Nosso Jornal Online

Tatuí, 

PUBLICIDADE

ANUNCIE AQUI

Peça já seu orçamento
e-mail para publicidade@diariodetatui.com

domingo, 19 de novembro de 2017

Museu terá recital de flauta no Dia do Músico

Recital de Flauta Transversal e Convidados será conduzido pelo flautista Juliano Arruda.


O Museu Paulo Setúbal realizará na próxima quarta-feira (22/11), às 19h30, em comemoração ao Dia do Músico e, como parte do projeto Tatuí Consciente, um recital de Flauta Transversal e Convidados, ação que faz parte do projeto Música para Todos, coordenado pelo maestro Juliano de Arruda Campos.

O repertório apresentará Syrinx, de Claude Debussy, Image, de Eugene Bozza, Partita, de J. S. Bach, e Fantasias, de G. Ph. Telemann para flauta solo, além de obras para instrumento solo e convidados.

O evento é gratuito. O Museu Histórico Paulo Setúbal fica na Praça Manoel Guedes. Mais informações pelo telefone (15) 3251-4696.

Juliano de Arruda Campos - Formado pelo Conservatório de Tatuí e pela ECA-USP, Juliano participou de encontros, masterclass, workshops e festivais de música em várias partes do mundo.

Com uma formação abrangente, vem idealizando e realizando importantes projetos artísticos e pedagógicos no Brasil e exterior, construindo sua trajetória musical de forma completa como maestro, flautista premiado, jurado, pesquisador e professor, tendo atuado nos últimos anos em festivais nos Estados Unidos, Itália, Suíça, Argentina, Paraguai, Peru e Costa Rica onde, por muitas vezes, pode divulgar e estrear o repertório brasileiro.

Leciona no Conservatório de Tatuí nas disciplinas de Flauta Transversal, Música de Câmara e Prática de Conjunto, sendo regente titular da Orquestra Sinfônica Jovem e principal flautista da Orquestra Sinfônica do Conservatório. Em seus estudos acadêmicos atuais, realizou estudos como aluno especial no curso de pós-graduação da ECA-USP nas disciplinas de Concepções Harmônicas do Século XX, com o professor Dr. Marcos Branda Lacerda, e de Estudo Epistemológico da Criação Musical, com o professor Dr. Pedro Paulo Salles.

Nenhum comentário:

Postar um comentário