Boletim de informações COVID-19 n° 125 Tatuí, 01 de junho de 2020 - 11h

157 CONFIRMADOS
117 RECUPERADOS
10 ÓBITOS
21 SUSPEITOS
1 ÓBITOS SUSPEITOS

Fonte: Prefeitura de Tatuí

quarta-feira, 19 de agosto de 2015

Preparativos para receber a tocha olímpica devem iniciar em setembro

Tatuí fará parte de um dos momentos mais importantes da história recente do país. Na semana em que completou 189 anos, o município foi confirmado para receber o revezamento da Tocha Olímpica, o maior símbolo dos Jogos que acontecerão no Rio de Janeiro em 2016. Das 5.570 cidades brasileiras apenas 300 terão esse privilégio. O critério de seleção leva em conta locais de interesse nacional, geográfico, histórico e cultural que ajudem a revelar potenciais brasileiros para todo o mundo. 

O prefeito José Manoel Correa Coelho, Manu, acompanhado da primeira-dama e presidente do Fundo Social de Solidariedade, Ana Paula Cury Fiuza Coelho, esteve em Brasília acompanhando a solenidade de lançamento a tocha da Rio-2016, no dia 3 de julho. Manu posou para foto ao lado do prefeito do Rio de Janeiro, Eduardo Paes, com a tocha em mãos. “Foi uma honra para nós receber esse convite, pois com esse evento o município irá ganhar ainda mais visibilidade. Faremos uma verdadeira força-tarefa para planejar e executar todas as exigências para realiza um evento emocionante e inesquecível. Será um presente para a população fazer parte desse momento histórico”, completou o prefeito, que no dia 8 de julho assinou o termo de compromisso oficializando a recepção do evento junto ao Comitê Olímpico Brasileiro, em documento endereçado ao presidente do COB, Carlos Arthur Nuzman.

A expectativa é que já em setembro o município receba a visita de membros do Comitê para definição de detalhes da logística, divulgação, segurança e gestão do tráfego. Uma comissão, formada por profissionais locais e do Comitê, será montada para estruturar todo o evento.

Os condutores do símbolo olímpico serão definidos principalmente pelo Comitê. Eles irão considerar a história dos interessados em conduzir a tocha e o seu envolvimento com a cidade.

A chama será acessa entre abril e maio, do ano que vem, na Grécia, berço dos jogos, por raios de sol. Ela chega ao Brasil 100 dias antes da abertura dos Jogos Olímpicos e irá percorrer 20 mil quilômetros por terra e 16 mil quilômetros de avião. A Tocha Olímpica será conduzia por 12 mil pessoas.

O revezamento será encerrado no dia 5 de agosto de 2016, quando o último condutor da tocha acenderá a Pira Olímpica durante a cerimônia de abertura dos Jogos, no Estádio do Maracanã.

Nenhum comentário:

Postar um comentário