Nosso Jornal Online

Tatuí, 

PUBLICIDADE


quarta-feira, 30 de novembro de 2016

Justiça Restaurativa reúne policiais militares


Na tarde de segunda-feira, dia 28, os integrantes do Núcleo da Justiça Restaurativa de Tatuí, o juiz Marcelo Nalesso Salmaso, Luís Antonio Galhego Fernandes e Markus Tavares desenvolveram círculo de conversação com policiais militares da 2ª Companhia da Polícia Militar, sob o comando do tenente Júlio César e com o importante apoio do capitão Kleber Nogueira. Durante a reunião, a partir da 'contação' de histórias de vida, do diálogo sincero e do compartilhamento de experiências, foram tratados temas como a atividade policial militar, Infância e Juventude, bem como a Justiça Restaurativa. Ao final, os policiais militares foram convidados a somar forças na construção de uma cultura de paz chamada Justiça Restaurativa.

Esse foi o terceiro e último círculo de conversação realizado entre o Núcleo de Justiça Restaurativa e os policiais militares de Tatuí no ano de 2016, de forma que a grande maioria dos policiais lotados na 2ª Companhia da Polícia Militar participou da experiência.

Vagas de emprego nos PATs da região de Tatuí

Tatuí - Rua Professor Adauto Pereira, 352, Vila Minghini (Rua da Congregação)
Porteiro (uma vaga)
Auxiliar de enfermagem do trabalho (duas vagas)
Carpinteiro (uma vaga)
Faxineiro/a (cinco vagas)
Assistente químico (uma vaga)

Tietê - Rua Domingos Aparecido Lazarin, 19, Centro
Mecânico hidráulico
Advogado
Encarregado de produção
Mecânico de manutenção
Encarregado de extrusão
Corretor de imóveis
Auxiliar de produção
Auxiliar de limpeza masculino
Motorista de caminhão-caçamba
Operador de escavadeira
Operador de trator esteira
Rolista
Analista controle de qualidade
Mecânico de empilhadeiras
Auxiliar de vendas comerciais
Torneiro mecânico
Técnico em segurança do trabalho

Boituva - Rua Expedicionário Boituvense, 2, Centro
Dobrador de chapa manual (uma vaga)
Serralheiro (uma vaga)
Promotor de vendas (uma vaga)
Ferramenteiro (uma vaga)
Mecânico de manutenção (uma vaga)
Encarregado de produção (uma vaga)
Supervisor eletromecânico (uma vaga)

Mostra de Artes Cênicas apresenta espetáculos no Conservatório de Tatuí



Série de apresentações ocorre desta quarta-feira (30) a sábado (3).
Evento no Teatro Procópio Ferreira tem entrada gratuita.

Do G1 Itapetininga e Região

Peça 'Till, a saga de um herói torto' é apresentada em Tatuí (Foto: Divulgação/Conservatório Tatuí)

O Conservatório de Tatuí organiza a Mostra de Artes Cênicas com oito apresentações de grupos teatrais. A série de espetáculos ocorre desta quarta-feira (30) a sábado (3), no Teatro Procópio Ferreira. A entrada é gratuita em todas as atrações.

Grupos de teatro juvenil, teatro adulto e de aperfeiçoamento se apresentarão ao longo do evento. A Mostra de Artes Cênicas é organizada anualmente e representa o principal momento do setor, quando toda a produção é oficialmente levada a público

Apresentações / A abertura da mostra será na nesta quarta-feira, às 15h, com apresentação do espetáculo "Espelhos da Paixão", baseado no texto "Caros Ouvintes", de Otávio Martins. O espetáculo mostra momentos que antecedem a gravação do último capítulo da radionovela "Espelhos da Paixão". Cada um dos atores da rádio está pensando no seu momento de vida, fazendo novos projetos, sem imaginar que a chegada da televisão pode transformar a carreira de todos.

O Apocalipse ou o Capeta de Caruaru, ainda na quarta, às 20h, é o segundo espetáculo.

O Pequenino Grão de Areia, na quinta-feira (1º), às 15h, é o terceiro. A atração relata a história de um pequenino grão de areia sonhador, que se apaixona por uma estrela.

Borandá, também na quinta, às 20h, dá sequência ao evento. O espetáculo conta a garra dos retirantes, a fé deles, descrença, momentos de desânimo, a relação com a morte e a celebração a vida. A história no texto de João Cabral de Mello Neto ("Morte e Vida Severina") e na música "Borandá", de Edu Lobo.

O Homem de La Mancha, na sexta-feira (2), às 15h, é o quinto evento. O musical é baseado na obra "Dom Quixote", um clássico de Miguel Cervantes.

(IN) cômodo, ainda na sexta-feira, às 19h30, é o único evento apresentado fora do teatro Procópio Ferreira. A montagem ocorre no setor de artes cênicas, na Rua 15 de Novembro, 63/65, com recomendação de 18 anos. A atração é feita exclusivamente para um público de dez pessoas, com a obrigatoriedade do agendamento prévio pelo (15) 3259-1844. Durante a ação, o público visita os diferentes cômodos do prédio, inclusive o banheiro.

"Till, a saga de um herói torto" é apresentado também na sexta, às 20h. O espetáculo conta que um dia, na eternidade, o demônio aposta com Deus que se tirasse do homem algumas qualidades, ele cairia em perdição. Deus aceita o desafio e resolve trazer ao mundo a alma de Till, que vive em uma Alemanha miserável, povoada de personagens grotescos e espertalhões, logo de início o protagonista é abandonado em meio ao frio e a fome e descobre que a única maneira de sobreviver naquele lugar é se tornar ainda mais esperto e enganador.

A peça Espoleta será apresentada no sábado, às 15h. Ela conta as confusões do criado Espoleta, que trabalha para a família do Barão Torquato de Fu- Fru.

A Mostra de Artes Cênicas é encerrada com apresentação do espetáculo "A poética do começo ou breves tentativas sobre interrupções", no sábado, às 20h. O texto é de Noemi Jaffe (O Livro do Começo) e a direção é de João Fabbro, com alunos do terceiro ano do curso de teatro adulto. O evento é recomendado para maiores de 18 anos.

Salada de Notícias

  • Ontem, o futuro vereador de Tatuí Eduardo Sallum participou de um workshop sobre "Responsabilidade Administrativa e Boas Praticas de Gestão nas Prefeituras Municipais" na ALESP (Assembleia Legislativa do Estado de São Paulo). Após a atividade, visitou o gabinete da deputada Márcia Lia.
  • A Vigilância Epidemiológica de Itapetininga confirmou nesta terça-feira (29) o primeiro caso de raiva animal no município. O animal era um gato, que morreu no início de novembro. O exame que apontou a doença foi realizado em São Paulo (SP). - G1
  • Uma jovem de 23 anos morreu e quatro mulheres ficaram feridas em um acidente no quilômetro 5 da vicinal Alfredo Sebastini, na tarde de domingo (27), em Boituva. A motorista trafegava sentido Cerquilho-Boituva, quando perdeu o controle do veículo, invadiu a pista contrária e colidiu contra um poste. Em seguida, a motorista de outro carro bateu na lateral do veículo. - G1

Motoristas reclamam da falta de vagas para estacionar na área central








Centro de Itapetininga não tem vagas, diz
população (Foto: Reprodução/TV TEM)
Em nota, a Prefeitura de Itapetininga informa que realiza contato com diversas empresas que administram estacionamentos rotativos. Sobre as vagas, o órgão explica que as ruas do centro são antigas e estreitas, e mesmo que haja expansão o problema não será totalmente resolvido porque são quase 100 mil veículos. Quanto aos banheiros, pontua que o serviço de limpeza é feito constantemente.

O Executivo de Tatuí afirmou que não homologou o processo de licitação para implantação de um novo sistema de estacionamento já que uma das empresas entrou com recurso. Portanto, o serviço está temporariamente suspenso. O número de vagas no Centro é de: 150 para motos e 520 para carros.

Para manter o nível de segurança, 50 guardas trabalharão no local, que terão apoio da Polícia Militar. A administração responde ainda que há banheiros públicos na Praça da Matriz e em uma praça de alimentação do Centro.

Itapetininga
O Centro possui 580 locais para que os moradores estacionem nas ruas. Entretanto, o número não é suficiente. Em busca de uma vaga, o motorista José Aparecido de Jesus brinca que é preciso ter poderes para poder encontrá-las. “Depois das 9h, tem que ser herói para achar”, afirma.

Se a falta de vagas é ruim para os motoristas, o gerente de loja Aureni Dias conta que para os estabelecimentos também. “A gente acredita que a mercadoria vai atrair o cliente para a loja. Mas, nesse sentido, a gente espera que as autoridades encontrem um meio para atrair os moradores para o Centro.”

