terça-feira, 30 de abril de 2013

Talões para estacionamento rotativo começam a ser vendidos esta semana


Comerciantes poderão adquirir bilhetes na própria Prefeitura


Mais uma etapa para regularização do serviço de estacionamento em Tatuí passa a ser implantada esta semana. A Prefeitura iniciou nesta segunda, 29, a venda dos talões do sistema rotativo para os comerciantes da cidade. Os blocos podem ser adquiridos diretamente no setor de protocolo, localizado no Paço Municipal (Avenida das Mangueiras, 140 – Centro).

Para realizar a compra é necessária a comprovação de posse de estabelecimento comercial na região central do município. Após a solicitação, será emitido um boleto que pode ser quitado em qualquer agência bancária. Com o documento quitado, o comerciante deverá se dirigir novamente à Prefeitura, para retirada dos talões.

Só serão comercializados talões completos com 10 folhas cada. O talão completo de uma hora custa R$ 8, enquanto o de 30 minutos, R$ 4. O valor de venda para o motorista é de R$ 1 por hora e R$ 0,50 meia hora.

Segundo o Diretor de Compras, Carlos Orlando Mendes Filho, o novo formato de comercialização tem como finalidade garantir transparência total no processo de compra e venda dos talonários. “O pagamento via boleto é a forma mais adequada para controlar todo fluxo financeiro e mais importante: garantir que todo recurso seja destinado ao Fundo Municipal de Trânsito e seja empregado em melhorias na sinalização e orientação viária”, argumentou.


Sistema de volta - Tatuí voltou a efetivar o sistema rotativo de estacionamento de veículo nas áreas centrais da cidade, no último dia 15 de abril.

O sistema de fiscalização e orientação de estacionamento esteve paralisado por mais de um ano, desde que a administração passada cancelou o serviço no município. A retomada pretende proporcionar mais comodidade às pessoas que utilizam o comércio local.

O Departamento Municipal de Trânsito e Transportes, organismo ligado à Secretaria de Governo, Segurança Pública e Transportes, vem previamente tomando medidas educativas antes da efetiva punição, com o objetivo de informar todos os motoristas sobre as medidas que serão adotadas.

Esta prevista a contratação de uma empresa especializada para modernização da fiscalização e instalação de parquímetros eletrônicos, mas inicialmente o sistema irá retornar como era antes, onde os usuários poderão adquirir os cartões de estacionamento junto ao comércio local.

Um comentário:

Camila Ribeiro disse...

Uma porcaria...a cidade já tem pouca opção de passeio,é difícil achar uma vaga para estacionar,a gente já se mata de pagar impostos e agora vai ter que pagar essa porcaria de rotativo...agora me diz,e quem sai de casa somente com um cartão de crédito no bolso ou até mesmo nada como faz?tira a roupa do corpo pra pagar rotativo?...uma palhaçada!

Postar um comentário