Nosso Jornal Online

Tatuí, 

PUBLICIDADE

ANUNCIE AQUI

Peça já seu orçamento
e-mail para publicidade@diariodetatui.com

segunda-feira, 11 de janeiro de 2016

Noma oferece 300 novas vagas de emprego para Tatuí

300 profissionais deverão ser recrutados para construção da nova fábrica no município

A empresa Noma, uma das maiores produtoras de carretas para caminhões do país, acaba de divulgar diversas vagas de emprego que serão destinadas para a unidade que está sendo construída em Tatuí.

As primeiras oportunidades disponíveis são para operador de retroescavadeira, operador de pá-carregadeira, motorista de caminhão munk, eletricista predial, eletricista de manutenção, desenhista elétrico, almoxarife (especialista em construção), orçamentista civil (especialista em construção), operador de máquinas pesadas, pedreiro geral, servente de pedreiro, pedreiro com especialidade em acabamento, encarregado de construção civil, encarregado de instalações hidráulicas, analista de qualidade, analista financeiro e coordenador de pintura e-coat (experiência automobilística). Os currículos podem ser enviados por e-mail para curriculo.tatui@noma.com.br, ou entregues na Rua Humaitá, 865, Centro

As obras de construção da fábrica tiveram início em fevereiro de 2015 e vai envolver cerca de 300 profissionais diretos e indiretos até a finalização. A expectativa é de a empresa entre em operação no segundo semestre deste ano. 

Em etapa inicial, a Noma deve gerar 250 empregos diretos com a produção inicial de 20 carretas por dia. Na segunda etapa de instalação, a capacidade de produção prevista é de 600 unidades por mês e 450 empregos diretos. Ela abrigará linha de produção de plataformas para complementar a produção da planta paranaense. No ápice da produtividade, a empresa espera ter 1.000 empregos diretos na cidade. 

O investimento é de R$ 75 milhões na construção dos prédios e do parque tecnológico que terão 23,5 mil metros quadrados de área construída. A planta contempla ainda área de convivência e até restaurante para os colaboradores. Mas já há projetos de ampliar a planta ao longo dos anos, de acordo com a demanda do mercado. A unidade terá potencial para produzir a maioria das carretas feitas hoje pela Noma. 

O preito José Manoel Correa Coelho, Manu, participou no dia 23 de dezembro de uma reunião na sede da empresa para conhecer detalhadamente o cronograma de obras. Ele esteve acompanhado do vereador Ronaldo Mota, ex-secretário da Indústria, e do Diretor de Desenvolvimento Econômico, Marcos Bueno.

Nenhum comentário:

Postar um comentário