Nosso Jornal Online

Tatuí, 


segunda-feira, 25 de março de 2019

Grupo formaliza criação da Associação de Teatro da Região Metropolitana de Sorocaba

Objetivo é fazer circular montagens num corredor teatral, fomentar a produção e a formação de público regional.

Do jornal Cruzeiro do Sul, com edição do DT

Festão aconteceu em fevereiro e ocupou espaços públicos de Sorocaba. Crédito da foto: Fábio Rogério / Arquivo JCS (9/2/2019)

22/03/2019 | Com o objetivo de integrar e fomentar o teatro, os artistas e o público da Região Metropolitana de Sorocaba (RMS), foi formalizada nesta semana a criação da Associação de Teatro da RMS — Rede Teatro. De acordo com o ator e diretor teatral Hamilton Sbrana, um dos articuladores da iniciativa, “ao criar esta associação os artistas envolvidos querem, também, dar visibilidade à produção teatral regional”. A formalização aconteceu na última terça-feira, no Senac Sorocaba, instituição apoiadora da iniciativa e que funciona como sede da Rede de Economia Criativa.

Segundo Sbrana, os artistas da região envolvidos na proposta da criação desta associação desejam, fundamentalmente, fazer circular as suas montagens, promover um corredor teatral, fomentar a produção e a formação de público regional, bem como dar visibilidade à produção teatral regional. Além disso, a associação terá como compromisso desenvolver estratégias de formação profissional para os artistas da RMS.

O grupo é fruto de uma série de reuniões que tem sido realizadas desde setembro de 2018 e já integrou 11 cidades da RMS e 292 artistas para a realização do primeiro Festival Regional de Teatro — Festão, que aconteceu no mês passado na cidade de Sorocaba. A mostra contou com 24 espetáculos. Além das apresentações gratuitas ao público, o evento teve rodas de conversa e oficinas de formação teatral. O Festão tem como objetivo ser semestral, itinerante e não-competitivo, a fim de dar visibilidade a produções teatrais da região metropolitana.

De acordo com a associação, o modelo proposto pelo festival — sem curadoria única, com duas ações anuais — já tem atraído a atenção de outros festivais. “O Festão é primeiro uma festa cênica para o encontro dos artistas da região e com o público da cidade envolvida, que terá a oportunidade de conhecer o trabalho teatral desenvolvido nas cidades da região”. A segunda edição do festival está programada para ocorrer em Boituva, no segundo semestre deste ano. A meta da associação é de ter ao menos 15 cidades participantes com espetáculos e envolver 300 artistas da RMS. Já a próxima reunião da Associação de Teatro da Região Metropolitana de Sorocaba – Rede Teatro acontecerá em 13 de abril, sábado, às 18h, em Boituva. (Felipe Shikama)

Nenhum comentário:

Postar um comentário