Nosso Jornal Online

Tatuí, 


quarta-feira, 31 de maio de 2017

Desligamento do sinal analógico na região de Tatuí é adiado para novembro

Sinal analógico será desligado no dia 29 de novembro. 

O desligamento do sinal analógico começou em todo o Brasil em 2016 e deve ser concluído em 2018. Na região de Tatuí, o cronograma previa a interrupção do sinal no dia 27 de setembro deste ano em algumas cidades, mas a data foi adiada para 29 de novembro.

A medida foi publicada no Diário Oficial da União, nesta segunda-feira (29), na portaria n° 2.992 do Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicação.

Novas vagas de estacionamento de curta duração estão disponíveis no Centro da Cidade

Novos locais são: Lúcio Seabra, entre a XI e a Prudente; Prudente, entre a Aureliano e a Demétrio; e Bonifácio, ao lado da Matriz.

O Departamento Municipal de Mobilidade Urbana, órgão da Secretaria de Segurança Pública e Mobilidade Urbana, implantou novas vagas de estacionamento de curta duração em três ruas da região central de Tatuí.

Agora o motorista pode estacionar seu veículo, exceto motocicletas, por 30 minutos com o pisca alerta ligado na rua Coronel Lúcio Seabra, entre as ruas XI de Agosto e Prudente de Moraes, na rua Prudente de Moraes, entre as ruas Coronel Aureliano de Camargo e Cônego Demétrio e, também, na Rua José Bonifácio, ao lado da Igreja Matriz. Esses locais foram escolhidos em conjunto entre o departamento e a Associação Comercial e Empresarial de Tatuí.

As vagas funcionam de segunda a sexta-feira das 8h às 19h e aos sábados das 8h às 14h, exceto ao lado da Paróquia, que funciona aos sábados a partir das 9h, devido ao horário de encerramento da missa.

Desde que foram implantadas, em abril deste ano, as vagas de curta duração estão sendo bem aceitas pela população, mas muitos ainda não estão respeitando as regras de permanecer por apenas 30 minutos no local e com o pisca alerta do veículo ligado. Prova disso, são os números de multas de R$ 195,23 e infração grave de cinco pontos na Carteira Nacional de Habilitação. “Até o momento já foram efetuadas 235 multas”, afirma o secretário de Segurança Pública e Mobilidade Urbana, José Roberto Xavier da Silva.

De acordo com Xavier as vagas estão sinalizadas com placas de trânsito, mas mesmo assim, em um prazo de até 15 dias, as guias dessas vagas serão pintadas na cor branca, no intuito de que o motorista visualize facilmente as vagas. “Outra dica útil aos motoristas para evitar multa é que, ao chegar na região central da cidade e avistar facilmente uma vaga ou um carro com pisca alerta ligado, fique atento as placas de trânsito, pois ali pode ser uma vaga de curta duração”.

O secretário ainda ressalta que há previsão de implantação de novas vagas como estas próximo a Estação Ferroviária e a rua Alberto Seabra, bem como no Largo do Mercado.

Moradores pedem a remoção do canteiro central da Avenida Pompeo Reali

Quem estava presente na audiência em sua grande maioria opinou pela remoção do canteiro central.

Na segunda-feira, 29 de maio, aconteceu uma audiência pública que tratou de um assunto polêmico: as obras da Avenida Vice-Prefeito Pompeo Reali, que estão inacabadas. O convênio ainda não foi encerrado com o Governo do Estado e a Prefeitura de Tatuí quis ouvir os moradores e comerciantes do local e imediações sobre o assunto.

A audiência pública aconteceu na Itauto, uma concessionária de veículos que fica em um ponto estratégico da avenida. Na lista oficial de presentes, assinaram 163 pessoas. Através de uma transmissão ao vivo em rede social, aconteceram 2.338 visualizações, ao longo de todo o evento.

A abertura da audiência foi com a prefeita Maria José Vieira de Camargo. Em seguida, falaram o vice-prefeito Luiz Paulo Ribeiro da Silva, o presidente da Câmara Luiz Donizetti Vaz Júnior, os secretários municipais Luiz Gonzaga Vieira de Camargo (Governo) e Juliana Rossetto Leomil Mantovani (Planejamento e Gestão Pública). Logo após, o engenheiro Aleksander Chaves dos Santos (do Departamento de Convênios e Contratos) e a arquiteta Carolina Medeiros Cunha dos Santos (Secretaria de Obras e Infra-Estrutura) explicaram a obra em ordem cronológica, a partir da assinatura do convênio com a Casa Civil, em julho de 2015, no valor de R$ 925.000,00. O engenheiro Leonardo Spada falou sobre os laudos técnicos que apontam falhas na obra. Dois laudos foram apresentados ao público, um de engenharia e outro de mobilidade urbana.

A palavra foi aberta para que os presentes pudessem esclarecer dúvidas ou fazer críticas ou sugestões. Várias pessoas se manifestaram no microfone ou por papéis e a grande maioria criticou a obra, principalmente a construção do canteiro central, chamado de “churrasqueira”.

A população votou, quando indagada, pela remoção do canteiro central, em sua grande maioria. Os representantes da administração municipal ali presentes, diante da manifestação do povo, se comprometeram em apresentar nas próximas semanas um novo projeto para a avenida, com custo e execução viáveis.

A grande queixa dos moradores e comerciantes é que com as pontes caídas (Marapé e Junqueira) e a falta de planejamento na obra do canteiro central da avenida (sem drenagem e com alteração nos acessos), prejudicou demais o comércio e a mobilidade.

A obra está abandonada desde 2016, sem a finalização do convênio com o Governo do Estado. Há cerca de R$ 200 mil que ainda podem ser remanejados dentro do orçamento da obra para sua conclusão. Com a possível retirada do canteiro, o material deverá ser reutilizado para a manutenção de estradas rurais do município.

Adolescentes são apreendidos pilotando moto sem placas em Capela do Alto

Jovens são suspeitos de furtarem a motocicleta em Tatuí. 

Moto furtada em Tatuí estava com adolescentes em Capela do Alto (Foto: Polícia Militar de Capela do Alto/Divulgação)

Do G1 - Dois adolescentes, de 13 e 16 anos, foram apreendidos por pilotarem uma moto sem habilitação e sem placas, na manhã desta terça-feira (30), em Capela do Alto (SP).

Segundo a Polícia Militar, após a consulta do chassi, a equipe constatou que a motocicleta foi furtada no dia 20 de maio, em Tatuí. Durante a abordagem e revista pessoal, os policiais encontraram com a dupla um alicate multifunções, que era utilizado para cometer os crimes de furto.

Os menores de idade foram encaminhados à delegacia da cidade, onde responderam por Ato Infracional de Direção sem Habilitação, permanecendo à disposição da Justiça.

Polícia Militar encontrou kit multifunções com dois adolescentes em Capela do Alto (SP) (Foto: Polícia Militar de Capela do Alto/Divulgação)

Moradores do bairro Jurumirim reclamam: 'Estamos abandonados'

Segundo prefeituras de Itapetininga e Tatuí, um convênio está sendo realizado com o Governo do Estado para realizar a manutenção na estrada auxiliar.

Para evitar passar pela estrada em situações precárias, os moradores precisam pagar pedágios para ir até Tatuí (Foto: Reprodução/TV TEM)

Por G1 - Moradores do bairro Jurumirim, que agora pertence a Itapetininga, reclamam que estão abandonados. O bairro, que antes pertencia a Tatuí, passou a ser de Itapetininga em 2016, após 14 anos em briga judicial. Porém os moradores afirmam que as ruas não tem CEP, falta iluminação, ponto de ônibus, odontologistas na Unidade Básica de Saúde (UBS) e, ainda, que a estrada usada como opção para chegar até Tatuí para evitar o pedágio está em péssimas condições. (Confira a resposta das prefeituras abaixo).

Segundo os moradores, está cada vez mais perigoso andar pelas ruas do bairro durante a noite, pois não há iluminação pública. Outro problema é que o bairro, com cerca de 700 moradores, não tem CEP e, por conta disto, os moradores ficam sem receber suas correspondências.

“Faz tempo que fizemos o pedido, porém até agora nada foi resolvido, usamos endereço de amigos e familiares que moram em Tatuí para recebermos nossas correspondências. Na reunião com as duas prefeitas, elas prometeram que iriam fazer lombadas, ponto de ônibus, iriam regularizar a situação do CEP e melhorias na UBS, porém até agora nada foi resolvido. Estamos abandonados como um cão sem dono”, afirma a tecelã Márcia de Oliveira Vieira, moradora da região.

Principal reclamação são as condições da estrada auxiliar que liga o bairro a Tatuí (Foto: Reprodução/TV TEM)

Mas a principal reclamação dos moradores continua sendo o trajeto para chegar a Tatuí, onde eles têm duas opções: ir pela rodovia e passar pela praça de pedágio ou usar uma estrada auxiliar de terra, que está em péssimas condições.

De acordo com o aposentado Agenor Carlos de Almeida, em dias de chuva a estrada que liga o bairro até a cidade fica intransitável. “Quando chove o rio transborda e ninguém consegue passar. A única opção é pagar o pedágio”, explica.

