Nosso Jornal Online

Tatuí, 

PUBLICIDADE

ANUNCIE AQUI

Peça já seu orçamento
e-mail para publicidade@diariodetatui.com

terça-feira, 15 de agosto de 2017

Beisebol / Com atuação consistente, Thyago Vieira estreia na MLB pelos Mariners

Tatuiano entrou na 9ª entrada em derrota feia de Seattle, mas mostrou serviço e saiu do jogo sem ceder corridas

(Foto: Twitter @mariners)

Depois de entrar para o roster de 25 jogadores do Seattle Mariners nesta segunda-feira, o sonho do arremessador Thyago Vieira de estrear nas Grandes Ligas se tornou realidade em menos de 24 horas. O brasileiro natural de Tatuí subiu no montinho do Safeco Field na 9ª entrada da derrota que sua equipe sofreu para o Baltimore Orioles. Ele se tornou o 4° atleta nascido no Brasil a chegar à MLB.

E logo no seu primeiro arremesso na Major Leage Baseball, o pitcher de 24 anos quase levou uma bolada na cabeça depois da rebatida feita por Chris Davis, que chegou a 157 km/h. Nesse momento, Thyago Vieira usou seu reflexo e usou a luva para se proteger e fez eliminação.

No entanto, esse foi o único momento de tensão na atuação do pitcher brasileiro no inning. Ele conseguiu 1 strikeout e não cedeu corridas, rebatidas válidas e walks aos seus oponentes. Logo após o jogo, Thyago Vieira falou sobre o lance da rebatida line drive, que poderia causar uma lesão grave.

“Uau. Eu não sei. Deus me protegeu ali. Foi muito rápido. Eu vi e coloquei minha luva na frente e bola ficou ali”, disse o arremessador tatuiano para o site MLB.com. O manager da equipe, Scott Servais, também comentou o lance.

“Graças a Deus ele pegou aquela bola que veio para ele. Aquilo deve ter sido assustador, no seu primeiro arremesso nas Grandes Ligas e a bola volta na direção da sua testa. Ele reagiu, pegou e continuou no jogo”, disse o técnico.

Já em relação a sua estreia pelo Seattle Mariners, Vieira destacou a importância daquele momento para ele e para seu país natal. “Para mim é um grande pulo, não só pra mim mas para o beisebol brasileiro. Porque agora todo mundo no Brasil pode ver que tem outro cara nas Grandes Ligas”, disse Thyago.

“Eu estou muito feliz porque eu estou tentando ajudar o beisebol no Brasil também. Estou muito empolgado com este grande momento e darei o meu melhor para mostrar pra todo mundo o talento que eu tenho”, completou o brasileiro.

Scott Servais falou também sobre o desempenho do reliever na sua estreia e ficou com boa impressão. “Fiquei impressionado. Ele arremessou bem. Conseguiu três bolas consideradas strikes. A breaking ball melhorou muito desde o Spring Training”, completou o skipper de Seattle.

Nenhum comentário:

Postar um comentário