Boletim de informações COVID-19 n° 125 Tatuí, 01 de junho de 2020 - 11h

157 CONFIRMADOS
117 RECUPERADOS
10 ÓBITOS
21 SUSPEITOS
1 ÓBITOS SUSPEITOS

Fonte: Prefeitura de Tatuí

terça-feira, 30 de abril de 2013

Tatuí pode perder R$ 1 milhão em investimentos, diz Prefeitura

Emendas do deputado Samuel Moreira não saíram do papel e podem ser canceladas

Tatuí está prestes a perder R$ 1 milhão em investimentos. Três emendas propostas pelo deputado estadual Samuel Moreira, apresentadas ainda em 2012, para o setor de infraestrutura viária acabaram não saindo do papel e sequer foram assinadas.

Todo projeto técnico foi cumprido pela Prefeitura de Tatuí, inclusive com as consequentes aprovações da Secretaria de Estado de Planejamento, através do Escritório Regional de Planejamento, o Erplan.

No início de março, o prefeito José Manoel Correa Coelho, Manu, esteve na Assembleia Legislativa, para tratar do assunto com o próprio parlamentar, acompanhado do também deputado estadual Rogério Nogueira e do vice-prefeito, Vicente Menezes. Mas, ainda nenhuma solução foi apresentada. No ano passado, o município foi impedido de oficializar o convênio, através de assinatura, pois estava com restrições no Cadin (Cadastro Informativo de Créditos Não Quitados).

A primeira emenda, de R$ 500 mil, inclui o recapeamento asfáltico de quatro vias: dois trechos da Rua 15 de Novembro (11.626,59 metros quadrados), Rua Antônio Pereira de Albuquerque (1.045,80 metros quadrados), Rua São José (817,75 metros quadrados) e Avenida Donato Flores (5.097,90 metros quadrados). A segunda, no valor de R$ 300 mil, levaria recape a quatro ruas: Alberto Seabra (2.783,20 metros quadrados), Antônio José de Campos (2.810,50 metros quadrados), Salvador Andrade (3.747,40 metros quadrados) e Travessa Romeu Pichi (2.507,50 metros quadrados). Já a terceira liberação de recursos, no total de R$ 200 mil, contemplaria a recuperação completa do asfalto da Avenida Zilah de Aquino (12.873,20 metros quadrados).

Manu lembrou que a perda desses recursos é ainda mais grave, já que o município está há mais de dois anos sem a realização de obras de recapeamento e já há nove meses sem medidas de conservação. “Herdamos mais do que R$ 38 milhões em dívidas, herdamos um enorme passivo estrutural, com vias públicas sucateadas e tomadas por buracos. Esse recurso seria fundamental para dar solução definitiva a essas ruas e colaborar com as três frentes de tapa-buracos que vem trabalhando diuturnamente no município”, argumentou o prefeito.

Já Vicente Menezes disse que a população espera ansiosa pela liberação desse recurso, já que o deputado foi o mais votado nas últimas eleições. “Samuel Moreira é o representante natural da nossa cidade e ganhou ainda mais força para retribuir o apoio que teve nas urnas, como presidente da Assembleia Legislativa de São Paulo”, finalizou.

Equipamentos de saúde - A Prefeitura aguarda ainda o memorial descritivo da Santa Casa, com a relação de itens necessários, para destravar outra emenda do próprio Samuel Moreira que vem se arrastando desde julho de 2012. Trata-se de R$ 300 mil que serão utilizados na compra de novos equipamentos. Infelizmente, duas licitações formuladas pela gestão passada foram impugnadas pelas empresas concorrentes, devido à falta de critério técnico para compra dos equipamentos e passibilidade de direcionamento na compra. Assim que a lista com os dados for encaminhada ao Executivo, será iniciado um novo processo licitatório. [Foto: Evandro Ananias / Comunicação Tatuí]

Nenhum comentário:

Postar um comentário