Boletim de informações COVID-19 n° 787 Tatuí, 05 de agosto de 2022, sexta-feira, 11h00

5 PACIENTES HOSPITALIZADOS
217 INFECTADOS EM TRATAMENTO
8 DIAS SEM ÓBITOS PELA COVID-19
214 CASOS CONFIRMADOS EM 7 DIAS
30,57 MÉDIA MÓVEL DE CASOS POR DIA

Fonte: Prefeitura de Tatuí

quarta-feira, 20 de outubro de 2010

Três testemunhas são ouvidas no Caso Profª Angélica

Três pessoas prestaram depoimento nesta quarta-feira sobre a morte da professora Maria Angélica Alves Mattos. O corpo dela foi encontrado carbonizado em um canavial em Piracicaba no mês de julho.

De acordo com o delegado da delegacia de investigações gerais de Piracicaba, João Batista Vieira de Camargo, as três pessoas trabalhavam com o marido de Maria Angélica. Outras três testemunhas devem prestar depoimento ainda essa semana.

A polícia também está periciando as imagens das câmeras de segurança da faculdade onde Maria Angélica trabalhava. Este teria sido o último local onde a professora foi vista com vida.

O crime aconteceu no dia 29 de julho. O corpo foi encontrado carbonizado dentro de um carro. No local foram encontrados o computador e a câmera fotográfica de Maria Angélica. Os exames da arcada dentária e de DNA confirmam que o corpo encontrado era o da professora.

Nenhum comentário:

Postar um comentário