Nosso Jornal Online

Tatuí, 

PUBLICIDADE

ANUNCIE AQUI

Peça já seu orçamento
e-mail para publicidade@diariodetatui.com

sexta-feira, 10 de fevereiro de 2017

Moradores do Jardim Gramado reclamam de falta de policiamento

Moradores afirmam que estão preocupados com onda de furtos.
Polícia Militar diz que policiamento em área rural é feito com frequência.

Do G1 Itapetininga e Região

Moradores do Jardim Gramado, em Tatuí, afirmam que estão preocupados com a falta de segurança e alegam que falta policiamento pelo bairro. O morador Heleno Pereira dos Santos, por exemplo, conta que morava em São Paulo (SP) e há quatro anos se mudou para a cidade em busca de tranquilidade. Porém, encontrou criminalidade e afirma que está com medo. "Saí da capital para ter sossego e quando chego aqui tenho essa decepção”, afirma. A Polícia Militar afirma que faz com frequência ronda na área rural.

Cláudio encontrou casa de vizinho arrombada (Foto: Reprodução/TV TEM)

O morador Cláudio Bernardes cuida da casa do vizinho que mora fora e há alguns meses ficou surpreso quando encontrou a casa arrombada. 

“Saí de casa logo de manhã e vi que o portão dele estava meio aberto. Achei estranho, então decidi entrar. Encontrei a televisão, liquidificador e outros objetos jogados no chão. Imediatamente eu liguei para o proprietário do imóvel, que quando chegou aqui, fez uma lista dos materiais que foram furtados e foi fazer o boletim de ocorrência. Mas mesmo assim nenhum policial veio aqui”, conta.

De acordo com os moradores, no bairro há aproximadamente 200 chácaras e metade delas está vazia. E essas casas, segundo eles, acabam se tornando uma das maiores preocupações de quem mora no bairro.

Carlos Peroni vive com a família e confessa que está com medo. “Antigamente aqui era um lugar bem tranquilo. Era difícil ver uma pessoa estranha, mas atualmente tem muita gente que fica rondando o bairro e observando as casas, principalmente as que estão vazias. Meu medo é de alguém entrar em casa e fazer alguma coisa para minha família”, comenta.

Segundo o morador Luiz Quirino, criminosos estão rondando o bairro, pois falta policiamento. “Raramente passa uma viatura, e como o bairro está crescendo, a polícia deveria passar por aqui frequente ou pelo menos uma vez ao dia. Como eles não estão aqui, os números de furtos só aumentam”, explica.

Policiamento é frequente, diz sargento Roberta (Foto: Reprodução/TV TEM)

Policiamento De acordo com a sargento da Polícia Militar Roberta Souza, o policiamento na área rural é feito com frequência e caso o morador perceba alguma movimentação estranha, deve ligar imediatamente para a polícia. “Pedidos aos moradores que tiveram suas casas invadidas, que registrem o boletim de ocorrência, para que tenhamos dados estatísticos para planejar o policiamento nas áreas de maior vulnerabilidade”, explica.
A policial ainda dá algumas dicas aos moradores em como dificultar a ação do infrator. “Pedimos aos moradores que tentem manter uma aparência de que a casa está sempre habitada. Que não deixem ferramentas, como escadas ou materiais que possam ser usados para arrombamento, em lugares de fácil acesso. Que quando forem viajar, ou aqueles que não podem ir frequentemente ao imóvel, que peçam a um vizinho ou familiar de confiança para ir até a casa algumas vezes para abrir portas e janelas, tudo para parecer que a casa está habitada. É importante também instalar equipamentos de segurança, dificultando assim uma invasão”, conclui.

Casas vazias são alvos de furtos no Bairro Gramado em Tatuí (Foto: Reprodução/TV TEM)

Nenhum comentário:

Postar um comentário