Tamanha movimentação faz com que acabem as vagas no estacionamento ao qual Eliane Hungria Leme da Silva é proprietária. “Tem hora que a gente fecha o portão porque não tem onde colocar mais. Dá até briga”, pondera.

Contudo, a questão das vagas para os veículos não é a única. Para a população, também faltam banheiros públicos para quem frequenta a região central.

Em Tatuí, motoristas sofrem para encontrar vagas
(Foto: Reprodução/TV TEM)
Tatuí
Embora a cidade tenha espaço para mais de 600 veículos nas ruas do Centro, a psicóloga Ana Maria Sallum Fabbro relata que depois de certo horário fica praticamente impossível estacionar na área central. “Se chega antes das 9h é um pouco mais fácil. Mas após é complicado. Ninguém consegue.”

O aposentado Izildo Rodrigues Lara compara o movimento com o de São Paulo (SP), onde vivia. “Está faltando espaço. Eu morava em São Paulo e vim para cá há três anos, mas sinto a mesma dificuldade que tinha lá”, diz.

De acordo com a empregada doméstica Zélia Vieira Seabra, outra preocupação para quem vai ao Centro é a falta de fiscalização. Sem equipe para aplicar multas na zona azul, alguns motoristas têm deixado os veículos o dia todo nas vagas. “Não tem onde estacionar o carro. As pessoas não respeitam ninguém. Idosos, faixas”, conclui.

Confira o horário de funcionamento nos comércios das maiores cidades da região:
  •  
CIDADEDATAHORÁRIOS
ItapetiningaA partir de 5 de dezembroDe segunda a sexta - Até 22h
Sábados - Até 18h
Domingos - Até 17h
TatuíA partir de 1º de dezembroDe segunda a sexta - Até 22h
Sábados - Até 18h
Domingos - Das 9h às 15h
AvaréA partir de 7 de dezembroDe segunda a sexta - Até 22h
Sábados - Das 8h às 17h
Domingos - Das 9h às 17h
ItapevaA partir de 12 de dezembroDe segunda a sexta - Até 22h
Sábados - Das 8h às 18h
Dias 24 e 31 - Das 8h às 15h
Domingos - A loja deve fazer acordo com o sindicato para funcionar
Lojistas de Itapetininga e Tatuí dizem que a falta de vagas afeta as vendas.
Somadas, frota dos dois municípios é em torno de 169 mil veículos.

Do G1 Itapetininga e Região

Com o movimento do comércio cada vez maior devido à aproximação das festas de fim de ano, motoristas afirmam que não conseguem encontrar vagas para estacionar os carros, motos e caminhões nas áreas centrais das cidades da região. Em Itapetininga (SP), a frota chega a 91 mil veículos. Já em Tatuí, o número é de 78 mil.

A TV TEM esteve nos dois municípios e constatou o problema em ambos. Segundo os moradores, para encontrar lugares disponíveis é preciso ir no período da manhã.

Conservatório de Tatuí recebe Big Band da Jazz Sinfônica

Apresentação será no domingo, dia 4 de dezembro, a partir das 20h, no teatro Procópio Ferreira



O Conservatório de Tatuí recebe concerto da Big Band da Jazz Sinfônica no próximo dia 4 de dezembro, domingo, a partir das 20h, no teatro Procópio Ferreira (à rua São Bento, 415). A entrada é franca.

Sob regência de João Maurício Galindo, o grupo apresentará obras como Side Winder (Lee Morgan, com arranjo de Gil Goldstein), Moten Swing (Buster Moten, com arranjo de Ernie Wilkins), Don’t Get Much Around Anymore (Duke Ellington, com arranjo de Sammy Nestico), Basie Straight Ahead (Sammy Nestico), Feeling Free (Sammy Nestico), Souvenir (Benny Carter, com arranjo de Eric Richards), Big Dipper (Thad Jones), Three and one (Thad Jones), Dolphin Dance (Herbie Hancock, com arranjo de Bob Mintzer), La Fiesta (Chick Corea, com arranjo de Tony Klotka), Estrepolia Elétrica (Moraes Moreira, com arranjo de Luiz de Arruda Paes).

A Orquestra Jazz Sinfônica do Estado de São Paulo ou, simplesmente, Jazz Sinfônica, foi criada em 1990 pela Secretaria de Estado da Cultura, com os objetivos de manter viva a tradição das orquestras da Era de Ouro do Rádio (décadas de 1940/1950) e de vestir a música popular com uma roupagem sinfônica: primeiramente a Música Popular Brasileira, mas também executando peças da música popular de todas origens, passando pelo jazz norte-americano, pelo tango argentino, pelos ritmos caribenhos, o rock inglês etc.

A Jazz Sinfônica é um grupo único, pois, além de ser uma orquestra nos moldes tradicionais eruditos, tem em sua formação uma big band de jazz.

terça-feira, 29 de novembro de 2016

Contratações temporárias começam na região com as festas de fim de ano

Em Tatuí, lojistas esperam que movimento seja maior em relação a 2015.
Gerente ressalta que bom desempenho pode efetivar novos funcionários.

Do G1 Itapetininga e Região

As contratações temporárias em lojas já começaram com a chegada das festas de fim de ano, segundo os comerciantes. Em Tatuí, por exemplo, os lojistas afirmam que esperam um crescimento nas vendas em relação ao mesmo período de 2015 e, por isso, as contratações já foram feitas.

Crescimento de contratos temporários deve
ser de 8% em Tatuí (Foto: Reprodução/TV TEM)
Segundo a gerente de loja Ana Cláudia de Almeida da Silva, o estabelecimento em que ela trabalha contratará quatro novos empregados temporários para essa reta final de ano. Caso agradem, os funcionários podem ficar definitivamente. “Se eles forem bem durante esse período é bem provável que a gente efetive”, afirma.

Ciente da oportunidade que tem em mãos, a vendedora Priscila Campos conta que foi recém-contratada para trabalhar após passar seis meses desempregada e espera desempenhar bem a função para se garantir. “Entreguei o currículo em mercado, loja e firma. Agora, no fim do ano, eles chamaram. Aproveitei a oportunidade. Foi ótimo, vou tentar aproveitar ao máximo para ficar”, relata.

Embora seja um bom momento para as contratações, a presidente da Associação Comercial de Tatuí, Lúcia Bonini, diz que o número de funcionários temporários não deve apresentar alta relevante em relação ao ano passado: apenas 8% a mais. No entanto, a expectativa para o futuro é boa.

“É baixo o número de contratações porque este ano estamos passando por desemprego em Tatuí. Por isso, não estamos contratando muito. Estamos devagar. Esperamos que ano que vem melhore”, destaca.

Movimento em lojas deve ter aumento no fim de ano
 (Foto: Reprodução/TV TEM)
Proprietária de uma loja de roupas, a empresária Marilda Aparecida Jacob Hessel Silva explica que encontrou em casa a solução para sanar a necessidade de contratar mais funcionários para atender o público no fim de ano. “Esse ano está mais econômico e a gente vai trabalhar com a família. As filhas que vivem fora vão todas ajudar. A nossa expectativa é a de que com todos trabalhando juntos dê tudo certo”, comenta.





Grupo de Saxofones apresenta-se em recital gratuito

Apresentação será no dia 3 de dezembro, às 19h, no Salão Villa-Lobos



O Grupo de Saxofones do Conservatório de Tatuí apresenta-se em recital gratuito no próximo dia 3 de dezembro, sábado, às 19h, no Salão Villa-Lobos (rua são Bento, 415). A coordenação é do professor Marcos Pedroso.

No repertório, constam obras de J.S. Bach (Brandenburg Concerto n.3 – em três movimentos), Eric Witacre (Sleep, com tradução de Murilo R. Mininel e legendas de Pablo Hugo R. De Lima), e de Radamés Gnatalli, com adaptação de Miguel Ângel Carbajal Huaman (Concertino para sax alto, em três movimentos, com solos de Dhydhy Ahilyn Romero Pichilingue).

O Grupo de Saxofones do Conservatório de Tatuí é formado por dez integrantes, todos alunos do curso de saxofone clássico da instituição. O grupo surgiu em 2014 dentro da Oficina de Performance e Repertório para Saxofone, matéria vinculada ao Curso de Saxofone Clássico da escola, e a partir de 2015 passou a integrar a área de Pratica de Conjunto do Conservatório de Tatuí.

Sua proposta didática possibilita aos alunos de saxofone o desenvolvimento da prática orientada em naipe de saxofones, promovendo a consequente ampliação cultural dos alunos com relação ao repertório deste instrumento, permitindo a atuação em diversas combinações instrumentais envolvendo os tipos de saxofones, bem como o conhecimento das possibilidades expressivas deste instrumento em obras originais e adaptadas.

No ano de 2016, o Conservatório de Tatuí recebe apoio cultural da Coop e CCR SPVias.