Prefeituras - Em nota, a prefeitura de Tatuí informou que uma reunião entre as prefeitas das duas cidades foi realizada no início do ano. No encontro, foi discutido sobre a situação do transporte de alunos até as unidades de ensino e que essa questão foi resolvida.

Sobre as obras de melhorias na estrada que liga o bairro Jurumirim à cidade, o Executivo informou que entrou em contato com o Governo do Estado e que há 10 dias técnicos da Secretaria da Agricultura e Abastecimento foram ao local fazer a medição das estradas. Agora a prefeitura aguarda uma formalização do governo estadual para realizar a manutenção.

Segundo o Governo do Estado, os projetos e orçamentos dos serviços do programa “Melhor Caminho” estão na fase final pela Companhia de Desenvolvimento Agrícola de São Paulo. Em seguida, os documentos serão enviados à Secretaria de Agricultura para tratar dos demais necessários para o convênio entre os municípios. O órgão ressalta que, após a entrada dos documentos, o convênio leva de 15 a 30 dias para ser finalizado.

Já a Prefeitura de Itapetininga, responsável pelo bairro desde abril de 2016, informou que já foram realizados serviços de nivelamento nos pontos mais críticos das estradas. Quanto à iluminação e à implantação de lombadas, afirmou que uma equipe visitará o local para verificar o problema.

Ainda em nota, o Executivo informou que está avaliando o pedido de dentistas na UBS do bairro. Aos moradores que precisarem de atendimento odontológico, a orientação é procurarem serviço no posto de saúde do bairro Capão Alto.

Estrada auxiliar é de terra e está em péssimas condições, afirmam moradores (Foto: Reprodução/TV TEM)

Sebrae realiza oficinas sobre empreender e fluxo de caixa

Oficinas são gratuitas, mas com vagas limitadas.

O Posto de Atendimento ao Empreendedor do Sebrae em Tatuí realizará duas oficinas no dia 13 de junho, terça-feira.

Na parte da tarde, das 14h às 17h, será a oficina “Sei Empreender”. Já à noite, das 18h às 21h, o tema da oficina será “Fluxo de Caixa”, ambas em parceria com a Prefeitura Municipal, a Associação Comercial e Empresarial, o Sindicato Rural e Patronal, a Fundação Manoel Guedes e o SEBRAE-SP. 

Para as duas oficinas são 40 vagas gratuitas e as inscrições podem ser realizadas no Posto do Sebrae, que fica na rua XV de Novembro nº 491, 1º andar, pelo telefone (15) 3305-4832 ou pelo e-mail keliroberta10@yahoo.com.br, preenchendo, por completo, os dados dos interessados. Elas irão acontecer no Sindicato Rural e Patronal de Tatuí, que fica na Rua Onze de Agosto, 1375, no Centro.

A oficina “Sei Empreender” tem como público exclusivo os microempreendedores individuais (MEI) e os potenciais empreendedores, levando-os a descobrir e a desenvolver o seu potencial empreendedor, além de fazê-los conhecer as características desejadas e as decisões corretas para o sucesso de seus negócios. No programa da oficina, destacam-se: características do comportamento empreendedor; competências empreendedoras e comportamentos empreendedores praticados pelos participantes.

Já a oficina da noite, “Fluxo de Caixa”, é destinada às micro e pequenas empresas, potenciais empreendedores e microempreendedores individuais (MEI) e abordará estrutura e aplicabilidade do fluxo de caixa e análise do fluxo de caixa para tomada de decisões. O objetivo é fazer com que o participante aprenda a controlar movimentações financeiras e tome decisões com mais segurança.

Mais informações sobre as duas oficinas e outras atividades do Posto de Atendimento ao Empreendedor do Sebrae em Tatuí podem ser obtidas pelo telefone: (15) 3305-4832.

Alessandro Ramos apresenta recital de formatura em aperfeiçoamento de tuba

Evento com entrada gratuita acontece no dia 6 de junho, às 19h, no Salão Villa-Lobos


O aluno Alessandro Ramos apresenta recital de conclusão do curso de aperfeiçoamento em tuba no próximo dia 6 de junho, terça-feira. O concluinte da Área de Sopros/Metais do Conservatório de Tatuí – instituição do Governo do Estado de São Paulo e Secretaria de Estado da Cultura – teve aulas com o professor Luciano Vaz e coordenação de João José Xavier da Silva. O recital de formatura, aberto ao público e com entrada gratuita, acontecerá às 19h, no Salão Villa-Lobos.

O programa a ser executado por Alessandro começa com “Capriccio”, de Rodney Newton. Juliano Kerber fará acompanhamento de piano. Na obra seguinte, “Canto do Cisne Negro”, de Heitor Villa-Lobos (transcrição do formando), haverá acompanhamento da harpista Giovana Sanches. “Tuba Concerto”, de Edward Gregson, será apresentada com Juliano Kerber e, em “Anos Dourados”, de Tom Jobim (arr. Ronaldo Marquetti), haverá participação de três tubistas convidados: Ricardo de Souza Francisco, Vanessa Fernandes e Alfredo Ignacio Acosta Acosta.

Natural de Catanduva, Alessandro teve o primeiro contato com a música na Banda Marcial José Favorino Rangel, a “Banda do Barão”, sob a regência do maestro Edvar Jesus de Souza Breguedo. A partir de então inicia os estudos no Conservatório de Tatuí, na classe de Gian Marco Aquino e, depois, com o professor Luciano Vaz. Teve também aulas com Marcos dos Anjos Jr.

Participou de master classes com Albert Khattar, Ricardo Serralheiro e Gregory Fritze, professor da Berklee, nos Estados Unidos. Atuou como bolsista nas oito primeiras edições do Coreto Paulista – Curso de Férias de Tatuí, tendo participado do 1º, 2º, 3º e 4º Encontro Internacional de Metais e 28º Oficina de Musica de Curitiba (PR). Em 2012 participou do 13º Festival de Música nas Montanhas, de Poços de Caldas (MG). Em 2014 participou do IV Festival Internacional Sesc de Música, em Pelotas (RS) e 14º Festival de Música de Ourinhos. Foi Tubista da Orquestra Sinfônica de Botucatu nos anos de 2007 e 2008 e no 1º Encontro Latino-Americano de Bandas Sinfônicas.

Já atuou sob a regência de vários maestros renomados, tais como Matthew George, Gregory Fritze, Glenn Price, Laszlo Marosi, Dario Sotelo, Edson Beltrami, José Antonio Pereira e Claudio Cruz. Foi integrante de vários conjuntos do Conservatório de Tatuí, como a Orquestra Sinfônica, Banda Sinfônica, Orquestra Sinfônica Jovem, Banda Sinfônica Jovem, além do Grupo de Metais Gilberto Gagliardi, Quinteto de Metais Gilberto Gagliardi e Quinteto de Metais Metal Nobre.

Na Orquestra Sinfônica de Ribeirão Preto foi tubista convidado no ano de 2008, tendo a oportunidade de gravar o DVD comemorativo dos 70 anos de fundação. Em 2010 foi tubista convidado da Orquestra Sinfônica do Teatro Nacional Claudio Santoro, em Brasília (DF), atuando sobre a regência de Enrique Batiz (México) e Ira Levin (Estados Unidos). Atualmente é tubista solista da Banda Sinfônica de Sumaré, chefe de metais e tubista da Banda Sinfônica de Americana e integrante do Quinteto TuBass.

Apoio Cultural – Para a temporada do ano de 2017, o Conservatório de Tatuí conta com apoio cultural da Coop – Cooperativa de Consumo e Grupo CCR SPVias.

SERVIÇO
Recital de Formatura
Alessandro Ramos – aperfeiçoamento de tuba
Luciano Vaz, professor responsável
João José Xavier da Silva, coordenação
Data: 6 de junho, terça-feira
Horário: 19h
Local: Salão Villa-Lobos (rua São Bento, 415, Tatuí)
Entrada franca
Informações: (15) 3205-8464

Alunos de Violão Clássico do Conservatório de Tatuí fazem duas audições em junho

Apresentações gratuitas são organizadas pelos professores Adriano Paes e Dagma Eid



O setor de Violão Clássico do Conservatório de Tatuí realiza mais duas audições de alunos no mês de junho. Os eventos, com entrada gratuita, são organizados pelos professores Dagma Eid e Adriano Paes, que também coordena o setor de Violão Clássico. Além de Adriano e Dagma, há alunos dos professores Patrícia Nogueira, Josiane Gonçalves, Ana Maria Souza e Márcia Braga. As apresentações acontecem nos dias 6 e 13, terças-feiras, às 18h, no salão da Unidade 3 (rua São Bento, 412, Tatuí).

A primeira audição, no dia 6, organizada por Adriano Paes, será com alunos iniciantes. Estarão no palco João Paulo Gouveia da Silva, Ray Eleutério Dias, Enzo Belaz Santos, Leonardo Nacarato Ribeiro, Beatriz de Fátima Machado, Guilherme Vaz Camargo, Carlos Eduardo Cecatto da Fonseca, Eli Junior Souza Neves, Pedro Macedo de Paula, José Vitor Campubri Gomes, Maria Eduarda Becker, Miguel Furtado Trevisan e Raphaela Conceição Fidélis. Entre as obras da apresentação, destaque para o compositor Henrique Pinto, autor de nove músicas do programa. Destaque ainda para as peças do folclore e a música “Canto do povo de algum lugar”, de Caetano Veloso, além do tema do filme Piratas do Caribe.

