Nosso Jornal Online

Tatuí, 

PUBLICIDADE

ANUNCIE AQUI

Peça já seu orçamento
e-mail para publicidade@diariodetatui.com

sábado, 9 de abril de 2016

Piloto de ultraleve que caiu e deixou mortos tentou pouso, diz aeroclube

Condutor e passageiro morreram em Tatuí.
Acidente foi perto da pista de pouso do aeroclube da cidade.

Do G1 Itapetininga e Região

Segundo ACT, ultraleve passou da pista, rodovia e caiu em matagal (Foto: Cláudio Nascimento/ TV TEM)

O piloto de um ultraleve que caiu em Tatuí (SP) deixando dois mortos tentou pousar antes do acidente, afirma o Aeroclube de Tatuí (ACT). O acidente foi neste sábado (9) em uma área perto da pista de pouso, no Jardim Aeroporto.

De acordo com a direção do ACT, segundos antes da queda o condutor da aeronave fez contato via rádio com a base para pedir permissão para o pouso. Apesar de concedida a licença, o ultraleve passou da pista, atravessou uma rodovia e caiu em uma área de mato alto.

O ACT não sabe o motivo do acidente. O órgão Serviços Regionais de Investigação e Prevenção de Acidentes Aeronáuticos (Seripa), da Aeronáutica, e a Polícia Civil investigarão o caso, conclui o aeroclube.

A Polícia Militar, o Corpo de Bombeiros e o ACT não informaram a identidade ou idade da dupla. Mas, segundo a PM, o ultraleve iniciou o voo em Quadra (SP) com destino a Tatuí. A informação atualizada pelos bombeiros com relação ao atendimento é que as vítimas do sexo masculino morreram no local após o acidente.

Área onde acidente aconteceu foi isolada pela perícia (Foto: Cláudio Nascimento/ TV TEM)

Nenhum comentário:

Postar um comentário