SERVIÇO
Grupo de Saxofones do Conservatório de Tatuí
Marcos Pedroso, coordenação
Quando: 3 de dezembro de 2016 – Sábado - Horário: 19h00 - Grátis!
Local: Salão Villa-Lobos – Rua São Bento, 415
Informações: (15) 3205-8444 ou www.conservatoriodetatui.org.br

segunda-feira, 28 de novembro de 2016

Salada de Notícias

  • A diplomação dos eleitos nas eleições deste ano em Tatuí acontecerá no dia 19 de dezembro, segunda-feira, a partir das 19h30, no Teatro Procópio Ferreira. Participação especial da Orquestra Sinfônica do Conservatório.
  • A futura prefeita de Tatuí, Maria José, se encontrou com futura prefeita de Itapetininga, Simone Marchetto, no bairro Jurumirim, que Tatuí perdeu para a cidade vizinha e fizeram acordo para que as crianças do bairro sejam atendidas nas escolas de Tatuí. O trajeto para Tatuí é de apenas 5 quilômetros, enquanto que para Itapetininga seria de aproximadamente 30. Não foi divulgado mais detalhes sobre o acordo.

Chuva de 15 minutos alaga Rodoviária

Do G1 - Segundo o Corpo de Bombeiros, a chuva que atingiu o município nesta segunda-feira (28) foi de aproximadamente 15 minutos e, apesar de pouco tempo, foi suficiente para a região do Terminal Rodoviário ficar alagada.

Segundo a corporação, um carro precisou ser empurrado e pessoas que estavam na rodoviária precisaram ficar em cima de bancos para evitar contato com a enxurrada.

Ainda segundo os bombeiros, é comum esse acúmulo de água naquela região quando chove, pois é uma área sem escoamento para água da chuva. Apesar dos alagamentos, não houve registros de ocorrências.

Terminal Rodoviário de Tatuí ficou alagado nesta segunda-feira (28) (Foto: Arquivo pessoal/Márcio Barros)

Rodoviária ficou alagada após chuva em Tatuí (Foto: Arquivo pessoa/Márcio Barrosl)

domingo, 27 de novembro de 2016

Peça inspirada em obra espanhola será encenada em Tatuí

Evento é neste domingo (27), às 17h e 20h, no CEU das Artes.
Entrada é gratuita, mas limitada até 1h antes das apresentações.

Do G1 Itapetininga e Região

Peça é encenada pela Cia. Atores em Conserva
 (Foto: Divulgação/ Letícia Mota)
A peça “A Vida é Sonho”, espetáculo adaptado da obra do espanhol Calderón de la Barca (1600 – 1681), será encenada neste domingo (27) em Tatuí em duas sessões, às 17h e 20h. As apresentações serão no Centro de Artes e Esportes Unificados (CEU das Artes). A entrada é franca, mas os ingressos têm que ser retirados até uma hora antes das apresentações.

A peça será apresentada pela Companhia de Teatro Atores em Conserva. A história é baseada no texto “A Vida é Sonho”, do espanhol Calderón de la Barca e escrita no século 17, que mostra a história de Segismundo, um homem que viveu parte da vida trancado em uma torre sem saber de sua origem, até que um dia desperta como príncipe herdeiro da Polônia, não sabendo se aquela situação era sonho ou realidade.

De acordo com Rose Tureck, diretora da peça, o espetáculo levanta questionamentos sobre o que é real e o que é sonho, questionando também a relação do homem com o poder. “Representar um texto tão conhecido é sempre uma nova oportunidade para refletir, discutir e tentar compreender melhor as angústias e desejos que norteiam a condição humana”, diz.

O Centro de Artes e Esportes Unificados de Tatuí (CEU das Artes) fica na Rua Rosa Monteiro, 475, Bairro Boqueirão.

Onda de assaltos em comércios e casas preocupa moradores de Tatuí

Do dia 9 ao dia 15 de novembro foram registrados 14 assaltos, diz polícia.
Patrulhamento foi intensificado na cidade, afirma capitão da PM.


Do G1 Itapetininga e Região

Patrulhamento foi intensificado após assaltos em Tatuí, diz PM
(Foto: Reprodução/TVTEM)
A sensação de insegurança em Tatuí tem crescido após o aumento do número de roubos e furtos registrados no mês de novembro deste ano, segundo os moradores. De acordo com a polícia, do dia 9 ao dia 15 de novembro, 14 assaltos foram registrados na cidade. Em um deles, por exemplo, dois homens armados com um revólver fizeram uma grávida e mais sete pessoas reféns em uma residência no bairro Chácara Junqueira. Um dos suspeitos foi preso.

Para uma moradora que teve a casa invadida pelos criminosos, a insegurança só aumenta. “Quando eu cheguei a gente viu que a porta de vidro tinha sido arrombada. Tinham tirado o vidro, entraram e reviraram os quartos. E daí a gente foi verificando o que tinham levado”, afirma a vítima, que preferiu não se identificar.

Ainda segundo os moradores, muitos estão com medo de andar pelas ruas do centro devido ao número de furtos. “A gente fica preocupada, ainda mais quem tem criança. Bolsa na frente sempre”, comenta uma moradora, que também não quis se identificar.

Moradora relata sensação de insegurança em Tatuí
(Foto: Reprodução/TVTEM)
De acordo com o capitão da Polícia Militar Kleber Vieira Pinto, o patrulhamento foi intensificado e policiais de outras cidades estão sendo escalados para trabalharem no município.

“Nós tivemos a necessidade de trazer policiais nas horas de folga para trabalhar. Nós temos policiais de Itapetininga que estão vindo para a cidade para trabalhar. Além disso, temos o efetivo administrativo, que trabalha interno nos quarteis, que estão saindo nas ruas em determinados horários do dia e em determinados dias da semana para que nós aumentemos a sensação de segurança e a presença da Polícia Militar onde estão acontecendo os roubos”, afirma.

Partido Alto 2 (José Roberto Bertrami) - Solo José Arimatéa - Pablo Barroso

sábado, 26 de novembro de 2016

Palestra e recitais marcam IV Semana de Música de Câmara

Evento acontece de 1º a 7 de dezembro e reúne mais de 200 grupos formados por alunos

Atrações especiais marcam a IV Semana de Música de Câmara do Conservatório de Tatuí. O evento, que reúne todos os alunos que cursam a disciplina de música de câmara, será realizado nos dias 1º, 2, 5, 6 e 7 de dezembro, contando com provas abertas, palestra e recitais especiais. A coordenação é da professora Míriam Braga. Todas as atividades são gratuitas e acontecem no Salão Villa-Lobos, que fica na rua São Bento, 415.
No dia 1º de dezembro, as provas acontecem às 14h e 16h. Já nos dias 2, 5, 6 e 7, as provas serão às 9h, 11h, 14h e 16h. Apresentam-se mais de 200 grupos, com os mais variados repertórios. Todos são avaliados por uma banca de professores, perante a presença do público.
Além das provas, a IV Semana de Música de Câmara do Conservatório de Tatuí, evento bimestral, contará com palestra e recitais especiais.
No dia 1º de dezembro, quinta-feira, às 11h, o doutor Igor Baggio ministra a palestra “O Lied expressionista de Schönberg, Berg e Webern”. A palestra enfoca a transformação radical do material sonoro da música levado a cabo entre aproximadamente 1908 e 1920, quando os três compositores vienenses Arnold Schönberg (1874-1951), Alban Berg (1885-1935) e Anton Webern (1883-1945) passaram a compor fora dos limites demarcados pelo sistema tonal.
Essa transformação da linguagem musical encontrou na linguagem poética do expressionismo suas imagens e seu universo estético privilegiados. Dessa conjunção surge a canção de câmara expressionista. “Por meio do comentário histórico, estético e de exemplos musicais selecionados, a palestra pretende introduzir ao grande público os principais aspectos musicais e estéticos desse gênero, dentre os quais podemos mencionar: o caráter extremado das formações harmônicas e melódicas empregadas, o caráter fragmentário e aforismático das canções, o apreço pelas imagens poéticas imediatas e mesmo violentas e pelos afetos angustiosos e impulsos inconscientes. Essas características fizeram do Lied expressionista talvez o gênero que melhor simbolizou o período de fortes mudanças no panorama histórico centro-europeu no qual surgiu, marcado principalmente pela Primeira Guerra Mundial”, destaca o palestrante.
Igor Baggio é pianista correpetidor e professor de piano. Mestre em música e doutor em filosofia. Iniciou seus estudos de piano aos sete anos de idade em sua cidade natal Vacaria (RS). A partir de 1998 passa a ter aulas com o pianista gaúcho André Loss, quem lhe orientará até o final da graduação em piano na Universidade Federal do Rio Grande do Sul – UFRGS em 2004. Ao longo desse período também recebeu orientação dos pianistas Max Uriarte e Catarina Domenici e participou de masterclasses com os pianistas Nikolaus Lahusen (Alemanha), Alexandre Dossin (Brasil – EUA), Jean-Louis Steuerman (Brasil) e Paulo Alvares (Brasil – Alemanha). Em 2006 transfere-se para São Paulo e inicia o mestrado em música/musicologia na Unesp sob a orientação da Dra. Lia Tomás. Em 2009 sua dissertação intitulada “O dodecafonismo tardio de Adorno” participa do concurso anual de monografias da Unesp e é um dos trinta trabalhos selecionados para ser publicado em formato de livro pela Edunesp. Em 2010 ingressa no curso de doutorado em filosofia da USP sob a orientação do filósofo Vladimir Safatle. Em 2015 defende a tese de doutorado em filosofia “A dialética da composição musical em Theodor W. Adorno” na Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas da Universidade de São Paulo. Além do trabalho como pianista correpetidor e como professor de piano, desde 2006 mantém intensa participação em eventos de natureza acadêmica e publica periodicamente artigos e trabalhos sobre filosofia da música.

