Nosso Jornal Online

Tatuí, 

PUBLICIDADE

ANUNCIE AQUI

Peça já seu orçamento
e-mail para publicidade@diariodetatui.com

sábado, 31 de dezembro de 2016

Bom senso e hidratação são dicas de médico para evitar ressaca

Carlos Eduardo Grazzia, de Tatuí, dá orientações para antes e depois. 'Cada um tem sua sensibilidade e o exagero não é bom', ressalta ele.

Do G1 Itapetininga e Região

O médico endocrinologista Carlos Eduardo Grazzia, de Tatuí, deu orientações durante entrevista à TV TEM sobre como prevenir e remediar uma possível ressaca devido à festa de Ano Novo. “É importante ter bom senso, moderar de acordo com as características, porque cada um tem sua sensibilidade e o exagero não é bom”, ressalta ele.

O teor alcoólico dos espumantes, uma das bebidas mais consumidas da data, gira em torno de 11%. Mas mesmo as cervejas, com teor de cerca de 4%, são capazes de causar estragos no organismo da pessoa ou até acidentes, caso a pessoa embriagada dirija. “A bebida pode até ter baixa graduação alcoólica, mas se a pessoa consumir em grande quantidade haverá a intoxicação da mesma forma e os danos causados ao organismo”, afirma o médico.

Grazzia ainda explica o motivo de passar mal ao tomar bebidas alcoólicas. “De forma aguda, quando a pessoa exagera ela provoca desidratação. Ela inibe um hormônio que dificulta a perda de líquidos, então a pessoa vai urinar muito mais e isso causa, se não ocorrer a reposição correta com líquidos, desidratação. A consequência de todo esse processo, da intoxicação pelo álcool, causa a famosa ressaca.”

Antes e durante de ingerir, então, ele orienta a “primeiramente respeitar seus limites. Se for ingerir procurar manter a hidratação. Muito recomendável é se alimentar adequadamente”, diz. Já caso ocorra a ressaca, a dica para o dia seguinte é “evitar exposição solar, manter alimentação adequada, repouso, analgésicos e esperar se recuperar, porque é questão de tempo”, conclui.

Espumantes são uma das bebidas mais consumidas na data (Foto: Reprodução/ TV TEM)

Nenhum comentário:

Postar um comentário