No dia 13, a audição organizada pela professora Dagma Eid reunirá os alunos Hemily Pauline Santos Carriel, Livia Maria Turino, Emanuele Aparecida Rodrigues, Adrian Augusto de Souza, Leonardo Barbosa, Victor Medeiros, Matheus Mantovani, Isabela Paes Lopes, Matheus Monteiro, Pedro Carlos Lopes e Jefferson Gonçalves Munhoz. Além do folclore, o programa traz algumas obras de Gaspar Sanz, Napoleon Coste e Geraldo Ribeiro.

Participações especiais
O recital do dia 13 terá participações especiais. A primeira é de Chris Napoleão, formada em violão pelo Conservatório de Tatuí. Ela executará a obra “Cielo Abierto”, de Q. Sinesi.

Em seguida haverá apresentações de alaúde, com alunos da professora Dagma Eid no curso de Cordas Dedilhadas Históricas. Duo Manente-Bittar (Camila Manente e Nei Bittar) tocará três músicas de autoria desconhecida: “Tres Morillas”, “Go from my window” e “Pavana in Passo e Mezzo”. O Willow Duo (Ananda Roda e Ivan Oliveira) apresentará “Canarios”, de Gaspar Sanz. Já o Quarteto de Alaúdes (Chris Napoleão, Camila Manente, Nei Bittar e Ivan Oliveira) executará “Cânon”, de F. da Milano.

Apoio Cultural – Para a temporada do ano de 2017, o Conservatório de Tatuí conta com apoio cultural da Coop – Cooperativa de Consumo e Grupo CCR SPVias.

SERVIÇO
Audições da Classe de Violão Clássico
Adriano Paes e Dagma Eid, professores responsáveis
Adriano Paes, coordenação
Data: 6 e 13 de junho, terças-feiras
Horário: 18h
Local: salão da Unidade 3 (rua São Bento, 415, Tatuí)
Entrada franca
Informações: (15) 3205-8464

Trevo da Rodovia SP-127 em Tatuí será parcialmente interditado para obras

Trecho no quilômetro 113 da via ficará parcialmente fechado das 7h às 17h na quinta-feira (1°).
G1 Itapetininga e Região

O trevo de acesso a Tatuí e retorno à Rodovia Rodovia Antonio Romano Schincariol (SP-127), no quilômetro 113, será parcialmente interditado das 7h às 17h de quinta-feira (1°). O motivo são obras de recuperação do pavimento.

De acordo com a concessionária da via, a CCR SPVias, os motoristas que estiverem trafegando na SP-127 sentido Itapetininga e desejarem acessar a Rodovia SP-141 (Fatec, Bairro Vila Angélica e município de Cesário Lange, SP) deverão utilizar o acesso municipal alternativo do km 112,9 da via.

Já para acessar a cidade de Tatuí, o usuário deverá utilizar o trevo do km 118 (Empresa Tavex), afirma a concessionária.

Em meio à crise, prefeitura intervém na administração da Santa Casa de Tatuí

Decreto determina que prefeitura assuma por seis meses administração de hospital e maternidade. Com problemas financeiros, população é incentivada a se tornar sócia da entidade.
Por G1 Itapetininga e Região

Santa Casa de Tatuí enfrenta problemas administrativos e financeiros (Foto: Reprodução/TV Tem)
A grave crise financeira da Santa Casa de Tatuí fez com que a prefeitura do município intervisse na administração do hospital. O anúncio foi feito nesta quarta-feira (31) e um decreto passa à prefeitura, durante seis meses, a responsabilidade da instituição e sua maternidade. O prazo pode ser prorrogado.

De acordo com o decreto, os médicos da Unidade de Terapia Intensiva (UTI) da Santa Casa estão sem receber há quatro meses. O mesmo acontece com os médicos da unidade de psiquiatria, que há dois meses estão sem pagamento. Além disso, fornecedores já tinham notificado o hospital e a Secretaria de Saúde que deixariam de entregar materiais à unidade enquanto houvesse débitos pendentes.

A Santa Casa tem uma dívida acumulada de R$ 24 milhões, sendo a maior parte de impostos não recolhidos e débitos com os fornecedores. Ao longo dos últimos 18 meses, a instituição passa por problemas administrativos e financeiros. Segundo a prefeita de Tatuí, Maria José Gonzaga, uma nova interventora foi nomeada para equilibrar as contas do hospital.

“Num primeiro momento, nós vamos ver qual a situação real da Santa Casa, que não sabemos. A partir daí estudaremos ações para que tudo isso seja resolvido”, explica a prefeita.

Com a dificuldade financeira, o decreto diz que dois leitos da UTI foram fechados. A Santa Casa já tinha pedido também o fechamento de 11 leitos de pediatria clínica. Segundo o secretário de Saúde de Tatuí, Jerônimo Simão, a população não será prejudicada com a intervenção do município.

"Pelo contrário, vamos reativar os leitos do SUS que estavam sendo desativados. Serão mantidos todos os exames já marcados. Vamos trabalhar para sanar o déficit do que não vinha sendo atendido", afirma o secretário.

Na greve de dezembro de 2016, funcionários paralisaram atendimento por quase um mês (Foto: Reprodução/TV Tem)
Sócios administrativos

Desde o final de 2015 que a Santa Casa de Tatuí apresenta problemas no atendimento aos pacientes. Em janeiro de 2016, a prefeitura assumiu a administração do hospital, por meio de decreto, depois que funcionários paralisaram as atividades. Em maio, apenas quatro meses encarregada da Santa Casa, a prefeitura entregou a gestão para outra equipe.

Nesta terça-feira (30), a administração do hospital divulgou uma iniciativa para incentivar a população a se tornar sócia da Santa Casa. Qualquer cidadão pode pagar R$ 10 por mês e fazer partes das tomadas de decisão da unidade médica.

"A pessoa vai ser somente sócio da entidade, atuando em sua administração. O atendimento aos pacientes não terá nenhuma relação com ser sócio ou não, nem trará nenhum privilégio", esclarece Fernanda Laranjeira, provedora da Santa Casa.

Além de Tatuí, pacientes de Quadra, Cerquilho, Cesário Lange e Capela do Alto também são atendidos no hospital. A entidade recebe recursos dos governos federal, estadual e municipal, e, de acordo com o decreto, há indícios de uso incorreto desse dinheiro repassado.

Suspense vencedor de melhor filme israelense é exibido no Sesi de Itapetininga e Tatuí

'Dias Congelados' será exibido nesta quinta-feira (1º) em Tatuí (SP) às 14h e em Itapetininga (SP) às 19h30. Filme não é recomendado para menores de 12 anos.
Por G1 Itapetininga e Região
Suspense "Dias Congelados" é exibido no Sesi Itapetininga e Tatuí (Foto: Reprodução/Sesi)
O filme de suspense “Dias Congelados”, vencedor do prêmio de melhor filme israelense do Festival de Haifa, será exibido nesta quinta-feira (1º) no Sesi de Tatuí e Itapetinga. A sessão faz parte do projeto Cine Sesi-SP no Mundo, que durante o mês de maio e junho trouxe diversos filmes sobre a vida no Oriente Médio.

Em Tatuí, o filme será exibido às 14h e, em Itapetininga, a exibição será às 19h30. A entrada é gratuita e o filme não é indicado para menores de 12 anos.

O filme conta a história de uma mulher que após sobreviver a um atentado a bomba, ocupa o apartamento de outra vítima, que entrou em coma. Aos poucos, a percepção da realidade dela começa a desabar e ela começa a se perguntar quem está naquela cama de hospital, e de quem é a vida que ela está vivendo.

O teatro do Sesi em Tatuí fica na Avenida São Carlos, 900, Vila Doutor Laurindo. E o Sesi em Itapetininga está localizado à Avenida Padre Antônio Brunetti, 1.360 - Vila Rio Branco.

terça-feira, 30 de maio de 2017

Beisebol: Em jogo emocionante, decidido por walk-off, Tomateros vence Tatuí pela AAA da LDB

Vinicius Farias - 30/05/2017 

Casa do Beisebol - No primeiro jogo do triangular em Mogi das Cruzes, pela quarta rodada da Série AAA da LDB (Liga de Desenvolvimento de Beisebol), no domingo (28), o Tomateros suou para manter a invencibilidade ao vencer o Tatuí por 9 a 8.

Equilibrado desde o início os times anotaram a mesma quantidade de corridas nas três primeiras entradas, cada um anotando uma na primeira, nenhuma na segunda e duas na terceira.

Na quarta entrada Tatuí tomou a frente com três corridas e aumentou com mais uma na quinta entrada. Ainda na parte baixa da quinta, o time de Suzano anotou duas corridas para diminuir a desvantagem.

Na sexta entrada o Tomateros passou a frente com três corridas e o jogo foi para última entrada com o placar em vantagem mínima. Vantagem que acabou com a corrida de empate de Tatuí. Precisando de apenas uma corrida para vencer o jogo, o time de Suzano lotou as bases sem nenhum eliminado e anotou a corrida de walk-off com Fabio Nokomura.