Recital de Cristiane & Otávio Blóes
Também no dia 1º de dezembro, porém às 19h, a atração especial é o recital de flauta e piano protagonizado pelos professores Cristiane Bloes (piano) e Otávio Blóes (flauta). O duo foi formado na infância, quando os irmãos descobriram a música de câmara praticamente juntos sob orientação do flautista e professor João Dias Carrasqueira. Atuaram por muitos anos em concursos, recitais e festivais e têm mantido o duo paralelamente ao desenvolvimento de seus trabalhos individuais.
No recital, eles apresentarão obras de G. Fauré (Fantasia), Francis Poulanc (Sonata, em três movimentos), Johan Svendsen (Romance op. 26), Albert Franz Doppler (Fantasie Pastorale Hongroise) e George Enesco (Cantabile et Presto).
Cristiane é mestre em Música e Bacharel em piano pela Unesp-SP, e também formada em piano Clássico e MPB&Jazz pelo Conservatório de Tatuí. Atuou como pianista convidada em diversos eventos internacionais acompanhando artistas como: os flautistas Daniela Troiani (Itália), Michel Hazel (Alemanha), Felix Hengli (Suíça), Vieri Botazzini (Itália), Victor Mendoza (vibrafone-EUA), Daniel Barry (trompete – EUA), Miguel Villafruela (saxofone – Chile), Paulo Szot (barítono), Alexandre Ficarelli (oboé) entre outros. Solou sob regência de Edson Beltrami, Dario Sotelo, John Boudler (EUA), Ciro Pereira, Lazlo Marosi (Hungria), Dwight Satterwhite (EUA). É coordenadora e professora da Área de Piano do Conservatório de Tatuí e pianista titular da Banda Sinfônica da mesma instituição.
Otávio é flautista da Banda Sinfônica do Estado de São Paulo e atual coordenador da Área de Sopros – Madeiras do Conservatório de Tatuí, onde também é professor de flauta transversal desde 1997. Pós-graduado em Educação Musical pela Faculdade Paulista de Artes e diplomado em flauta transversal pelo Conservatório de Tatuí, atua intensamente nas áreas artística e pedagógica. Durante 20 anos integrou a Banda Sinfônica do Conservatório de Tatuí. Como solista, destacam-se as execuções dos concertos de Jacques Ibert, Khachaturian e Frigyes Hidas, sob regência dos maestros Daniel Havens (EUA/BRA), Felix Hauswirth (Suíça) e João Maurício Galindo (BRA). Desde 2010 coordena o Encontro Internacional de Madeiras de Orquestra do Conservatório de Tatuí. Em 2015, atuou como solista na Sala São Paulo frente à Banda Sinfônica do Estado de São Paulo sob regência do maestro norte americano Shaw Smith.
Quarteto Sax Brasil
Outra atração especial a integrar a IV Semana de Música de Câmara é o Quarteto de Saxofones SaxBrasil. O grupo apresenta, na segunda-feira, dia 5 de dezembro, às 19h, obras de A. Carlos Gomes (Sonata em Ré, em quatro movimentos), Eugène Bozza (Andante Et Scherzo), Philip Glass (Saxophone Quartet).

O quarteto é formado por Rafael Migliani (saxofone soprano), Maikel Morelli (saxofone alto), Jonathas Cordeiro (saxofone tenor) e Giancarlo Medeiros (saxofone barítono). Fundado em 2009, o quarteto de saxofones SaxBrasil tem como objetivo difundir o saxofone clássico e a música brasileira através da pesquisa, da encomenda de novas obras, da realização de transcrições de obras de compositores brasileiros e da interpretação do repertório tradicional. O grupo também tem como um dos seus objetivos, contribuir para a integração cultural e musical dos países da América Latina.
Em 2009 o grupo conquistou o primeiro lugar na 28ª edição do “Concurso Latino Americano Rosa Mística” na categoria “Música de Câmara” e desde então, tem atuado como solista frente a importantes grupos do Estado de São Paulo. O grupo tem apresentado recitais em diversas cidades do Estado de São Paulo, direcionando o seu trabalho para a formação de plateia através da interpretação repertórios acessíveis e cativantes, sempre mantendo um alto nível técnico e musical.
Em 2012 apresentou recitais totalmente compostos por obras de importantes compositores brasileiros no “1º Encuentro Internacional de Cuartetos de Saxofones de Montevideo – Uruguay”, “1º Festival de Saxofone Clássico em São Paulo”, “5º Encontro Internacional de Saxofonistas do Conservatório de Tatuí” e “1º Encuentro Internacional de Saxofonistas” em La Pampa – Argentina.
Em 2013 foi responsável pela elaboração, produção e execução do projeto “Música para Todos”, que foi aprovado para receber o patrocínio da Secretaria da Cultura da cidade de Sorocaba através da Lei de Incentivo à Cultura municipal, levando apresentações de música instrumental brasileira a diferentes bairros da cidade, facilitando e democratizando o acesso à cultura musical brasileira. No mesmo ano, participou do “XII Encuentro Universitário Internacional de Saxofón”, realizado no México, apresentando-se no encerramento do evento.
Em 2014, obteve a aprovação e executou o projeto “Viagem musical pelas Américas”, levando musica instrumental a aproximadamente 3000 crianças, com o patrocínio da Secretaria da Cultura da Cidade de Sorocaba.
Em 2015, ainda com o patrocínio da Secretaria da Cultura da Cidade de Sorocaba, realizou o projeto “Conhecendo Villa-Lobos a bordo do seu trenzinho”, dedicado às crianças da rede municipal de ensino.
Tubass
Já na terça-feira, dia 6 de dezembro, às 19h, a atração é o Quinteto Tubass. Nascido da união de cinco grandes amigos, integrantes da classe de tuba do professor Luciano Vaz, o Quinteto TuBass vem desde 2012 realizando intenso trabalho de experimentação de repertório, buscando trazer obras de reconhecimento público para a sonoridade da tuba. Obras de todos os períodos da música erudita se misturam com músicas de cunho popular, formando assim uma mistura eclética de arranjos criados pelo e para o próprio grupo.
Composto por músicos com larga experiência profissional, ocupantes de cadeiras em diversos grupos sinfônicos do Estado de São Paulo, o Quinteto TuBass tem atuado em grandes eventos, com destaque para o IV e o V Encontro Internacional de Metais do Conservatório de Tatuí. Vem também se apresentando com frequência nas Semanas de Música de Câmara da mesma instituição, tendo alcançado as finais do Prêmio Incentivo à Música de Câmara no seu ano de estreia.
O grupo busca o compromisso de popularizar e difundir a tuba como veículo musical, mostrando todas as suas possibilidades, da expressividade ao virtuosismo. Integrado pelos tubistas Alessandro Ramos, Camilo Alcantara, Daniel Satler, Ricardo Souza e Taís Nascimento, o quinteto realiza também atividades pedagógicas, visando a estimular o desenvolvimento do instrumento e criação de novos grupos com a mesma formação.
No recital, será apresentado repertório variado com obras arranjadas por Camilo Alcantara, como Little Fugue in Gm (de Johan Sebastian Bach/ Chuck Wilson), O Barbeiro de Sevilha (de Gioacchino Rossini), Adiós Nonino e Inverno Portenho (de Astor Piozzolla), Can Can – Gallop from ”Overture to Orpheus in the Underworld” (de Jacques Offenbach), Power (de John Stevens) e Smoke on the Water, da banda Deep Purple (composta por Richie Blackmore, Ian Gillan, Roger Glover, Jon Lord e Ian Paice).
Junção Low 
A série de recitais é encerrada às 19h da quinta-feira, dia 7 de dezembro, com apresentação do grupo Junção Low, grupo criado em 2013 sob a orientação do professor Luciano Vaz e que vem tentando mostrar a versatilidade de uma formação não tão convencional no cenário brasileiro.
O grupo se apresenta em concursos internos e edições da Semana de Música de Câmara do Conservatório de Tatuí e integrou os recitais dos melhores grupos de 2015 e 2016. Recentemente, fez gravações com a TVR Sorocaba e no SESC Rondonópolis.
Para o recital, o Junção Low, que é formado por Andressa Luz e Lucas Belloni (eufônio), Daniel Satler e Marcel Montini (tuba ) e Washington Oliveira (percussão), selecionou obras como Rise of Firebird (Steven Reineke, adaptada por Daniel Satler), Old Legend (Etienne Crausaz), Benediction (John Stevens), Just a Close Walk (arranjo de Mike Forbes), Take Five (Paul Desmond, com arranjo de Mike Forbes), Diversions (de John Stevens, em cinco movimentos), Como uma Milonga/Vanera e Como um Choro/Maxixe (de Fernando Deddos) e Tritsch Tratsch Polka (de Johann Strauss).

Apoio Cultural – No ano de 2016, o Conservatório de Tatuí orgulha-se em receber apoio cultural da Coop e CCR SPVias.

SERVIÇO
IV Semana de Música de Câmara do Conservatório de Tatuí
Quando: 1º a 7 de dezembro, vários horários
Local: Salão Villa-Lobos – Rua São Bento, 415
Informações: (15) 3205-8444 ou www.conservatoriodetatui.org.brGrátis!

sexta-feira, 25 de novembro de 2016

Museu apresenta Sarau Sax na tarde deste sábado


Museu Paulo Setúbal tem exposição coletiva a partir deste sábado


Grupo Pacaembu conquista prêmio Seconci-SP

Construtora que atua em Tatuí ganhou nas categorias Controle de Perigos e Riscos e Controle de Saúde, nas obras de Catanduva e São José do Rio Preto.

O Grupo Pacaembu tem foco de atuação no interior de São Paulo. A construtora tem obras executadas e em andamento em Tatuí e cidades como Assis, Avaré, Barretos, Catanduva, Lins, Marília, Mirassol, Olímpia, Sorocaba, Tatuí e Votuporanga, entre outras.

Ontem a noite, o Grupo Pacaembu recebeu mais uma premiação, reconhecendo o trabalho desenvolvido nas obras para garantir um ambiente de trabalho saudável e seguro.

O Grupo Pacaembu conquistou o Prêmio Seconci-SP de Saúde e Segurança do Trabalho em duas categorias. A premiação é uma iniciativa do Serviço Social da Construção Civil (Seconci-SP), em parceria com o Sindicato da Construção (SindusCon-SP), dirigida às empresas de construção civil. Nesta edição, duas obras do Grupo Pacaembu receberam o prêmio que reconhece as melhores práticas em Saúde e Segurança do Trabalho em canteiros de obras de todo o Estado de São Paulo.

A construtora ganhou na categoria Controle de Perigos e Riscos no Canteiro com a obra do residencial Vida Nova Catanduva II. Nesta categoria, é premiado o trabalho destacado, comprovado e desenvolvido em prol da segurança dos seus trabalhadores. Já a obra do Vida Nova Fraternidade, em São José do Rio Preto, venceu na categoria Controle da Saúde no Canteiro, por se destacar com sua prática exemplar na abordagem às questões relativas à prevenção e manutenção da saúde coletiva dos trabalhadores.

Obra na ponte do Boqueirão terá interdições em certos períodos

Começa na próxima segunda-feira, 28 de novembro, uma obra para a implantação de uma área de proteção nas adutoras de água e gás natural na ponte da Rua Teófilo de Andrade Gama, no bairro Boqueirão. A obra será realizada pela Sabesp e a previsão é de 30 dias de trabalho no local. No decorrer da obra, a via precisará ser interditada parcialmente em alguns períodos e totalmente em outros. O departamento de Transito e a Guarda Civil Municipal estarão auxiliando o trânsito e a sinalização durante todo o período de duração da obra.

Palôma Montolio apresenta espetáculo ‘Navegação’

Show marca conclusão de curso de canto popular e acontece na terça-feira, dia 29 de novembro, com entrada franca



A cantora Palôma Montolio, aluna do curso de canto de MPB&Jazz do Conservatório de Tatuí apresenta o espetáculo “Navegação”. O evento marca a conclusão de curso da aluna e será apresentado no próximo dia 29 de novembro (terça-feira), a partir das 19h, no Salão Villa-Lobos, que fica na rua São Bento, 415. A entrada é franca.
Para o espetáculo, foram selecionadas obras como Agora Tá (Tunai/Sérgio Natureza), Além Mar (Rafael Martini/Leonora Weissmann), Alguém Cantando (Caetano Veloso), Bailarina (Eudes Fraga/Dudu Falcão), Frevo Torto (Luis Felipe Gama), Karatê (Egberto Gismonti), Marina (Dorival Caymmi), Marinheiro do Mar (Breno Ruiz/Paulo César Pinheiro), Na Virada da Costeira (Chico Saraiva/Paulo César Pinheiro), Praia (Sara Serpa), Samba a Dois (Marcelo Camelo), Silêncio de Iara (Guinga/Luis Felipe Gama) e Zanzibar (Edu Lobo). A concepção e orientação é da professora Andrea dos Guimarães e a coordenação, de Érica Masson.
Paloma Montôlio é natural de Piedade (SP). Graduada em Arte Educação com Licenciatura em Música pela Universidade de Sorocaba (UNISO) e cursa Pedagogia na UniNove (São Roque/SP). Tendo vindo de uma família de músicos, sua história musical se iniciou muito cedo com o coral ‘Sonho Maior’, no qual Cilene Oliveira (sua tia) é regente. Com quatro anos, ingressou no Conservatório Davino Tardelli da Silva em sua cidade natal, onde estudou até os 18 anos. Em 2007, entrou para o Conservatório de Tatuí, cursando Piano Erudito até 2011, e em 2012, ingressou no curso de Canto Popular MPB/Jazz da mesma instituição, tendo estudado com os professores Andrea dos Guimarães, Ana Malta, Edmo Perandin, Érica Masson, Marcelo Silva, Paulo Signori, Fábio Gouveia, Eduardo Gobi, André Marques, Rodrigo Braz, Fábio Leal, entre outros. Desde 2011, desenvolve o Projeto Som A2 com o violonista Eduardo Sangali, com repertório voltado para a música popular brasileira. Há quatro anos é cantora da Banda Harmonia na cidade de Sorocaba, cantando em cerimônias e festas. Atualmente, ministra aulas de arte e música para crianças de 6 a 11 anos em Piedade e atua no Projeto Mais Educação do Governo do Estado de São Paulo como Professora de Coral.
Para o espetáculo, Palôma recebe uma série de músicos convidados. Acompanham-na no show os músicos Alex Vasconcelos (violino), Alex Zanotelli (contrabaixo), Amanda Mara (voz), Anderson Bruno Pereira (trombone), André Segolin (voz), Ângelo Montolio (acordeom), Cainã Miachon (percussão), Cilene Oliveira (voz), Eduardo Sangali (violão), Érica Masson (piano), Erik Crepaldi (bateria), Felipe Deleon (saxofone), Gustavo Vilas Boas (trompete), Juan Oliveira (voz), Maison Claudino Santos (violoncelo), Marcos Aurélio Martins (trompete), Marcos Marcondes (bateria), Nicolas Seves (voz), Rafael Bazzanella (guitarra), Samuel Pinto Paredes (piano), Santiago Massa (voz), Silmara Ijano (violino e voz) e Valentina Russo (voz).

Apoio Cultural – No ano de 2016, o Conservatório de Tatuí orgulha-se em receber apoio cultural da Coop e CCR SPVias.

SERVIÇO
Espetáculo Navegação – Palôma Montolio
Érica Masson, coordenação
Quando: 29 de novembro, terça-feira, 19h00
Local: Salão Villa-Lobos – Rua São Bento, 415
Informações: (15) 3205-8444 ou www.conservatoriodetatui.org.brGrátis!

quinta-feira, 24 de novembro de 2016

Atores em Conserva estreia em Tatuí o espetáculo “A Vida é Sonho”

Apresentação acontece neste domingo, 27 de novembro

A Companhia de Teatro Atores em Conserva estreia neste domingo, 27 de novembro, “A Vida é Sonho”, espetáculo inspirado na obra do espanhol Calderón De La Barca. Serão duas sessões (17h e 20h) encenadas no CEU das Artes, em Tatuí.

A peça, que é um dos clássicos do teatro mundial e foi escrita no século XVII, conta a história de Segismundo, um homem que viveu parte da vida trancado em uma torre sem saber de sua origem, até que um dia desperta como príncipe herdeiro da Polônia, não sabendo se aquela situação era sonho ou realidade. 

