Nosso Jornal Online

Tatuí, 


segunda-feira, 6 de agosto de 2018

Feira do Doce bateu o recorde de público e de vendas

Neste ano a Feira passou de 3 para 4 dias de vendas e shows


A Prefeitura de Tatuí divulgou nesta semana um relatório final sobre a 6ª Feira do Doce, após reunião de avaliação, realizada no dia 16/07, com os doceiros participantes do evento.

Neste ano foram quatro dias de Feira, de 6 a 9 de julho, das 10h às 22h, com 51 expositores que foram selecionados por meio de um Edital de Chamamento Público, 31 a mais do que em 2013, na primeira edição do evento.

De acordo com os doceiros, foram vendidas, aproximadamente, 190.396 unidades de doces em 2018, contra 163.081 unidades no ano passado, para um público recorde, estimado em 90 mil pessoas de diversas cidades do Estado de São Paulo, movimentando assim, aproximadamente, um total de R$ 600 mil.

Com relação à avaliação geral da festa, os expositores foram questionados em alguns aspectos: o que achou do evento - 82,61% ótimo e 17,39% bom; participaria na próxima edição da feira - 100% sim; houve união entre os doceiros - 100% sim; foi bom para fazer novos clientes - 97,83% sim e 2,17% não; a decoração do seu estande influenciou a venda dos produtos - 86,96% sim e 13,04% não; quatro dias de feira foi bom - 94% sim e 6% preferem três dias; o que achou das reuniões e palestras preparatórias - 59% ótimo, 39% bom e 2% regular; é necessário melhorar as palestras - 52% sim, as palestras de vigilância sanitária e de decoração e 48% não; o que achou da infraestrutura do evento - 68,09% ótima e 31,91% boa; o que achou da programação musical - 75% ótima, 22,92% boa e 2,08% regular; avaliação do Departamento de Comunicação (campanha publicitária do evento, tais como aventais, lonas, banners, folders e flyers) - 74,47% ótima e 25,53% boa; avaliação da equipe do Departamento de Cultura e Turismo - 97,87% ótima e 2,13% boa; avaliação das equipes da Prefeitura (elétrica, limpeza, GCM, trânsito e fiscalização) - 82,98% ótima, 14,89% boa e 2,13% regular.

Os expositores também deixaram sugestões e críticas para a próxima edição do evento, entre elas: permanecer próxima ao feriado de 9 de julho; providenciar um centro de eventos; faltou iluminação no dia da arrumação; cheiro muito forte dos banheiros químicos; banheiro do Coreto com falta de papel higiênico; muito legal passar as fotos dos doces no telão do palco; problemas nos stands; reuniões começar nos horários agendados; fiscalizar os produtos comercializados pelos expositores; fiscalizar melhor os ambulantes na Praça da Matriz; tentar entregar os materiais gráficos com mais antecedência; fiscalizar as promoções dos expositores; furos nas lonas dos stands; ligar as tomadas um dia antes.

Feira do Doce - Considerada o maior evento do segmento gastronômico doceiro do interior paulista, a Feira é reconhecida nacionalmente pelo SEBRAE - Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas e está incluída no Calendário Turístico do Estado de São Paulo, através da Lei Estadual nº 15.844/2015. Com isso, vem ganhando cada vez mais visibilidade, prova que em 2017, foi adotada a nomenclatura “Feira do Doce”, em vez da anterior “Festa do Doce”, para enfatizar o caráter empreendedor dos produtores de doce. 

A Feira desenvolve o turismo gastronômico e cultural e movimenta a economia local, com o objetivo principal de valorizar os produtores de doce do município e promover a cidade turisticamente como a “Terra dos Doces Caseiros”. Em 31 de maio deste mesmo ano, a lei nº 16.429, fez com que o Governo do Estado de São Paulo classificasse Tatuí como um Município de Interesse Turístico (MIT). 

Neste ano a Feira do Doce promovida pela Prefeitura de Tatuí teve o apoio da Caixa Econômica Federal, do Governo Federal, da Associação de Produtores de Doces de Tatuí, a Aprodoce, do SEBRAE, da CCR SPVias, do Mc Donald’s, do Polo Industrial, da ACE - Associação Comercial e Empresarial de Tatuí e da COOP - Cooperativa de Consumo.

Nenhum comentário:

Postar um comentário