Enyo Yonemura saudado pelos companheiros após o home run (Vinicius Farias/Agência Interbase)

Destaque do jogo, Rogerio Tanikawa contribuiu muito no bastão para a vitória do Tomateros, com três rebatidas em quatro oportunidades, impulsionando duas corridas e anotando outras três. O arremessador Arari Olenik, abridor da equipe, permaneceu no montinho por três entradas, cedendo quatro corridas, seis rebatida e duas eliminações por strikeout.

Pelo lado de Tatuí, Samuel Camargo se destacou no ataque, produzindo três rebatidas em quatro idas ao bastão, anotando duas corridas e impulsionando outra para o time. Emerson Masson, o Tatu, abridor da equipe, arremessou o jogo completo, cedendo dezessete rebatidas e duas eliminações por strikeout.

Samuel Camargo com a corrida de empate para Tatuí (Vinicius Farias/Agência Interbase)

Os times voltam a campo para a quinta rodada da séria AAA no dia 18/06, quando Tomateros enfrentará o Dragons e o ANC Indians. Já o Tatuí enfrentará o New Giants e o FEA.

Poli-USP tem avalanche ofensiva e vence Tatuí de forma tranquila pela AAA da LDB

Vinícius Farias - 30/05/2017

Casa do Beisebol - No último jogo do triangular em Mogi das Cruzes, pela quarta rodada da Série AAA da LDB (Liga de Desenvolvimento de Beisebol), no domingo (28), Poli-USP se recuperou da derrota e venceu com tranquilidade o time de Tatuí por 21 a 0.

Desde o início do jogo o ataque da Poli mostrou que estava com apetite e pronto para se redimir da derrota do jogo anterior. Já Tatuí, enfraquecido pela falta de reservas, teve que voltar com Tatu no montinho, mesmo depois de arremessar todo o primeiro jogo.

Foi o cenário perfeito para o time da capital paulista, que anotou logo na primeira entrada oito corridas, sendo sete delas ainda com Tatu nos arremessos.

Mesmo com a troca de arremessadores, o time do interior não conseguiu equiparar as ações e cedeu corridas em todas as entradas: três corridas na segunda e terceira entradas, quatro na quinta e outras três na quinta e última entrada, decretando o called game.

Gustavo Limura anota a corrida (Vinícius Farias/Agência Interbase)

Destaque do jogo, o rebatedor designado Gustavo Limura foi muito no bastão, com quatro rebatidas em seis oportunidades, impulsionando quatro corridas e anotando outras duas. O arremessador Vito Okada, abridor da equipe, permaneceu no montinho por três entradas, cedendo às apenas duas rebatidas e duas eliminações por strikeout.

Pelo lado de Tatuí, o ataque não produziu muito, apenas duas rebatidas, com isso o destaque vai para o jogador de campo interno, Mario Ogata. O jogador que conseguiu uma das rebatidas do time, fez uma linda defesa em uma bola baixa. Um lineout digno de grandes ligas.

Mario Ogata no bastão (Vinícius Farias/Agência Interbase)

Os times voltam a campo para a quinta rodada da séria AAA no dia 18/06, quando Poli-USP enfrentará o Brotherhood e o Bacamartes. Já o Tatuí enfrentará o New Giants e o FEA.

Área de Sopros/Metais do Conservatório de Tatuí terá quatro recitais em junho

Apresentações gratuitas envolvem alunos de trompete, trompa, tuba, eufônio e trombone


A Área de Sopros/Metais do Conservatório de Tatuí terá quatro recitais de alunos no mês de junho. As apresentações gratuitas envolvem alunos de trompete, trompa, tuba, eufônio e trombone. Serão quatro recitais, todos às 19h, no Salão Villa-Lobos, com coordenação do professor João José Xavier Silva.

O início da série será no dia 1º de junho, quinta-feira, com o Recital da Classe de Trompete; no dia seguinte, sexta-feira, apresenta-se a Classe de Trompa; os alunos da Classe de Tuba e Eufônio farão recital conjunto no dia 13, terça-feira. No dia 25, domingo, será a vez da Classe de Trombone.

“Estas são oportunidades muito importantes para quem está estudando instrumento musical. É a hora de realmente colocar em prático o que está sendo aprendido em sala de aula e, principalmente, ter o contato com o palco e o público”, afirma o coordenador da Área de Metais. João José reforça o convite ao público. “É uma oportunidade para os alunos, mas também para quem gosta de ver belas apresentações instrumentais”.

O recital do dia 1º terá 12 obras executadas de forma individual, em duplas ou trios de trompetistas. Ao lado do professor Gerson Brandino, o aluno Nicolas de Godói C. Pinto executará “Café Excelente”, de sua própria autoria. Em “Bugler’s Holiday”, de Leroy Anderson, os trompetistas Daniel Santos, Juliano Casanova, Leonardo Pedroso terão acompanhamento da pianista Juliana Alves de Souza. O aluno Ramon Diego tocará “Trio para trompete, violino e piano”, de Eric Ewazen, com a pianista Deborah Melissa e a violinista Rafaela Pires da Silva.

A 12ª peça será executada pelo Grupo Kuaziquarteto, de Daniel Santos, Juliano Casanova, Leonardo Pedroso, Lucas Santana, Ramon Diego, Thiago Estevão, além dos professores convidados Gerson Brandino e Marcelo Costa. Eles executarão “Fanfare for Angel”, de James M. Stephenson, e “For Trumpet”, de Pete Rugolo. Também se apresentarão Matheus Paulino de Camargo, Alexandre dos Santos Rosa, João Pedro Dutra Amaral, Felipe da Silva, Eliabe Azevedo, Artur Vinicius, Rafael Penariol e Rebeca Giovana da Silva.



No Recital da Classe de Trompa também serão tocadas 12 peças. Destaque para as obras de Camille Saint-Saëns, “The Swan” e “Romance”, e três obras de Ernest Mahle: “Canção do Vaqueiro”, “Despedida dos Soldadinhos” e “Marcha do Pedrinho Leiteiro”. O programa traz ainda compositores como Richard Strauss, Ludwig van Beethoven e Wolfgang Amadeus Mozart.

Estarão no palco os alunos Rhaune de Arruda Souza, Manuela Pavanello de Almeida Proença, Victor Hugo de Almeida Magalhães, Renan Augusto Bertinotti, Maria Laura de Almeida, Kettlyn Miranda Pereira, Mikael Felipe Ribeiro Mendes, Pedro Henrique de Camargo Ribeiro, Allyson H. S. Vieira, Drielly F. de Camargo e Juan Manuel Quinteros Estrada.

Nos recitais dos dias 13 e 25 serão com alunos dos professores Marco Antonio de Almeida Junior (eufônio); Fabio José da Silva e Luciano Vaz Vieira (tuba); e Edmilson Baia de Oliveira, Marcelo de Jesus da Silva e Reinaldo José de Camargo (trombone). Os programas destas apresentações serão definidos posteriormente.

Apoio Cultural – No ano de 2017, o Conservatório de Tatuí orgulha-se em receber apoio cultural da Coop e CCR SPVias.

SERVIÇO
Recitais da Área de Sopros/Metais
João José Xavier Silva, coordenação
Datas: 1º, 2, 13 e 25 de junho
Horário: 19h
Local: Salão Villa-Lobos (rua São Bento, 415, Tatuí)
Entrada franca
Informações: (15) 3205-8464

'Café na Passarela’ alerta pedestre sobre riscos de acidentes em rodovias

Projeto será realizado no km 113 da Rodovia Antonio Romano Schincariol (SP-127), em Tatuí, nesta quarta-feira (31).

Por G1 Itapetininga e Região 30/05/2017

"Café na Passarela" é realizado em Tatuí nesta quarta-feira (Foto: Divulgação/CCR SPVias)

Os pedestres que passarem pela passarela localizada no quilômetro 113 da Rodovia Antonio Romano Schincariol (SP-127), em Tatuí, nesta quarta-feira (31), serão recepcionados com um café da manhã gratuito.

O projeto chamado como “Café na Passarela” tem como objetivo reduzir o número de acidentes e mortes por atropelamento dando continuidade a campanha Maio Amarelo.

Das 6h às 10h os pedestres serão recepcionados com café, leite, pães e materiais educativos incentivando os pedestres a usarem a passarela.

artigo / LUÍS NASSIF

Como o burocratismo destruiu a experiência do Conservatório de Tatuí

TER, 30/05/2017 - 07:08 ATUALIZADO EM 30/05/2017 - 07:53





GGN - Há décadas desenvolve-se uma discussão profícua sobre modelos de políticas de inovação. O modelo dos sonhos dos cientistas é um ambiente no qual convivem cientistas de várias formações, trocando ideias e experiências livremente, sem o burocratismo das organizações formais.

Nos anos 90 visitei a Bell Labs, um dos laboratórios mais inovadores da época. Havia pesquisadores de vários países, cada um deles com liberdade para lançar ideias, buscar parcerias internas livremente. Era essa liberdade, essa sintonia sem amarras que garantia a criatividade interna.