De acordo com Rose Tureck, diretora da peça, o espetáculo levanta questionamentos sobre o que é real e o que é sonho, questionando também a relação do homem com o poder. 

“Representar um texto tão conhecido é sempre uma nova oportunidade para refletir, discutir e tentar compreender melhor as angústias e desejos que norteiam a condição humana. O poder é justamente um dos pilares que sustentam essa trama. Por ele, alianças são feitas; interesses individuais são colocados acima dos coletivos; arbitrariedades e crueldades são cometidas. Ou seja, situações que estão presentes nos dias de hoje”, afirma.

A encenação tem como elenco Rafaele Breves, Jú Assis, Vinicius Oliveira, Rodrigo Cotrim e Fabiano Amâncio. Na técnica estão Jorge Colina e Léo Rios.

Programa de Qualificação em Artes – Projeto Ademar Guerra

A Cia Atores em Conserva por mais um ano fez parte do Programa de Qualificação em Artes do Estado de São Paulo. Através da iniciativa, mais conhecida como Projeto Ademar Guerra, recebeu, ao longo de 2016, a orientação artística do ator e diretor Miguel Hernandez. 

SERVIÇO
Domingo, 27 de novembro de 2016
Local: Centro de Artes e Esportes Unificados de Tatuí (Rua Rosa Monteiro, 475 – Boqueirão).
Horário: 17h e 20h – Duas sessões
Entrada Franca – Ingressos são limitados e deverão ser retirados 1h antes de cada sessão

Obras orçadas em R$ 3,9 milhões continuam paradas em Tatuí

Obras são da UPA, da academia do CDHU e de uma creche.
Queda na arrecadação mudou cronograma de entrega, alega Executivo.


Do G1 Itapetininga e Região

As obras da Unidade de Pronto Atendimento (UPA), da Academia de Saúde do Conjunto Habitacional (CDHU) Orlando Lisboa de Almeida e de uma creche no bairro Santa Cruz, em Tatuí, ainda não foram concluídas. Orçadas em um total de R$ 3.913.648, o atraso das três construções incomoda os moradores, já que a UPA era par ser entregue em 2010, o a academia do CDHU em novembro deste ano e a creche em setembro deste ano. Os locais estão incabados e com tapumes, afirma a população.
UPA começou em 2010 e está com obras
paradas (Foto: Reprodução/TV TEM)
Em nota, a Secretaria de Fazenda, Finanças e Planejamento informa que com a queda de arrecadação o cronograma de obras foi reorganizado conforme o fluxo financeiro disponível.

Sobre a UPA, cuja obra é orçada em R$ 2,6 milhões, a pasta aponta que realiza a escolha da empresa responsável pela gestão por meio de um processo licitatório. Quanto à creche, que custará R$ 1,1 milhão, o órgão indica que a construção deve ser iniciada nos próximos dias. Já em relação à área de lazer do CDHU, cujo custo é de R$ 115,5 mil, a secretaria esclarece que o projeto original sofreu readequações que foram encaminhadas ao governo federal e, portanto, aguarda a aprovação para retomar os trabalhos.

“Já faz tempo que a obra está parada. Dias atrás tiraram os tapumes e madeiras só”, conta o instalador de equipamentos Paulo Henrique Camargo.

Segundo o aposentado Osmar Antônio Martins, que mora no CDHU, há meses o serviço no local está paralisado. “Foram embora daqui faz mais de meses.Colocaram umas coisinhas para guardar as ferramentas. Só tem sujeira”, afirma.

Representante da população que mora no CDHU, Pedro Saldanha diz que o terreno demarcado para a obra já deveria abrigar a academia com os aparelhos para que os moradores pudessem fazer exercícios. “Reivindiquei a limpeza e perguntei sobre a verba que veio para a prefeitura. Eles falaram que só a metade chegou. Mas acho que só nesse concreto feito não foi todo o dinheiro. Agora, eu quero saber onde foi parar o dinheiro para terminar nossa academia, que a comunidade do bairro está me cobrando. A gente quer saber onde foi parar o dinheiro”, finaliza.

Mais cara das obras, UPA está orçada em R$ 2,6 milhões (Foto: Reprodução/TV TEM)

Custo para construir creche é de R$ 1,1 milhão (Foto: Reprodução/TV TEM)

Academia do CDHU era para ser entregue em novembro desde ano (Foto: Reprodução/TV TEM)

Reuniões temáticas da transição em Tatuí começam nesta quinta-feira

Primeiro setor a ser apresentado será o Social – dinâmica incluirá visitas a prédios públicos

A primeira reunião temática da transição de governo em Tatuí será realizada hoje. O setor escolhido para dar início à série de apresentações será o Social, um dos que mais avançou durante os últimos quatro anos. O cronograma com as reuniões foi definido na segunda-feira, no primeiro encontro entre as duas equipes, que aconteceu no CEU das Artes.

Também na quinta-feira, 21, o prefeito José Manoel Correa Coelho, Manu, formalizou os membros do governo atual e também os indicados pela futura administração. Como já havia sido adiantado, as coordenações estarão a cargo dos vices Vicente Menezes e Luiz Paulo Ribeiro da Silva. A equipe da atual gestão será completada com Ângela Sartori, José Norbal de Moraes Marques e Carlos César Pinheiro da Silva. Já o grupo de trabalho da futura gestão será composto por Renato Pereira de Camargo, Juliana Rosseto Leomil Mantovani e Taís Oliveira.

A agenda completa de reuniões setorizadas inclui Social, no dia 24 de novembro; Esporte, no dia 29; Educação no dia 30; Meio Ambiente e Agricultura no dia 1º de dezembro; Fundo Social de Solidariedade no dia 6; Indústria no dia 7; Infraestrutura no dia 13; Cultura e Turismo no dia 14; Saúde no 15; Planejamento e Convênios no dia 19; Fundação “Manoel Guedes” e Tatuíprev no dia 20; Governo, Segurança Pública e Transportes no dia 21; e Administração e Fazenda no dia 22 de dezembro. 

O vice-prefeito Vicente Menezes lembrou que as dinâmicas incluirão visitas a prédios públicos. “A estrutura municipal cresceu muito nesses quatro anos. Só no setor social, por exemplo, são três novos CRAS, a nova sede do CREAS, a nova sede do Conselho Tutelar. É importante que os futuros gestores conheçam essas estruturas, seus quadros de servidores e funcionamento”, explicou. 

Ao término de cada dia de trabalho, o coordenador de transição do governo eleito receberá um relatório completo sobre o funcionamento do setor. “É importante compartilhar números que dão a dimensão do crescimento e dos novos desafios no município. Neste mandato, dobramos o total de recursos repassados as entidades assistenciais, como a APAE, a Casa do Bom Menino, O Lar São Vicente de Paula, o Cosc, e a Casa dos Irmãos de Rua, por exemplo, que antes recebiam R$ 700 mil ano e hoje recebem mais de R$ 1,5 milhão. No Social, o Banco de Alimentos é outro projeto em que, ano a ano, quebramos sucessivos recordes, chegando a 59 toneladas todo mês, atendendo 350 famílias e 28 filantrópicas. A população de Tatuí espera que esses programas sejam mantidos e aprimorados”, finalizou Manu.

quarta-feira, 23 de novembro de 2016

Conheça o Projeto Marina


Salada de Notícias

  • Com a saída da coordenadora Raquel Fayad, o Museu Paulo Setúbal ficou sob a direção do Diretor de Cultura Jorge Rizek, na Diretoria de Cultura e Desenvolvimento Turístico.
  • Foi aprovado por unanimidade ontem, na Câmara Municipal de Tatuí, a doação de uma área de 2.090 m2 para a Associação Cultural Pró-Arte de Tatuí.
  • Um grupo de 10 homens armados explodiu caixas eletrônicos de uma agência bancária, na madrugada desta terça-feira (22), na área central de Guareí. Ninguém foi preso. (G1)
  • Um caminhão carregado de madeira ficou destruído após pegar fogo na rodovia Castello Branco (SP-280), na tarde desta terça-feira (22), em Boituva. O motorista conseguiu sair a tempo e não ficou ferido, de acordo com o Corpo de Bombeiros. (G1)

SBT Sorocaba realizou matéria especial sobre o Dia do Músico no Conservatório de Tatuí


Sem limpeza em terreno, Alto da Santa Cruz tem infestação de escorpiões


Luciano Andrade já cansou de encontrar bichos
peçonhentos (Foto: Reprodução/TV TEM)
Prefeitura diz que irá notificar os donos do espaço para fazer a limpeza.

Do G1 Itapetininga e Região

A falta de limpeza em um terreno no bairro Alto da Santa Cruz, em Tatuí, tem preocupado os moradores. Segundo eles, por conta disso, há infestação de escorpiões e animais peçonhentos nas casas que ficam próximas ao espaço. “Encontro aranha, escorpião e cobra. Anteontem matei um escorpião e dias atrás uma aranha”, diz o restaurador Luciano Pires de Andrade, que mora no bairro há 13 anos.

