Boletim de informações COVID-19 n° 125 Tatuí, 01 de junho de 2020 - 11h

157 CONFIRMADOS
117 RECUPERADOS
10 ÓBITOS
21 SUSPEITOS
1 ÓBITOS SUSPEITOS

Fonte: Prefeitura de Tatuí

domingo, 14 de dezembro de 2014

Festival do Cavalo Lusitano reúne criadores e competidores em Tatuí

Evento fecha a temporada de provas no ranking de adestramento

Do G1 - Até este domingo (14), a cidade de Tatuí (SP) é palco do Festival do Cavalo Lusitano. O evento fecha a temporada de provas que garantem pontos para o ranking de adestramento, equitação de trabalho e morfologia. De acordo com o presidente da Associação Brasileira de Criadores do Cavalo Puro Sangue Lusitano (ABPSL), Orpheu Ávila Júnior, a ideia do evento é divulgar o cavalo lusitano e as principais características da raça, como a docilidade e a facilidade de montaria.

Ainda de acordo com o presidente, durante o festival os juízes analisam as características do animal e ganha o cavalo que tem o maior número de especificações da raça. “As categorias são divididas por idade e por sexo, então, o juiz procura analisar e escolher os melhores animais dentro daquele grupo. O animal é analisado no seu conjunto e também nas suas partes do corpo como cabeça e pescoço, dorso e garupa. Ele é analisado também na sua movimentação. No caso dos animais mais jovens são vistos passo e trote. Já os animais com mais idade são analisados montados, então é visto também o andamento a galope”, explica.

O festival reúne criadores de todo o país. Segundo a dona da hípica onde ocorre o evento, Clélia Maria Cristina Gonçalves, o momento é importante para os envolvidos no desenvolvimento do cavalo, além de promover a integração. “O festival traz um certo movimento para a cidade e um ambiente agradável para os amantes do lusitano”, comenta.

O criador Ismael Silva é um desses amantes da raça e estava otimista com o evento. Na primeira categoria da prova de morfologia, três fêmeas dele foram premiadas. A expectativa dele é de crescimento. “Estamos sendo avaliados por juízes internacionais. Isso traz um benefício grande e orientação dos juízes internacionais para que a gente possa melhorar cada dia mais a genética e a qualidade dos nossos animais”, afirma.

O cavalo lusitano tem conquistado bastante espaço devido ao comportamento dócil. Segundo os criadores, o animal é indicado para aulas de montaria, por exemplo. A estudante Gabrielle Santos Silva, de 12 anos, adotou a raça para aprender a montar e afirma estar satisfeita. “O cavalo lusitano é manso, por isso, qualquer pessoa pode montar. É um cavalo carinhoso e faz tudo o que você pede”, diz.
Evento reúne criadores de todo o país (Foto: Reprodução / TV TEM)

Nenhum comentário:

Postar um comentário