Em Seminários que a Agência Dinheiro Vivo promoveu anos atrás, trouxemos a experiência francesa da EDS, a sueca da SAAB-Scania. Com variações pequenas, todos os modelos se baseavam nesses princípios de desburocratização da pesquisa, de criação de ambientes informais onde cientistas e alunos se relacionavam livremente.

​Ao longo dos anos, acompanhei várias experiências brasileiras, os Parqtecs, as incubadoras de empresas. Nenhum foi mais bem-sucedido que duas experiências inovadoras no campo da música, o Conservatório de Tatuí e a Universidade Livre de Música Tom Jobim.

Tatuí, com o Maestro Neves, ainda irá merecer estudos mais aprofundados para servir de modelo de ambiente inovador.

Em ambiente de absoluta liberdade, conviviam músicos de todos os níveis, tendo aulas com professores reputados. Muitos deles já tinham carreiras nacionais e internacionais. Então, havia flexibilidade para as turnês, reconhecendo-se que ajudavam na consolidação da reputação do conservatório e no desenvolvimento dos músicos.

Do mesmo modo, facilitava-se a vida de alunos de outras cidades, concentrando em alguns dias o conteúdo da semana para viabilizar suas idas ao Conservatório.

Um dos pilares do Conservatório era o amplo respeito e reconhecimento aos talentos tanto dos professores quanto dos alunos.

Aí entra em cena uma praga paulista chamada de gerencialismo, o irmão mais burro da gerência, matando o potencial criativo de Tatuí.

A praga do gerencialismo

Primeiro, vamos conceituar o que seja gerencialismo.

Gestão é fundamental em qualquer ramo de atividade. Mas gestão virtuosa é a que busca conhecer as pessoas envolvidas e extrair delas as melhores contribuições. É o oposto das velhas estruturas dos sargentões. Gestão é meio. Fim são os resultados e a capacidade de extrair o melhor da organização.

Gerencialismo é o método de colocar os processos mecanicamente, sem levar em consideração o meio em que serão implementados. O pior modelo paulista é o da educação, de um corpo de pretensos educadores, como Maria Helena Guimarães, que julgou ser possível modificar a educação sem envolver os professores. É uma falsa modernidade do sujeito dominar duas ou três ferramentas de gestão, sem o menor conhecimento do ambiente a ser implementado, e supor que tem a força.

Burocratas, sem nenhuma sensibilidade para identificar processos criativos, decidiram enquadrar Tatuí. Personagens da história da música brasileira - como o violonista Geraldo Ribeiro – foram obrigados a prestar concursos para serem mantidos no cargo. A flexibilidade para as aulas foi substituída por um engessamento do currículo, inviabilizando a permanência de alunos de fora.

Mais que isso, a nova direção, com o diretor Henrique Autran Dourado, investiu com truculência desmedida sobre quem ousasse criticar seus métodos. Acabou gerando uma greve geral, que precisou ser mediada pela Secretaria da Cultura do estado.

Restabeleceu-se a paz, não a excelência do ensino. E Autran Dourado acabou direcionando sua ira contra ex-alunos que ousaram denunciar seus métodos pelas redes sociais, abrindo ações em seu nome e no do Conservatório. Os alvos são ex-alunos sem recursos sequer para contratar advogados.

Esse desmonte começou no governo Serra e se prolongou pelo governo Alckmin. Agora, se completa com o desmonte perpetrado pela gestão João Dória Jr em todas as iniciativas ligadas à música, artes e educação musical.

Trio é detido na SP 127 após roubar duas farmácias em Cerquilho

Eles foram encaminhados para a delegacia de Tatuí, onde estão à disposição da Justiça.

Por G1 Itapetininga e Região 30/05/2017

Trio foi encaminhado para a delegacia de Tatuí (SP) onde estão à disposição da Justiça (Foto: Vander Maques Junior/TV TEM)

Três homens foram presos após invadir e roubar duas farmácias no bairro Jardim Bela Vista, em Cerquilho (SP), na noite desta segunda-feira (29).

De acordo com a Polícia Militar, um deles estava armado com uma pistola e outro com uma arma de brinquedo. Os dois homens armados entraram no primeiro estabelecimento por volta das 21h, renderam as funcionárias e fugiram levando seis desodorantes e cerca de R$ 350 em dinheiro. É a segunda vez que o local é assaltado neste ano.

Momentos depois, os dois suspeitos assaltaram outra farmácia, há 200 metros de distância da primeira. Lá, eles também renderam os funcionários e levaram cerca de R$ 300 do caixa.

A Polícia Militar e a Guarda Municipal foram acionadas e o carro em que os homens estavam foi encontrado seguindo pela Rodovia Antonio Romano Schincariol (SP-127). Havia um terceiro suspeito no veículo como motorista da dupla. Os policiais iniciaram a perseguição e houve troca de tiros.

Um disparo, feito pela Guarda Municipal, acertou o carro dos suspeitos. Os três homens, de 41, 29 e 28 anos, foram trazidos para o plantão policial de Tatuí. Todos têm passagem pela polícia e foram presos em flagrante por roubo e associação criminosa.

A polícia apreendeu ainda um revólver calibre 22, uma arma de brinquedo, munições, os produtos e o dinheiro levado das farmácias.

Programação do projeto Incubadora de Grupos Artísticos segue com atividades

Evento acontecerá no Salão Villa Lobos do Conservatório de Tatuí.

Neste fim de semana, sábado e domingo, nos dias 3 e 4 de junho, dentro do Projeto de Incubadora de Grupos Artísticos, será oferecida a “Imersão Artística em Improvisação”, pelos atores do grupo “Os Geraldos”: Lucas Gonzaga, Douglas Novais e Maíra Hérissé.

A “Imersão”, gratuita e aberta ao público, acontecerá no Salão Villa Lobos do Conservatório de Tatuí, das 9h30 às 13h30 e das 15h às 18h.

As inscrições vão até o dia 1 de junho e devem ser feitas pelo e-mail cursososgeraldos@gmail.com. Mais informações pelos telefones: (19) 3327-1605 ou (19) 9-9276-7571.

As atividades, que acontecem de maio a novembro, têm como objetivo fomentar o cenário teatral e cultural da região e qualificar os grupos artísticos através de diversas atividades. Ao longo do ano, haverá apresentações de espetáculos, oficinas, imersões artísticas e consultorias em gestão. O projeto é patrocinado pelo Instituto CCR e CCR SPVias, por meio da Lei Rouanet, contando com o apoio da Secretaria de Estado da Cultura, Programa de Qualificação em Artes - Projeto Ademar Guerra, Conservatório Dramático e Musical “Dr. Carlos de Campos” e Secretaria de Esporte, Cultura, Turismo, Lazer e Juventude da Prefeitura de Tatuí.

Conservatório de Tatuí vence Prêmio Governador do Estado pelo voto popular

Foto: Studio90
Dib Carneiro Neto, Tião Carvalho e Felipe Hirsch são alguns dos escolhidos pela comissão julgadora; no voto popular, o Conservatório de Tatuí, finalista da categoria Música, foi o mais votado.

O Prêmio Governador do Estado para a Cultura anunciou, em cerimônia no Theatro São Pedro realizada na noite de 29 de maio, os vencedores da edição 2016. A iniciativa da Secretaria da Cultura do Estado de São Paulo, criada como uma forma de valorizar e incentivar a produção cultural paulista, premiou artistas, coletivos e instituições em nove categorias: arte para crianças, artes visuais, cinema, circo, dança, música, teatro, territórios culturais e instituições culturais.

A artista plástica Renina Katz foi a grande homenageada do Prêmio Governador do Estado ao ser escolhida o “Destaque Cultural do Ano”. Carioca radicada em São Paulo, Renina dedicou grande parte de sua vida à gravura, gênero no qual é um dos ícones no Brasil. A artista plástica recebeu premiação no valor de R$ 100 mil em reconhecimento à sua trajetória e contribuição para a cultura brasileira ao longo de sua carreira.

O Secretário da Cultura do Estado, José Luiz Penna, abriu a cerimônia de entrega da premiação. “É uma grande satisfação voltar ao Theatro São Pedro, lugar do meu primeiro emprego, para entregar um prêmio do qual tenho muito orgulho. Em nome do Governador Geraldo Alckmin, reafirmo o compromisso de levar a cada dia mais longe a arte e a cultura do Estado de São Paulo”, afirmou o secretário, que, na sequência, entregou o troféu de “Destaque Cultural do Ano” a Pedro Farkas, afilhado de Renina Katz, que a representou na cerimônia.

No total, foram distribuídos R$ 580 mil em prêmios aos vencedores escolhidos pelo júri especializado, o que faz da premiação uma das maiores do país no segmento cultural. Além da premiação em dinheiro, no valor individual de R$ 60 mil, os vencedores escolhidos tanto pelo júri quanto pelo voto popular receberam um troféu exclusivo confeccionado pela artista Ana Maria Tavares.

A votação popular foi realizada no site www.premiogovernador.sp.gov.br e contou com 71,3 mil votos (a edição anterior contabilizou 56 mil).