Em nota, a Prefeitura de Tatuí explica que o Departamento de Fiscalização irá notificar os donos do terreno para realizar a limpeza. Ao receber a notificação, o proprietário tem o prazo de 10 dias para fazer a remoção dos resíduos e dejetos. Caso não atenda a determinação, o dono poderá ser multado.

O serralheiro Wilson Júlio Farias é pai de crianças pequenas e fala sobre o medo que sente pela segurança dos filhos. “Como trabalho fora, chego preocupado em casa. Meu quintal é concretado por causa desses bichos. Nós não queremos nada, só queremos acabar com esses criadouros de escorpião para acabar com os nossos problemas”, afirma.

Proprietário de um bazar no bairro, o vendedor Edson de Oliveira revela o susto que levou quando encontrou um escorpião dentro da casa. “Eu olhei para a parede e vi o escorpião. Na hora que eu acendi a luz eu acho que ele sentiu a minha presença, ficou parado e mexendo o rabo para atacar. Depois eu peguei o rodo e o matei”, diz.

Aos 11 anos, o menino Felipe Nocheli de Oliveira conta que teme o encontro com o bicho. “Fico com medo. Se aparecer algum [escorpião] tenho que correr chamar minha mãe ou pai para me ajudar”, conclui.

Escorpiões entram em casas de bairro em Tatuí, dizem moradores (Foto: Reprodução/TV TEM)

Jazz Combo do Conservatório de Tatuí apresenta faceta desconhecida de Rosa Passos

Show especial será realizado no domingo, 27, às 14h, no teatro Procópio Ferreira



A Jazz Combo do Conservatório de Tatuí apresenta show especial no próximo domingo, 27 de novembro, às 14h00, no teatro Procópio Ferreira, 415. A apresentação tem coordenação de Rodrigo Ursaia e integra a 56ª Semana da Música. Os ingressos são vendidos a R$ 12 (R$ 6 meia entrada).

O show especial contará com obras de Léa Freire (Vatapá), Dom Salvador (Depois da Chuva), Rodrigo Ursaia (Acepipe), Léo Ferrarini (Praiana), Vinícius Dorin (Gota Serana) e quatro obras de Rosa Passos: Dunas, Morada do Samba, Verão e Samba com Pressa.

A Jazz Combo do Conservatório de Tatuí é formada por Léo Ferrarini (piano), Felipe Brisola (contrabaixo), Everton Barba (bateria) e Rodrigo Ursaia (saxofone, flauta e coordenação), Lucas Chagas (violino), Breno Cavalcanti (flauta), Rodrigo Parente (saxofone), Pablo Marques (trompete) e Arthur Rita (trombone). Para esta apresentação, o grupo contará com participação especial de Ana Lessa, Luciana Canizella e Lucy B. (voz) e Fabio Leal (violão).

No concerto, a Jazz Combo apresentará uma faceta menos conhecida da obra de Rosa Passos. “Reconhecida internacionalmente como uma das principais intérpretes da música brasileira atual, Rosa é também uma compositora inspiradíssima e de uma sensibilidade única, e é isso que o programa pretende demonstrar”, diz Ursaia.

Cantora, compositora e violinista, Rosa nasceu e viveu cercada de música na capital da Bahia, Salvador. Desde os cinco anos envolvida com música, Rosa já conquistou plateias nos Estados Unidos, na Europa e na Ásia. Em 1972, sua composição ‘Mutilados’ ganhou o primeiro lugar no festival da Universidade da Bahia. Sua primeira obra veio em 1979, junto com o compositor Fernando de Oliveira, parceiro de longa data, o álbum ‘Recriação’. Em 1991, já baseada em Brasília, lança seu primeiro CD, ‘Curare’, contendo clássicos da MPB que incluem compositores como Tom Jobim, Ary Barroso e Carlos Lyra entre outros. Em 1996, lança o CD ‘Pano pra Manga’, solidificando desde então uma preciosa parceria com o grande violonista Lula Galvão, também de Brasília. No total são 17 álbuns, o último sendo lançado em 2013, ‘Samba Dobrado’, com composições de Djavan e em homenagem ao próprio. Rosa tem uma vasta experiência no exterior, tendo se apresentado na América Latina, Europa, Ásia e Estados Unidos, também ao lado de grandes nomes da música mundial, como Ron Carter, Paquito D’Rivera, Yo-Yo Ma e Henri Salvador entre outros.

56ª Semana da Música – O concerto integra a 56ª Semana da Música, o mais tradicional evento da instituição. Em 2016, a Semana da Música acontece de 20 a 27 de novembro, com oito concertos especiais. Em todos eles, alunos da instituição são destacados como solistas.
A Semana da Música foi criada no ano de 1960, pela professora Yolanda Rigonelli (que também foi diretora da instituição) e, desde então, vem sendo realizada consecutivamente todos os anos. O evento é realizado sempre no mês de novembro, tendo ao menos um evento no dia 22 – Dia do Músico e Dia da Padroeira dos Músicos (Santa Cecília). Histórica no município, a Semana da Música foi criada para que os alunos possam mostrar o resultado de seus estudos. Durante a Semana da Música, também são recebidos convidados especiais.
No domingo, dia 20, são dois concertos: 11h00, da Orquestra Sinfônica do Conservatório de Tatuí, com regência de João Maurício Galindo e solos da harpista Maini Moreno; e, às 20h00, apresenta-se a Banda Sinfônica do Conservatório de Tatuí, que recebe como solistas alunos selecionados em concurso interno, sob regência de Dario Sotelo. Na terça-feira, dia 22, às 20h00, a atração é a Big Band do Conservatório de Tatuí, coordenada por Celso Veagnoli. Na quarta-feira, 23, às 20h00, apresenta-se a Camerata de Violões do Conservatório de Tatuí, coordenada por Edson Lopes. Na quinta-feira, 24, às 20h00, os alunos vencedores do XI Concurso Interno de Piano, coordenados por Cristiane Bloes, realizam apresentação especial. Na sexta-feira, 25, às 20h00, o destaque é o Grupo de Choro do Conservatório de Tatuí, coordenado por Alexandre Bauab Junior. No domingo, 27, às 20h00, é a vez dos alunos vencedores do Prêmio Incentivo à Música de Câmara, coordenados por Míriam Braga.

Apoio Cultural – No ano de 2016, o Conservatório de Tatuí orgulha-se em receber apoio cultural da Coop e CCR SPVias.

SERVIÇO
56ª Semana da Música
Jazz Combo do Conservatório de Tatuí
Rodrigo Ursaia, coordenação
Quando: 27 de novembro, domingo, 14h00
Local: Teatro Procópio Ferreira – Rua São Bento, 415
Informações: (15) 3205-8444 ou www.conservatoriodetatui.org.brIngressos: R$ 12 (R$ 6 meia entrada)

Francine Dias e Daniel Duarte fazem recital de piano no Conservatório de Tatuí

Alunos apresentam-se como conclusão de aperfeiçoamento no curso, dia 27, com entrada franca


Os pianistas Francine Dias e Daniel Duarte, alunos do curso de piano clássico do Conservatório de Tatuí apresentam-se em recital gratuito no próximo domingo, 27 de novembro, às 19h. O recital acontece no Salão Villa-Lobos, à rua São Bento, 415, com entrada franca. A coordenação é da professora Cristiane Bloes.

O pianista Daniel Duarte apresenta sua conclusão em aperfeiçoamento em piano clássico – período romântico, sob orientação da professora Marina Camargo. No repertório, estão obras de Rachmaninoff (Prelúdio op. 23 nº 5), Chopin – Estudo op.10 nº 1, Chopin – Balada op. 23 nº 1.

Já Francine Dias, sob orientação de Cristiane Bloes, faz seu recital de aperfeiçoamento em piano clássico – música de câmara, contando com a participação de convidados especiais. A obra Frevo, de Ronaldo Miranda, para piano a quatro mãos, será apresentada com participação de Milene Dias. De Marlos Nobre, Francine apresenta Frevo n.2. De Widor, será apresentada a Suite I Op. 34 – nº1, com participação especial de Abner Americo (flauta). De Gaubert, encerra o recital a obra Tarantelle, com participação de Paulo Victor (oboé) e Vitor Germano (flauta).

Apoio Cultural – No ano de 2016, o Conservatório de Tatuí orgulha-se em receber apoio cultural da Coop e CCR SPVias.

SERVIÇO
Recital de Piano Clássico – Francine Dias e Daniel Duarte
Cristiane Bloes, coordenação
Quando: 27 de novembro, domingo, 19h00
Local: Salão Villa-Lobos – Rua São Bento, 415
Informações: (15) 3205-8444 ou www.conservatoriodetatui.org.brGrátis!

