Nosso Jornal Online

Tatuí, 

PUBLICIDADE

ANUNCIE AQUI

Peça já seu orçamento
e-mail para publicidade@diariodetatui.com

terça-feira, 18 de abril de 2017

Professor do Conservatório de Tatuí é convidado novamente para o Festival de Violão de Koblenz

Edson Lopes será solista e jurado no evento considerado um dos mais importantes do mundo e que trará atração internacional a Tatuí


O professor de violão e coordenador da Camerata de Violões do Conservatório de Tatuí, Edson Lopes, foi novamente convidado para ser solista e jurado do 25º Koblenz International Guitar Festival (Festival Internacional de Violão de Koblenz), que acontece na Alemanha entre os dias 29 de maio e 5 de junho. Para o Conservatório de Tatuí – equipamento mantido pelo Governo do Estado de São Paulo e Secretaria da Cultura do Estado –, a participação de Edson Lopes no festival é duplamente positiva: reafirma a presença da escola tatuiana no cenário internacional e ainda possibilita um grande espetáculo musical no Teatro Procópio Ferreira. O violonista italiano Aniello Desiderio, considerado um dos melhores da atualidade, estará em Tatuí no dia 6 de setembro.

Edson Lopes estreou no Festival de Violão de Koblenz em 2016. Na ocasião, os organizadores do evento pediram ao professor de Tatuí que organizasse uma apresentação da violonista chinesa Liying Zhu no Teatro Procópio Ferreira. Liying Zhu é a vencedora da edição 2015 do festival e a premiação incluía duas apresentações no Brasil. “Essa apresentação aconteceu em 2016 e eles ficaram tão satisfeitos com o local e a receptividade que resolveram fazer uma parceria com o Conservatório para repetir as apresentações nos anos seguintes”, explica o professor.

Como o Festival de Koblenz não teve vencedores na edição de 2016, em 2017 a apresentação no Conservatório de Tatuí ficará por conta de um dos destaques do evento, o violonista italiano Aniello Desiderio. “É um dos melhores violonistas da atualidade e a apresentação dele aqui em Tatuí é um grande privilégio”, comenta Edson Lopes. A apresentação de Aniello Desiderio acontecerá no dia 6 de setembro, às 20h, no Teatro Procópio Ferreira.

Edson Lopes
É formado pelo Conservatório de Tatuí (professor Pedro Cameron) e pelo Trinity College of Music, de Londres. Durante seus estudos, participou de vários concursos de violão, obtendo sempre o primeiro lugar. Destacam-se: “II Concurso de Jovens Instrumentistas” promovido pela Rede Globo no programa “Concertos para a Juventude”; e “I Concurso Nacional de Violão”, do Banco do Brasil. Em 1979 frequentou o “XXII Curso de Musica en Compostela” (Espanha), sob a orientação do professor José Tomás (assistente de Andrés Segovia), onde foi considerado o “aluno mais destacado”, o que lhe valeu como prêmio uma nova bolsa de estudos para o ano seguinte.

Em 2017, na mesma época do Festival de Koblenz, Edson Lopes participará do “Guitarra y Guitarreros en Granada”, festival de violão que acontece na Espanha. Ele fará o recital de encerramento do evento no dia 9 de junho. Um dia antes, fará uma master class.

Aniello Desiderio
Nascido em Nápoles, fez sua primeira apresentação aos oito anos, sendo considerado um “prodígio” pelos críticos que o assistiram. Em 1992, graduou-se com honras do Conservatório de Música de Alessandria. Acumula 18 prêmios internacionais e nacionais de música. Aniello Desiderio atuou como solista em alguns dos teatros mais importantes do mundo, incluindo países da Europa, América, Ásia e África.

Com os irmãos Gennaro e Gaetano criou o grupo Passione Napoletana, executando uma música dedicada à cidade de Nápoles: “Serenate, Tanghi, Danze, Canzoni e Tarantelle Napoletane”. Em 2009 realizou o projeto “Quartetto Furioso”, também com a participação dos irmãos. Atualmente ele é professor da Universidade de Música de Potenza (Itália).



Festival de Violão de Koblenz
Considerado por muitos o festival de violão mais importante da atualidade, o evento reúne instrumentistas de várias partes do mundo. Além do concurso e dos concertos, são realizados master classes, workshops e apresentações paralelas. A edição de 2017 reúne alguns dos melhores violonistas do mundo, de países como Estados Unidos, Suécia, Itália, Espanha, França e a própria Alemanha. Além do professor Edson Lopes, o Brasil estará representado por Paulo Martelli, Patricia Cruz, Denise Krammer e Marcelo Kayath.

Apoio Cultural – No ano de 2017, o Conservatório de Tatuí orgulha-se em receber apoio cultural da Coop e CCR SPVias.

Nenhum comentário:

Postar um comentário