Vencedores

Conheça os contemplados da edição 2016 do Prêmio Governador do Estado para a Cultura:

Escolhidos pelo júri especializado:

Arte para Crianças: Dib Carneiro Neto
Artes Visuais: Revista Artéria
Cinema: Adhemar Oliveira
Circo: Ermínia Silva
Dança: Projeto Mov_oLA (Alex Soares)
Música: Tião Carvalho
Teatro: Felipe Hirsch
Territórios Culturais: Instituto Periferia Ativa

Escolhidos pelo voto popular:

Arte para Crianças: Paidéia Associação Cultural
Artes Visuais: Revista Artéria
Cinema: Adhemar Oliveira
Circo: Circo de Teatro Tubinho
Dança: Corpo de Baile de Caraguatatuba
Música: Conservatório de Tatuí
Teatro: Os Satyros
Territórios Culturais: Associação Casarão da Mariquinha
Instituição Cultural (categoria eleita apenas por voto popular): Instituto Alana

segunda-feira, 29 de maio de 2017

Mais de 4 mil pessoas participaram das atividades do Dia Mundial do Brincar em Tatuí

Evento aconteceu na Praça da Matriz no sábado, dia 27 de maio.

Os celulares e jogos eletrônicos ficaram esquecidos por algumas horas e as brincadeiras tradicionais tomaram conta da Praça da Matriz no último sábado de maio. O evento em comemoração ao Dia Mundial do Brincar, organizado pela Equipe Pedagógica da Secretaria Municipal da Educação, reuniu cerca de 4 mil crianças e adultos que passaram horas agradáveis e divertidas brincando.

O evento teve o objetivo de resgatar as brincadeiras antigas e tão esquecidas e de sensibilizar as famílias para a interação entre pais, filhos, avós e netos. Para tanto, contou com confecção de brinquedos de sucatas, bola ao cesto, peteca, bambolê, boca do palhaço, pintura a dedo, chute ao gol, pião, jogos de tabuleiro, elástico, vai-e-vem, amarelinha, jogo de boliche, corda, cirandas de roda, oficinas de massa de modelar e de contação de histórias, fazer pintura facial e massagens relaxantes e ainda participar de um salão de beleza infantil.

“Todo o trabalho que tivemos no preparo desse evento foi muito bem recompensado pela alegria que percebemos no rosto de cada criança e de seus familiares”, comemoram as professoras organizadoras do evento Maria de Lourdes Camargo Proença e Maria Elisa Machado de Almeida.

Criada comissão preparatória para formação do “Parlamento Regional”

O presidente da Câmara de Sorocaba, vereador Rodrigo Manga (DEM), afirma que o objetivo é percorrer os Legislativos de toda a região para viabilizar a entidade regional 

A criação de uma espécie de “Parlamento Regional” que congregue as Câmaras Municipais da Região Metropolitana de Sorocaba voltou a ser discutida por presidentes, vereadores e representantes de diversas Câmaras Municipais da região em reunião com o presidente da Câmara de Sorocaba, vereador Rodrigo Manga (DEM), na manhã desta segunda-feira, 29, na sala de reuniões da Casa. “Além de discutir custos e aspectos legais da associação de vereadores da região, também criamos uma comissão preparatória que irá percorrer as 27 Câmaras Municipais da região com o objetivo de buscar a adesão dos Legislativos à proposta”, explica Manga. 

Além de Rodrigo Manga, participaram da reunião os seguintes presidentes de Legislativos da região: José Galvão (DEM), da Câmara de Itu; Luiz Antônio Gardenal (PMDB), da Câmara de Jumirim; Luiz Carlos Batista (PP), da Câmara de Salto; Nelson Batista Teles de Miranda (PRB), de Capela do Alto; além dos vereadores Edemilson Pereira dos Santos (DEM), de Salto; Regina Leite Tolentino (PMDB), de Capela do Alto; e Maria Aparecida Morandin (PPS), de Jumirim. 

Rodrigo Manga abriu a reunião observando que, na reunião anterior, ficou decidido que seriam discutidos os custos de criação da associação regional, os aspectos legais envolvendo sua instituição e a formação de uma comissão preparatória para encaminhar os trabalhos. A comissão escolhida durante a reunião será formada pelos vereadores Rodrigo Manga (Sorocaba), José Galvão (Itu), Edemilson Santos (Salto), além do ex-vereador Helio Godoy (PRB), presente à reunião, e do jornalista Lucas Leoni, assessor de imprensa do presidente da Câmara de Itu. 

O presidente da Câmara de Itu, José Galvão, apresentou um parecer da Conam (Consultoria em Administração Municipal), feito a seu pedido, que considera legal a instituição de uma entidade representativa dos vereadores e Câmaras da Região Metropolitana de Sorocaba. No referido parecer, a Conam observa que “existem em todo o Brasil dezenas de associações que congregam órgãos e servidores públicos, bem como contribuições a elas feita via orçamentária”. 

José Galvão contou que esteve presente, em 7 de abril último, da criação do Parlamento Metropolitano da Região de Campinas e observou que essa é uma tendência dos Legislativos da região. 

O “Parlamento Metropolitano” terá como objetivo discutir os problemas comuns dos 27 municípios que compõem a região, buscando soluções comuns para esses problemas, por de estudos técnicos, projetos e outras ações legislativas, inclusive cursos de formação para vereadores e assessores, que poderiam ser desenvolvidos por meio das Escolas do Legislativos, como a de Sorocaba e a de Itu, que já estão formadas, entre outras. 

A princípio, o nome sugerido para a nova entidade é Uvermets (Associação dos Vereadores da Região Metropolitana de Sorocaba). A minuta do estatuto da entidade também prevê que sua diretoria deverá ser formada pelos seguintes membros: presidente, vice-presidente, 1º e 2º tesoureiros, secretário geral, três secretários sub-regionais, diretor de assuntos jurídicos, diretor de comunicação, diretor de eventos e conselho fiscal formado por três membros e três titulares. Como reitera Rodrigo Manga, todas essas propostas ainda serão discutidas com todas as Câmaras Municipais. 

Histórico da proposta – A proposta de criação do parlamento regional surgiu durante o I Encontro de Câmaras Municipais da Região Metropolitana de Sorocaba, realizado em 24 de abril, na Câmara de Sorocaba, sob a presidência de Rodrigo Manga. Após a reunião, a Conam (Consultoria em Administração Municipal) foi consultada e exarou parecer jurídico favorável à criação da associação de municípios. 

Posteriormente, a ideia foi oficialmente apresentada aos vereadores que receberam uma cópia da proposta elaborada para consulta jurídica de cada Casa Legislativa. Também foi definida a primeira ação prática do grupo que será levar ao governador Geraldo Alckmin o pedido de construção de um hospital regional para tratamento de dependentes químicos, a exemplo do existente em Botucatu. O combate à dependência química foi o tema da primeira edição do encontro de Câmaras. Foi sugerida ainda a inclusão na pauta de reivindicações da questão dos medicamentos de alto custo. 

Região Metropolitana – Criada pela Lei Complementar Estadual nº 1.241, de 8 de maio de 2014, e composta por 27 municípios, a Região Metropolitana de Sorocaba conta com mais de 2 milhões de habitantes, dos quais 652.481 residem em Sorocaba, de acordo com a última projeção do IBGE. Além de Sorocaba, sua cidade-sede, a Região Metropolitana de Sorocaba é composta pelos seguintes municípios divididos por sub-regiões: Sub-Região 1: Tatuí, Alambari, Boituva, Capela do Alto, Cerquilho, Cesário Lange, Jumirim, Sarapuí, Tietê e Itapetininga, município que foi incorporado à região após a sua institucionalização; Sub-região 2: Alumínio, Araçariguama, Ibiúna, Itu, Mairinque, Porto Feliz, Salto e São Roque; e Sub-região 3: Araçoiaba da Serra, Iperó, Piedade, Pilar do Sul, Salto de Pirapora, São Miguel Arcanjo, Sorocaba, Tapiraí e Votorantim.

GUITARCOOP NO FESTIVAL DE KOBLENZ

Começa hoje o Festival de Koblenz com a presença de renomados violonistas da GuitarCoop. 

Crédito da Foto: EDU SARDINHA

A 25ª Edição do FESTIVAL INTERNACIONAL DE VIOLÃO DE KOBLENZ, na Alemanha, acontecerá entre os dias 29 de maio e 05 de junho de 2017.

No Festival participarão os mais renomados violonistas do cenário mundial e representando a plataforma Digital GuitarCoop estarão os violonistas MARCELO KAYATH, EDSON LOPES, ZORAN DUKIC, SCOTT TENNANT E PAUL GALBRAITH .

O violonista Marcelo Kayath apresentará um workshop sobre Heitor Villa Lobos e a Música Brasileira e os artistas da GuitarCoop participam do júri do Festival.

Mais de 13 toneladas de materiais recicláveis foram retiradas em ação do Abrace Tatuí

Ações com voluntários se concentraram no Jardim Santa Rita de Cássia.

No sábado, 27 de maio, a Campanha Abrace Tatuí, promovida pelo Fundo Social de Solidariedade (FUSSTAT), com apoio da Prefeitura, realizou uma operação de limpeza de terrenos baldios no Jardim Santa Rita de Cássia, com seis caminhões cedidos por quatro empresas parceiras e mais a colaboração de 25 pessoas.