Faesb lança projeto de identificação das árvores da Praça da Matriz

A instalação das placas ocorrerá no dia 24 de novembro às 19h.


O projeto é uma iniciativa do 8º semestre do Curso de Engenharia Agronômica da Faculdade de Ensino Superior Santa Bárbara de Tatuí. O Prof. Esp. Ivan de Maria, responsável pela disciplina “Paisagismo, parques e jardins” orientou o projeto que tem como objetivo identificar as principais espécies arbóreas da Praça da Matriz de Tatuí.

As identificações serão feitas através de placas de acrílico com nome, espécie e família dos indivíduos arbóreos e QR-CODES (códigos de barras bidimensionais que podem ser facilmente lidos por celulares e diversos outros dispositivos móveis com câmera) que quando acessados fornecerão informações adicionais.

Através do projeto de identificação das espécies associada à tecnologia QR-CODES os alunos entendem que contribuirão para o compartilhamento do saber como também na motivação para o engajamento e a consciência ambiental, uma vez que é preciso conhecer para promover a preservação.

O projeto conta com o apoio do Departamento de Meio Ambiente de Tatuí e, por meio da tecnologia, pretende mobilizar a sociedade para o tema educação ambiental.

A instalação das placas ocorrerá no dia 24 de novembro às 19h.

Os alunos do 8º semestre do Curso de Engenharia Agronômica convidam a comunidade para acompanhar a implantação do projeto e começar a conhecer as espécies da Praça da Matriz.

terça-feira, 22 de novembro de 2016

Batida entre carros deixa motorista ferido em rodovia de Tatuí

Acidente aconteceu na rodovia Antônio Romano Schincariol (SP-127).
Motorista de um dos veículos foi socorrido com ferimentos leves.

Do G1 Itapetininga e Região

Um motorista ficou ferido após se envolver em um acidente na rodovia Antônio Romano Schincariol (SP-127), nesta terça-feira (22), em Tatuí.

De acordo com a Polícia Militar Rodoviária, a vítima trafegava sentido Interior, quando colidiu em outro carro que seguia no mesmo sentido. Devido ao impacto da batida, o motorista perdeu o controle do veículo e foi parar no canteiro central.

Ainda segundo a polícia, o motorista foi socorrido ao pronto-socorro com ferimentos leves. O outro motorista não ficou ferido e as causas do acidente serão investigadas.
Carro foi parar no canteiro central após batida na SP-127 (Foto: Reprodução/TVTEM)

Poeta tatuiano é premiado no Paraná

O poeta tatuiano Odimar Martins foi um dos nove vencedores do 51º Festival de Música e Poesia de Paranavaí/PR - FEMUP, com o poema O Homem que Apagava Estrelas, que publicamos nesta data. A obra passou a fazer parte do livro FEMUP 2016, que reúne, além das poesias, as letras das músicas premiadas e os contos vencedores do 48º Concurso Literário de Contos, uma competição paralela. O Festival ocorreu entre os dias 13 a 19 deste mês e recebeu 445 poesias concorrentes, vindas de todos os estados brasileiros, do distrito federal e até de Portugal. Não há classificação entre os nove selecionados. O FEMUP é o principal evento cultural de Paranavaí, chamada de Cidade Poesia. Nossos parabéns ao Odimar e nossos agradecimentos pelo livro enviado.

poesia / Odimar Martins

O HOMEM QUE APAGAVA ESTRELAS

Odimar Martins

Meu tio permaneceu por muitos anos,
depois de si mesmo: no barulho do portão,
no toque das balas de alfenins nos lábios.
- fartamente distribuídas aos sábados.

Por dias, fiquei na janela, olhando
o caminho por onde vinha,
com suas botas longas, histórias longas
e uma vida egoistamente curta.

Seu calçado cansado, pelo percurso
dos seus causos, pelo pó impregnado
nos seus contos, do cheiro morno
dos lugares por ele visitados.

Chovia, e no transparente do vidro,
a janela ganhou tons de mármore,
correu pelo meu rosto como notícia,
e onde estava você, eu não poderia estar.

Algumas estrelas não existem mais;
só permanece o brilho de sua existência,
percorrendo o tempo e o espaço
até atingir a lâmina dos seus olhos.

 A vida é poesia que se permite escrever
nas palavras anônimas, na alquimia das coisas,
nas verdades sem importância, na relevância íntima,  
quando se perde aquilo que nem se sabia existir!

Meu tio conhecia o tempo
pela experiência de usar os minutos,
nem tão cedo, nem tão tarde, no ponto
de se fazer sentir a distância.

“Carpe diem”.
Existem diversos “ontens”
e possíveis “amanhãs”.
E um único “hoje”...

Imagem aérea do COSC, em Tatuí


Camilo Alcântara apresenta-se em recital de tuba, dia 26

Recital será no Conservatório de Tatuí, com participação especial do Quinteto Tubass



O tubista Camilo Alcântara, aluno do Conservatório de Tatuí apresenta-se em recital de conclusão de curso de aperfeiçoamento em tuba. O recital será no próximo dia 26 de novembro (sábado), a partir das 19h, com entrada franca, no Salão Villa-Lobos (rua São Bento, 415).

A apresentação tem orientação do professor Luciano Vaz e coordenação do professor João José Xavier da Silva, orientador da área de sopros-metais da instituição. O pianista Juliano Kerber acompanha o aluno ao piano e o Quinteto Tubass faz participação especial. O quinteto é integrado por, além do próprio formando, Alessandro Ramos, Daniel Satler, Ricardo Souza e Thaís Nascimento, todos alunos do Conservatório de Tatuí.

No programa, Camilo Alcântara apresentará obras de Sergei Rachmaninnoff (Vocalise Op.14 No. 34), Thomas Stevens (Variations in Olden Style) e Edward Gregson (Tuba Concerto, em três movimentos).

Com a participação do Quinteto Tubass serão duas obras: Adiós Nonino, de Astor Piazzola, e Smoke on the Water, de Ian Gillan, Richard Blackmore, Ian Paice e Roger Glover.

Nascido e crescido na região da grande São Paulo, Camilo teve seu primeiro contato com a música em 2002, na Fanfarra Municipal de Jandira, passando por várias corporações até chegar à Banda Municipal de Sorocaba, sob orientação do maestro Fernando Rabelo.

A partir de então inicia seus estudos no Conservatório de Tatuí, no qual se forma sob orientação do professor Luciano Vaz Vieira em 2011. Posteriormente ingressa também na Faculdade Mozarteum de São Paulo, sob orientação do professor Luís Popó Serralheiro.

Participou como bolsista atuante nos seguintes festivais: V, VI e VII Curso de Férias Coreto Paulista em Tatuí e 12° Festival Música nas Montanhas em Poços de Caldas; Participou também do Curso de Férias FFABESP e Faculdade Cantareira, Curso de Férias da Corporação Lyra de Mauá, Curso de Apoio às Bandas – Pró Bandas, II, III, IV e V Encontro Internacional de Metais, tendo professores renomados como: Luciano Vaz Vieira, Albert Savino Kathar, Marcos dos Anjos, Rubens de Araújo Mattos, James Gourlay, Andrew Hitz, Francisco José Yañes Garrido, Gregory Fritze e Gian Marco de Aquino.

Foi integrante do quadro de músicos da Banda Sinfônica do Estado de São Paulo de janeiro de 2014 a maio de 2015, tendo nesse período participado das gravações do CD Maxixe Urbano, em comemoração ao Jubileu de prata da BSESP. Já atuou profissionalmente também em grandes grupos, tendo destaque a Banda Sinfônica do Conservatório de Tatuí, onde atuou por mais de quatro anos, além de apresentar-se como músico convidado junto à Orquestra Sinfônica de Santo André, à Orquestra Filarmônica Vera Cruz e à Orquestra Sinfônica da UNICAMP. Atuou como convidado também junto à orquestra da Musikschulle de Sttutgart.

Paralelamente ao trabalho em grupos sinfônicos, desenvolve trabalho camerístico com o Quinteto TuBass. Em 2011, foi participante da primeira edição do programa Pré-Estreia da TV Cultura, na modalidade música de câmara, sendo integrante do Sexteto Itapuita.

Como músico, já atuou sob a regência de maestros como José Antônio Pereira, Dario Sotelo Calvo, Marcelo Jardim, Carlos Moreno, Marcos Sadao Shirakawa, Francisco Ferreira (Portugal), Edson Beltrami, Matthew George (EUA), Rafael Sanz-Espert (Espanha), Alberto Roque (Portugal) e Mark Withlock (EUA), Felix Hauswirth (Suíça), Mallory Thompson (EUA), Lazlo Marosi (Hungria), Shawn Smith (EUA) e Franck Batiste (EUA).

O Conservatório de Tatuí recebe apoio cultural da Coop e CCR SPVias.