Nosso Jornal Online

Tatuí, 

PUBLICIDADE

ANUNCIE AQUI

Peça já seu orçamento
e-mail para publicidade@diariodetatui.com

quarta-feira, 21 de junho de 2017

Câmera flagra grávida furtando escola no Centro, após pedir para usar o banheiro


Segundo a polícia, ela é suspeita de furtar lojas, escolas e laboratórios de Tatuí.

Por G1 Itapetininga e Região

A Polícia Civil procura por uma grávida suspeita de furtar lojas, laboratórios e escolas, em Tatuí.

Segundo a polícia, ela pede pra usar o banheiro, mas aproveita para ter acesso a outras salas, onde mexe nas bolsas dos funcionários e furta dinheiro e celulares.

As câmeras de monitoramento de uma escola de idiomas registraram a ação da mulher. Nas imagens é possível observar o momento em que ela chega ao local, vai até uma funcionária e pede pra usar o banheiro. Porém, ela entra na sala da coordenação, abre a mochila, que está em cima de uma cadeira, e pega uma carteira. Contudo, não acha nada. Em seguida, ela acha dois celulares na mesa, esconde os aparelhos na blusa e sai do local.

(Foto: Reprodução/TV TEM)
De acordo com um dos funcionários da unidade, que prefere não se identificar, ela fez tudo em menos de dois minutos.

“A gente não imaginava pelo fato dela estar grávida, né? A gente até pensou nessa situação que realmente ela necessitava e acabou na maior boa vontade cedendo o banheiro pra ela poder fazer uso. Pelas imagens a gente viu que ela foi direto pela sala para procurar alguma coisa. Ela já veio na intenção mesmo de furtar”, diz.

Antes de ir à escola de idiomas, a mulher também é suspeita de tentar furtar um laboratório, que fica bem ao lado. De acordo com os funcionários, o modo de agir foi o mesmo. Ela entrou, pediu pra ir ao banheiro, mas, na verdade, foi até o segundo andar do prédio. Lá, entrou em uma sala, mexeu na bolsa de uma funcionária, mas saiu sem levar nada.

(Foto: Reprodução/TV TEM)
Minutos depois, ainda segundo os funcionários, eles perceberam a tentativa de furto. Uma funcionária, que prefere não mostrar o rosto, conta que não foi a primeira vez que a suspeita esteve lá. Há três meses furtou R$ 300,00.

“Ela passou na hora que voltei, encontrei com ela e ela estava desesperada perguntando sobre exame, até que horas fazia e que já voltava. E não voltou mais. Quando eu subi na minha sala que eu fui perceber que minha bolsa estava aberta, revirava e eu tinha R$ 300 dentro da bolsa. Ela pegou”, afirma.

Investigação A Polícia Civil de Tatuí abriu inquérito para investigar o caso e descobrir quem é a mulher que aparece no vídeo. Ainda segundo a polícia, existe a suspeita que ela tenha cometido outros furtos em comércios da cidade.

Nenhum comentário:

Postar um comentário