 18 mil foram retiradas do local na manhã desta segunda-feira. O barracão onde os animais estavam foi destelhado e a cerca arrancada com a força do vento. Cerca de 40 toneladas de ração foram perdidas. Ainda houve queda de postes e árvores na área.

Em Itapeva (SP), uma árvore caiu na Avenida Acácio Piedade, uma das mais movimentadas da cidade. A via ficou interditada por mais de duas horas e não houve vítimas. Na manhã desta segunda-feira, pedaços de troncos ainda estavam no local, mas o transito fluía normalmente.

Já em Fartura (SP) os moradores dos bairros Parque das Flores e Vila Nossa Senhora de Fátima sofreram com os danos causados pelo temporal. Segundo a Polícia Civil, várias casas foram destelhadas e tiveram seus muros derrubados. Duas famílias estão desalojadas.

Ainda na cidade, dois postos de gasolina ficaram com os tetos e as estruturas de metal destruídas e um galpão caiu com a força do vento. Apesar dos estragos, ninguém ficou ferido.

Em Itapetininga, de acordo com o Corpo de Bombeiros, a equipe foi acionada para uma queda de árvore entre os municípios de Itapetininga e Alambari (SP). Já na região da Rodovia Raposo Tavares, em Alambari, houve queda de granizo.

Registros
Telespectadores da região ainda usaram o aplicativo TEM Você para enviar à redação da TV TEM imagens dos estragos provocados pelo temporal. Um dos casos foi encaminhado pelo morador Celso Emílio, de Buri (SP). Foto feito por ele mostra que na Rodovia Engenheiro Lauri Simões de Barros o vendaval destelhou um barracão.

Já em Paranapanema (SP), o temporal causou danos. A telespectadora Alessandra Morais fotografou uma árvore caída sobre um carro. Já em Itararé (SP), Rafael Melo filmou a ventania na cidade (veja vídeo acima).

Nenhum comentário:

Postar um comentário