Foram removidas mais de 13 toneladas de material reciclável, entre móveis, televisores, sofás e materiais que estavam espalhados pelas calçadas, terrenos e canteiros do bairro. No mutirão de limpeza também foram retirados entulhos de material de construção. Depois da coleta os materiais recicláveis foram direcionados à Cooperativa de Reciclagem da cidade e o entulho de material de construção foi direcionado para o Ecoponto Municipal.

A ação foi feita de forma voluntária, sem custo algum para os cofres públicos, graças à parceria de tatuianos e das empresas Transportadora Patona, Caetano Materiais para Construção, Grandino Pré Moldados e Grantel Materiais para Construção.

Quem quiser participar do projeto Abrace Tatuí poderá obter mais informações pelo telefone: (15) 99604-0061.

domingo, 28 de maio de 2017

Conservatório de Tatuí abre inscrições para o 5º Seminário de Regência

Atividades que incluem quatro concertos acontecerão de 15 a 18 de agosto



Estão abertas as inscrições para o 5º Seminário de Regência do Conservatório de Tatuí. O evento, com quatro concertos abertos ao público e entrada gratuita, acontecerá entre os dias 15 e 18 de agosto. As atividades serão ministradas pelos maestros Matthew George (Universidade de Saint Thomas, em Minneapolis, Estados Unidos) e Dario Sotelo, coordenador do Seminário.

Promovido com regularidade, o Seminário de Regência do Conservatório de Tatuí está entre os principais eventos do gênero no Brasil. “É um evento de caráter nacional, em que o grande objetivo é oferecer para regentes, músicos e administradores de conjuntos, a oportunidade de ter contato direto com o que é a atividade de regência”, descreve Sotelo, que é o maestro da Banda Sinfônica do Conservatório de Tatuí, conjunto residente do Seminário. Os participantes terão a oportunidade de reger a Banda nos quatro concertos.

As inscrições são feitas pelo site do Conservatório de Tatuí (www.conservatoriodetatui.org.br/seminarioderegencia). São aceitos inscritos de duas modalidades: ativos (aqueles que regerão nos concertos) e participantes (que acompanharão todas as atividades). Os ativos devem se inscrever até as 18h do dia 15 de julho. Para os participantes, o prazo vai até 10 de agosto.

Depois de ler o regulamento no site, é preciso preencher o formulário eletrônico. Além das informações básicas, os interessados em reger nos concertos (ativos) deverão disponibilizar o link de um vídeo que comprove a atuação como regente e preencher um breve currículo. Para confirmar a inscrição, é preciso pagar taxa no valor de R$ 30 (com isenção para alunos e professores do Conservatório). Os 40 primeiros candidatos, com mais de 18 anos, que tiverem o pagamento confirmado pela rede bancária terão direito a alojamento gratuito (lista a ser divulgada no dia 4 de agosto).

Com base no vídeo e no currículo, serão selecionados 26 regentes cuja atuação será “ativa”. A lista dos selecionados será divulgada no dia 7 de agosto, já com a ordem designada. Os programas dos concertos estão disponíveis junto ao regulamento.

Apoio Cultural – Para a temporada do ano de 2017, o Conservatório de Tatuí conta com apoio cultural da Coop – Cooperativa de Consumo e Grupo CCR SPVias.

SERVIÇO
5º Seminário de Regência do Conservatório de Tatuí
Matthew George, maestro convidado
Dario Sotelo, coordenação
Datas: de 15 a 18 de agosto
Local: Conservatório de Tatuí (rua São Bento, 415, Tatuí)
Inscrições: R$ 30
Informações: (15) 3205-8464

Tatuí tenta prevenir febre maculosa após dois casos e uma morte em 2016

Cidade vizinha de Boituva, também considerada área de risco, orienta população sobre doença transmitida por carrapato estrela.

Por G1 Itapetininga e Região 28/05/2017


Tatuí tenta prevenir febre maculosa após dois casos e uma morte em 2016

Após Boituva ser classificada como área de risco de transmissão de febre maculosa pela Secretaria de Saúde do Estado, Tatuí também tenta se prevenir contra a doença. O município, que fica somente há 25 km de Boituva, é igualmente considerado área de transmissão e três casos de febre maculosa já foram confirmados em laboratório, de acordo com Superintendência de Controle de Endemias de São Paulo.

Um caso aconteceu em 2012, no Rio Tatuí, e dois foram registrados no ano passado, no Ribeirão Manduca. Uma pessoa morreu e outra ainda está em fase de recuperação. Nos dois rios existem capivaras, que é o animal hospedeiro do carrapato estrela, transmissor da febre maculosa.

Após os casos, o Departamento de Medicina Veterinária da Universidade de São Paulo fez exames nos animais e confirmou a circulação da bactéria causadora da doença entre carrapatos e capivaras da região.

João Abílio Cândido foi infectado com a febre maculosa em setembro e, até hoje, sente dores causadas pela enfermidade. Ele foi infectado após limpar o mato de um terreno abandonado, que fica do lado de sua casa.

"É muito pequenininho [o carrapato]. Eu tirei das minhas costas, mas nem imaginava o que era e nem lembro também de ter ouvido antes sobre febre maculosa", lembra o motorista.

Ele começou a passar mal dois dias depois e foi para o hospital com o fígado inchado e os rins quase parando. Após três meses de recuperação, ele ainda sente dores pelo corpo. “Eu estou esperando a hora que vai parar essa dor, porque já faz oito meses. No começo, eu nem conseguia andar, subir escadas. Até hoje dói a munheca, o pé. Não sei até quando vai durar", lamenta Cândido.

A casa da família fica perto do Ribeirão do Manduca, em Tatuí, uma área considerada de risco. Perto da margem, há placas para alertarem a população dos perigos.

Vivan, filha de João, costumava a ver capivaras pela janela de casa. "Nunca passou pela nossa cabeça que pudéssemos passar por essa situação. Tanto que uma vez mostrei uma capivara para minha filha da janela da sala. Nunca imaginamos que ela poderia ser o hospedeiro dessa bactéria", afirma.

Carrapatos estrela transmitem doença de capivaras infectadas a humanos (Foto: Reprodução/ TV TEM)

Geralmente a febre maculosa é mais comum entre os meses de junho e outubro, que é quando os carrapatos ficam mais ativos. Três pessoas morreram neste ano por causa da doença no estado de São Paulo.

Em Tatuí, de janeiro até agora, nenhum caso da febre maculosa foi registrado. Por isso a cidade trabalha na prevenção e orientação aos moradores.

"Quando a pessoa for caminhar em região que há mato, usar sempre roupa clara e comprida, com bota, porque caso exista carrapato ali, ele se aloja na roupa e não na pele da pessoa, ela não é picada. Assim que chegar em casa, vai tirar o inseto com muito cuidado pra não deixar nenhum pedacinho dele", orienta Maria Aparecida Marques de Oliveira, diretora de Vigilância em Saúde.

A febre maculosa é transmitida pelo carrapato estrela, depois que ele pica um animal já infectado pela doença, normalmente uma capivara e, em seguida, entra em contato com o ser humano. Essa espécie de carrapato não é a mesma encontrada nos animais domésticos, como cães e gatos.

"É totalmente diferente, carrapato estrela é um e esse dos bichinhos é outro, que sobe na parede, fica alojado no chão", esclarece Maria Aparecida.

A doença tem cura desde que o tratamento seja feito nos primeiros dois ou três dias do surgimento dos sintomas. Atraso no diagnóstico pode provocar complicações graves, como comprometimento do sistema nervoso central, rins e pulmões, podendo levar a morte. Ainda não existe vacina contra a febre maculosa.

MP apura contratos irregulares em seis cidades da RMS. Tatuí está fora.

27/05/17 | César Santana - cesar.santana@jcruzeiro.com.br 

Ministério Público investiga contratação irregular de escritório de advocacia para obter descontos no pagamento de contribuições do INSS - ERICK PINHEIRO - ARQUIVO JCS (06/12/2016)

CRUZEIRO DO SUL - As prefeituras de seis cidades da Região Metropolitana de Sorocaba (RMS) são acusadas ou investigadas pelo Ministério Público do Estado (MP-SP) pela contratação irregular de um escritório de advocacia a fim de obter descontos no pagamento de contribuições ao Instituto Nacional do Seguro Social (INSS). O caso envolve mais de 30 municípios paulistas, dos quais praticamente metade já tiveram prefeitos ou ex-prefeitos denunciados pelo MP pela contratação do escritório Castellucci Figueiredo e Advogados Associados. Segundo o jornal O Globo, o Ministério Público aponta ainda que o serviço prestado pelo escritório configura fraude, já que os municípios estariam sendo cobrados em cifras milionárias pelo INSS por valores não pagos. Na RMS, são apontadas como alvo de investigação as cidades de Ibiúna e Piedade. Já em Cesário Lange, Itu, Iperó e Porto Feliz o MP já formalizou denúncia e os processos correm na Justiça. 

