Nosso Jornal Online

Tatuí, 


quinta-feira, 6 de setembro de 2018

Piloto de Tatuí, multicampeão do Rally dos Sertões, faz balanço positivo e já se planeja para 2019

Edu Piano conquistou seu oitavo título na maior prova off-road do país, ao lado do navegador cearense Solon Mendes

Equipe completa na largada em Goiânia (GO) (Doni Castilho/DFotos)

06/09/2018 – Mal o Rally dos Sertões terminou, os planos para a edição 2019 já começaram, pelo menos na Território Motorsport, equipe que acumula mais de uma dezena de títulos na competição. O time baseado em Tatuí participou com três duplas de UTVs na maior prova off-road do país, que terminou há 12 dias, em Fortaleza (CE): Edu Piano/Solon Mendes #207, Rodrigo Luppi/Fausto Dallape #232 e Augusto Montani/Gabriel Dall Agnol #236.

Ao completar a 23ª participação consecutiva na competição, Piano faz um balanço positivo. “Achei uma das edições mais difíceis e o tipo de prova que particularmente adoro pilotar com muita pedra, quebradeira, erosão, trechos de trial e serrinhas. Nossa estratégia era andar forte desde o primeiro dia, mas tivemos alguns problemas que nos tiraram um tempo precioso. Foi um rali bom, aprendemos bastante e nos mostrou que podemos brigar com as equipes de fábrica, tanto que conquistamos este título inédito para Território”, ressalta o único piloto do Rally dos Sertões oito vezes campeão (um título na geral dos carros, seis nos caminhões e um nos UTVs), sendo os sete últimos conquistados ao lado do cearense Solon Mendes. Além do título na Over 45, a dupla foi a 4ª mais rápida da geral - 46 UTVs participaram da competição, além de motos, quadriciclos e carros.

Rodrigo Luppi vinha de preparando, desde o início da temporada, para voltar ao Rally dos Sertões, após 14 anos. Juntamente com Fausto Dallape (Atibaia/SP) formaram, pela primeira vez, uma experiente dupla, mas estreante nos UTVs. A dupla conquistou dois resultados de destaque, 6º e 9º na geral, mas devido a um problema mecânico foi penalizada e caiu na classificação, terminando o rali, em 20º na Pró Turbo mas com planos concretos para o ano que vem. “Todo o treinamento teve um excelente resultado. Ficou o aprendizado e a certeza de que estamos no caminho certo, pois foi uma evolução constante a cada etapa e trouxe novos horizontes”, explica o piloto de Vinhedo (SP). Sobre 2019 Luppi adianta: “Na verdade já iniciamos o projeto para 2019 com patrocinadores, planos para aumentar a infraestrutura da equipe. A ideia é investir pesado na evolução dos UTVs para brigarmos pela ponta. Fausto e eu, inclusive, pretendemos fazer algumas etapas do Campeonato Sul-Americano já pensando na próxima edição.”

A equipe também teve uma dupla estreante no grid, Augusto Montani e Gabriel Dall Agnol (Palmas/TO), que por pouco não terminou entre as Top 10 dos UTVs. Após se superarem e driblarem as adversidades do roteiro fecharam em 7º na Pró Turbo e 11º na geral. “O Sertões é tudo que dizem mesmo, uma prova desafiadora e muito boa. Adoramos essa edição”, diz Montani, piloto de Luís Eduardo Magalhães (BA), cidade sede da 3ª etapa. “A intenção era ficar entre os 15 ou 20 mais rápidos e o resultado superou nossas expectativas nessa estreia. Tivemos alguns problemas mas acredito que boa parte está atribuída a falta de experiência. Ano que vem será outra história e vamos nos preparar para o Sertões 2019”, afirma Montani.

Piano explica que os três UTVs já foram desmontados e que todas as informações colhidas durante a prova já estão sendo ajustadas nos equipamentos. “Vamos começar a fazer a lição de casa, acertar as poucas coisas que temos de fazer para melhoria dos UTVs. O nosso objetivo, desde já, é trabalhar pensando no Sertões 2019 e seguir no Brasileiro de Rally Baja para mais alguns ajustes finos”, finaliza o multicampeão, que é paulistano mas reside em Tatuí há oito anos.

Nesta edição a equipe participou da prova (18 a 25/8) com 20 integrantes, um caminhão oficina, três caminhões de apoio e suporte rápido, além de peças, acessórios e equipamentos para montar mais três novos UTVs e atender as três duplas.

Equipe - Com sede em Tatuí, a Território Motorsport é uma das equipes mais tradicionais do Rally dos Sertões e é chefiada por Edu Piano. Durante 12 temporadas (até 2014) a equipe representou o time oficial da Ford Caminhões na competição e conquistou oito títulos. E também, entre 2011 e 2014, foi a equipe oficial da Troller quando sagrou-se bicampeã da prova na Production T2. A partir de 2016, Piano passou a competir e a preparar UTVs. Na edição 2017 do Rally dos Sertões, Piano e Solon Mendes subiram ao pódio e terminaram em 4º na geral e 4º na UTV Pró Turbo. Já em 2018, a dupla conquistou o título inédito nos UTVs (Over 45). Com este título Piano acumula, agora, oito títulos e é o único piloto na história da prova octacampeão, enquanto Mendes é o único navegador com sete títulos, todos conquistados ao lado de Piano.

Para acompanhar as notícias da equipe: site www.territoriomotorsport.com.br, Facebook @territoriomotorsport e Twitter @territorio4x4.

A equipe Território Motorsport tem o patrocínio da Casa Domingues de Pianos, Minuano Petróleo, VQV, Best Fuel e apoio da MotoBuy. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário