Boletim de informações COVID-19 n° 275 Tatuí, 28 de outubro de 2020, quarta-feira - 11h00h

3151 CASOS CONFIRMADOS
3035 PACIENTES RECUPERADOS
77 ÓBITOS CONFIRMADOS
39 INFECTADOS EM TRATAMENTO
9,71 INFECTADOS / DIA

Fonte: Prefeitura de Tatuí

terça-feira, 19 de fevereiro de 2013

Prefeitura e Fundo Social reativam projeto com novo nome: Melhor Idade

Oficina de canto e informática são as novidades para os 180 beneficiados

Com o compromisso de promover qualidade de vida aos cidadãos com mais de 60 anos, a Prefeitura de Tatuí reativou esta semana mais um importante projeto, paralisado em outubro de 2012. O prefeito José Manoel Correa Coelho e a presidente do Fundo Social de Solidariedade, Ana Paula Cury Coelho, abriram oficialmente nesta segunda-feira, 18, em solenidade realizada no Parque Ecológico Maria Tuca, o Projeto Melhor Idade – iniciativa que recebe a partir deste ano novo nome e novo enfoque.

Mais de 200 pessoas participaram da solenidade de abertura do projeto. A maioria de idosos vinculados ao projeto, além de autoridades e a equipe multidisciplinar que irá comandar as atividades em 2013. A plateia também foi composta pelas conselheiras do Fundo Social que prestigiaram o evento.

O Projeto Melhor Idade atenderá este ano 180 pessoas no período da manhã. Todos, com direito a alimentação e transporte gratuito até o Parque Ecológico. Cinco rotas de ônibus passam diariamente por 17 bairros. Prefeitura e Fundo Social já trabalham para melhorias estruturais que permitirão a inclusão de uma nova turma, com 50 pessoas no período da tarde.

Muitas novidades estão previstas para esta nova fase. Uma delas é uma oficina de canto coral, que será realizada através de parceria com o Conservatório Dramático e Musical Dr. Carlos de Campos, que já disponibilizou um professor de regência para coordenar os trabalhos. O trabalho de inclusão digital também será destaque em 2013 com aulas de informática e foco no acesso à internet, atividade que também traz reforços cognitivos e garantem maior qualidade na memória. “A principal novidade será o foco cognitivo do trabalho. Não iremos somente promover o lazer e a convivência durante as atividades, mas trabalhar também com foco na melhoria das condições físicas e psicológicas, no estímulo à memória, na concentração, com foco ainda na prevenção de doenças associadas à longevidade. Essa equipe cada vez mais multidisciplinar, competente e engajada”, comentou a primeira-dama.

Num discurso emocionado, que arrancou lágrimas do público presente, Manu lembrou dos últimos dias de convivência com sua mãe e com seu pai, que faleceu no final do ano passado. “Tenham certeza que esse projeto será mantido e melhorado a cada dia. Tenham certeza que todo o carinho que dediquei à minha família, cuidando de minha mãe e meu pai até os seus últimos dias, vai ser estendido a cada um dos integrantes deste projeto, pois tenho a consciência da importância desse trabalho, da melhora das condições de vida a essa parcela tão importante da nossa população”, finalizou.

A festa foi encerrada com um enorme bolo e as fotografias de praxe. Nesta primeira semana de atividades, o Projeto Melhor Idade terá uma gincana com muitas atividades especiais e surpresas.
Equipe
Ao todo, 17 profissionais compõe a equipe multidisciplinar do projeto, formada pelos professores de educação física Rosa Maria de Souza e Ana Carolina Gagliardo Comelli de Camargo, pela professora de letramento Nanci da Silva Miranda, pelas professoras de artesanato Maria Valéria de Oliveira e Damaris Gonçalves, pelo médico geriatra Gustavo Cavinato e pela médica cardiologista Claudinete Goes, pela a fisioterapeuta Luciana Vieira Barros Picchi, pela auxiliar de enfermagem Tatiele Sena da Silva, pela psicóloga Gislene Atina Jozala, pela psicoterapeuta Maria Garcia, pelos auxiliares de serviços multidisciplinares Edneia Barbosa de Barros e Marleci Sartori Dalcin da Silva, pela nutricionista Roberta Lorenzetti, pela terapeuta ocupacional Renata Leme de Araujo Rustchelli, pela secretária Ana Laura Aparecida de Camargo e pela voluntária Beth Roseiro.

Autoridades
Participaram da solenidade os diretores do Parque Maria Tuca, Iago Daros Alves; do Meio Ambiente, Gerson Belluci Lopes; do Banco de Alimentos, Dácio Vieira de Camargo Neto; de Bem Estar Social e Cidadania, Márcio Fernandes Fiuza; de Segurança Pública e Transportes, Paulo Sérgio da Silva; e de Finanças, Vanessa Pinheiros de Carvalho; os secretários da Indústria e Desenvolvimento Econômico, Ronaldo José da Mota; do Esporte, Lazer e Juventude, Miguel Lopes de Cardoso Junior; de Educação, Cultura e Turismo, Isabel Cristina Pires de Campos; de Fazenda, Finanças e Planejamento, Lilian Maria Grando de Camargo, os vereadores José Franson, José Eduardo Morais Perbelini, Rosana Nochele Pontes, Alexandre Bossolan e André Marques.

Estatística
O número de idosos no Brasil dobrou nos últimos 20 anos. Mas eles não mais envelhecem como antes. Graças à ciência, às melhorias sanitárias e nas condições gerais de vida, onde se incluem projetos como o Melhor Idade, os 23,5 milhões de brasileiros com mais de 60 anos estão cada vez mais inseridos nos contextos comunitários, com autonomia e independência.

Só em Tatuí, mais de 12 mil pessoas estão nessa faixa etária, frequentam clubes, organizam e promovem passeios, formalizam-se inclusive como um novo mercado consumidor, com foco no setor de serviços, turismo e entretenimento.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

PUBLICIDADE