A prática consiste, conforme a reportagem, numa espécie de assessoria para que os municípios paguem a menor das taxas (1% de até 3% possíveis) ao INSS sobre o salário de seus servidores. O valor arrecadado é destinado a um fundo que cobre os vencimentos do funcionalismo em casos de acidente de trabalho. Além da contratação do serviço, os municípios destinavam 20% do valor "economizado" ao escritório, que teria arrecadado mais de R$ 50 milhões entre 2009 e 2014. As quantias que deixaram de ser arrecadadas pela Receita através das planilhas elaboradas pelo escritório agora são cobradas pelo INSS. 

Em Cesário Lange, Iperó e Porto Feliz, o MP apontou como irregular a contratação da Castellucci Figueiredo sem licitação, em alguns casos com o pagamento de valores adiantados e aditamentos posteriores referentes aos "benefícios" obtidos pelos municípios com o pagamento da menor taxa ao INSS. Os processos na esfera civil tramitam em primeira instância sem um desfecho, exceto em Porto Feliz, onde a Justiça julgou improcedente a ação do MP que acusava o ex-prefeito da cidade, Claudio Maffei (PMDB) e o escritório de advocacia, de propriedade de Alécio Castellucci Figueiredo. 

Na sentença, o juiz Jorge Panserini considerou que a contratação se encaixaria em uma das situações em que a licitação não é exigida para o convênio pelo poder público, no caso, a especialização do serviço, conforme alegação da defesa. Ele disse que o contrato não foi questionado também pelo Tribunal de Contas do Estado de São Paulo (TCE-SP), considerando-o válido. O MP recorreu da decisão e o caso segue tramitando em segunda instância. 

Em Cesário Lange também houve sentença quanto à ação do MP, esta desfavorável ao escritório de advocacia e ao ex-prefeito da cidade, Ramiro de Campos (PSDB). O juiz Rubens Peterson Neto, da comarca de Tatuí -- responsável pela cidade vizinha -- não acatou a alegação do ex-prefeito de que o Município tinha apenas um procurador e nenhum servidor especializado em matéria tributária. O processo, porém, ainda tem pendências e não houve conclusão na primeira instância, o que deve acontecer em breve. 

Em Iperó, além do processo civil, uma ação penal condenou o ex-prefeito Marco Antonio Vieira de Campos (PSDB), sua vice à época, Samyra Pimenta Pereira Franklin e Alécio Castellucci Figueiredo à reclusão em regime semiaberto em setembro do ano passado. A juíza Liliana Regina de Araújo Heidorn Abdala, da comarca de Boituva, não acatou as defesas dos réus, que sustentavam a legalidade da contratação sem licitação e a inexistência de intenção em causar dano ao erário. Um mês após a sentença, Samyra Pimenta faleceu. Já o ex-prefeito e o advogado recorreram da condenação ao Tribunal de Justiça do Estado (TJ-SP), onde o processo tramita atualmente. 

Em Itu, a ação movida pelo MP cita os ex-prefeitos Herculano Passos (PSD) e Antonio Tuíze (PV). A reportagem não teve acesso ao teor da denúncia e o processo ainda não teve decisões. 

Em Ibiúna e Piedade, a contratação do escritório de advocacia em gestões passadas ainda é alvo de inquérito civil no Ministério Público. Alécio Castellucci Figueiredo não foi localizado para comentar o caso. Nos processos, via de regra, o escritório sustentou sua defesa no princípio da autonomia municipal, alegando que as contratações sem concorrência pública ocorreram dentro da legalidade e que os valores recebidos eram referentes a honorários. 

Cobranças  Algumas das prefeituras da região investigadas -- todas elas atualmente comandadas por prefeitos diferentes da época das supostas irregularidades -- confirmam receber cobranças da Receita Federal. Em Iperó, onde o MP aponta que a Castellucci Figueiredo recebeu mais de R$ 800 mil da Prefeitura, a multa cobrada chega a R$ 6,1 milhões. A Prefeitura de Itu diz não ter conhecimento em relação ao caso envolvendo as gestões anteriores, mas confirma que há uma cobrança em curso pelo INSS no valor de R$ 33,5 milhões. A ação referente ao município foi ajuizada no fórum da cidade no valor de R$ 13,6 milhões. Em Porto Feliz o MP aponta que o escritório recebeu R$ 221 mil e em Cesário Lange mais R$ 333 mil. 

A Receita Federal informou que, por motivo de sigilo fiscal, não pode se manifestar sobre a situação de seus contribuintes, sejam eles pessoa física ou jurídica. De acordo com o delegado adjunto do órgão em Sorocaba, Ari José Brandão Júnior, o Regime Geral da Previdência Social (RGPS), instituído pela lei federal nº 8.212 prevê as regras da contribuição e, entre elas, o recolhimento que varia entre 1% e 3% do salário do servidor ao INSS de acordo com o risco de acidente de trabalho na empresa. 

Brandão Júnior explica ainda que o serviço prestado por escritórios de advocacia no sentido de alterar rubricas para exercer a menor das cobranças, sob o argumento de que alguns dos valores não deveriam ser tributados, assim como a inclusão de servidores sempre na menor alíquota, ocorre sem aval judicial ou administrativo, caracterizando fraude. Nesses casos, os escritórios em questão orientam as empresas a efetuar a compensação de valores apontados como cobrados de forma indevida através do abatimento do imposto. A irregularidade pode gerar a cobrança posterior do tributo com correções além de multa de 150% do débito.

Jovem cai de moto e é atropelado na Rodovia Castello Branco

Rapaz de 23 anos morreu após ser atropelado em Tatuí. Motorista não prestou socorro e fugiu do local.

Por G1 Itapetininga e Região 28/05/2017 11h28

Um homem morreu atropelado após cair da moto que pilotava na madrugada deste domingo (28), em Tatuí, na Rodovia Castello Branco.

Segundo a Polícia Rodoviária, o jovem de 23 anos seguia pelo sentido interior da Rodovia Castello Branco quando, de acordo com testemunhas, caiu da moto e foi atropelado por um carro. O motorista não parou para prestar socorro.

O jovem chegou a ser socorrido e levado ao pronto-socorro da cidade, mas não resistiu aos ferimentos e morreu. Ainda não se sabe o motivo da vítima ter caído da moto, a polícia tem várias hipóteses e todas serão investigadas. O motorista que atropelou o motociclista segue foragido.

Criança de 11 anos é apreendida por tráfico de drogas em Tatuí

Criança estava acompanhada de dois adolescentes e um jovem de 18 anos. Porções de cocaína e R$ 200 foram encontrados com grupo.

Por G1 Itapetininga e Região 28/05/2017 12h43

Um grupo de jovens, entre eles uma criança de 11 anos, foi apreendido por tráfico de drogas na noite deste sábado (27), em Tatuí. Segundo informações da Polícia Civil, dois adolescentes de 16 e 17 anos, um jovem de 18 anos e a criança foram abordados em frente a um bar na Vila Angélica.

Com o grupo, foram encontradas porções de cocaína e R$ 200. Os jovens foram encaminhados à delegacia e, de acordo a polícia, a criança de 11 anos foi liberada com a presença da mãe.

Os dois adolescentes e o jovem de 18 anos permaneceram detidos à disposição da Justiça. Os três já tinham passagens na polícia por furto e tráfico.

sábado, 27 de maio de 2017

CÂMARA REJEITA CONTAS MUNICIPAIS DO EXERCÍCIO DE 2014



Na quarta-feira, dia 24 de maio, em sessão extraordinária não remunerada presidida pelo vereador Luís Donizetti Vaz Júnior, a Câmara de Tatuí aprovou Projeto de Decreto Legislativo que dispõe sobre a rejeição das contas do Executivo Municipal, referentes ao exercício financeiro de 2014, constantes no Processo nº TC-00370/026/14 do Tribunal de Contas do Estado (TCE). 

A votação ocorreu de forma nominal e terminou com doze votos favoráveis à rejeição, quatro votos contrários e uma abstenção. Votaram pela rejeição os parlamentares Alexandre de Jesus Bossolan, Alexandre Grandino Teles, Antonio Marcos de Abreu, Daniel Almeida Rezende, Jairo Martins, João Éder Alves Miguel, José Carlos Ventura, Luís Donizetti Vaz Júnior, Miguel Lopes Cardoso Júnior, Rodnei Rocha, Severino Guilherme da Silva e Valdeci Antonio de Proença. Votaram contra a rejeição os parlamentares Joaquim Amado Quevedo, Nilto José Alves, Rodolfo Hessel Fanganiello e Ronaldo José da Mota. O vereador Eduardo Dade Sallum se absteve de votar. 

Antes de aprovar a propositura, a edilidade rejeitou, também com dois terços dos votos dos vereadores, o parecer favorável da Comissão de Economia, Finanças e Orçamento da Câmara, exarado com base no parecer prévio do TCE, que havia concluído pela aprovação das contas. Foram doze votos contra o parecer, quatro a favor e uma abstenção, na forma como se seguiu na votação de decreto legislativo. 

Diversos vereadores se revezaram na tribuna, apresentando argumentos contrários ou favoráveis à matéria. O ex-prefeito José Manoel Corrêa Coelho (Manu) compareceu à sessão e também utilizou a tribuna para defender a aprovação das contas de seu segundo ano de mandato (2013/2016), mas não conseguiu sensibilizar a maioria da edilidade.