Nosso Jornal Online

Tatuí, 


terça-feira, 27 de janeiro de 2015

Capela do Alto conclui Investigação ambiental para fechamento do antigo lixão

Terminou a investigação ambiental comprovatória para o fechamento oficial da área do antigo aterro sanitário de Capela do Alto. A investigação foi realizada por uma empresa especializada, contratada com recurso enviado pelo Fundo Estadual de Recursos Hídricos - Fehidro.

De acordo com a investigação, dos 20 poços de monitoramento, apenas 2 apresentaram variações, que continuarão sendo acompanhados. "Pensando na saúde dos moradores do bairro do Cercadinho e em cumprimento da lei, apresentamos um projeto ao Fehidro para fechar oficialmente o local do antigo aterro sanitário", explica Mi Gomes, diretor do Meio Ambiente do município.

Vale lembrar que o aterro sanitário foi encerrado em setembro de 2013 e desde então, todo o lixo não reciclável coletado em Capela do Alto é enviado para o aterro sanitário monitorado de Iperó.

"Com o resultado da investigação, tivemos certeza de que a área do antigo lixão não proporciona riscos aos moradores do bairro do Cercadinho e ao meio ambiente", diz Mi Gomes.

Agora, a próxima fase para o encerramento oficial da área do antigo lixão consiste em conseguir recursos para atender normas solicitadas pela Cetesb, órgão regulador que acompanhou a investigação ambiental, e apontar a utilidade adequada para o local.

Qualidade - Em 2013, Capela do Alto esteve entre as quatro cidades que tiveram um aumento considerável no IQR, índice de qualidade que avalia aterros sanitários.

O município, que até 2012 tinha um aterro considerado inadequado, foi de 4,5 para 9,7. A melhora foi resultado da decisão da Prefeitura de passar a destinar os resíduos urbanos para o aterro de Iperó, que já recebe também o lixo urbano gerado em Sorocaba, além do próprio município.

Nenhum comentário:

Postar um comentário