Nosso Jornal Online

Tatuí, 

PUBLICIDADE

ANUNCIE AQUI

Peça já seu orçamento
e-mail para publicidade@diariodetatui.com

quarta-feira, 18 de novembro de 2015

“Teatro a Bordo” trouxe diversão em dois dias de espetáculos gratuitos em Tatuí

Temas como sustentabilidade e cidadania fizeram parte da programação

Imagine um contêiner que vira palco, iluminado com energia solar e com espetáculos, de graça, para toda a família. Foi em clima de muita diverçao que Tatuí recebeu no último final de semana, dias 13 e 14 de novembro, o Teatro a Bordo

O caminhão da trupe ficou estacionado na Praça Paulo Setúbal (do Barão) e ofereceu diversas atrações em sua programação: personagens da tradição oral brasileira, músicas do cancioneiro popular, gangues de palhaços, interação com o público e valorização da cultura local com os artistas da cidade, além de trazer a mensagem da sustentabilidade como um compromisso de todos os cidadãos.

Os artistas visitaram diversas escolas da rede municipal de ensino e proporcionaram aos alunos momento de aprendizado aliado a muita diversão. Além disso, os oficineiros ensinaram como fazer um boneco de forma artesanal, utilizando materiais recicláveis como papelão, tampinhas de garrafa plástica, cordas e tecidos. Ao final, uma história coletiva com os bonecos confeccionados foi criada e encenada junto com todos os participantes.

A secretária de Educação, Cultura e Turismo, Ângela Sartori, destaca a importância do projeto. “Os temas abordados na oficina são de extrema importância para as crianças que tiveram a oportunidade de conhecer um pouco mais sobre o assunto de uma forma leve e interativa. O projeto contribuiu para o trabalho que já é realizado pelas professoras”, declarou.

Centenas de pessoas assistiram aos espetáculos “Embornal de Histórias”, que retratou dois contadores de casos que se encontram e dividem suas experiências de viagens pelo mundo. E também o peça “De Sol a Sol”, que com um misto de ficção e realidade contou as aventuras vividas por uma trupe de artistas a bordo de seu contêiner, traçando rotas por terras, trilhos e mares. 

As ações foram desenvolvidas por meio da lei de incentivo do Governo Federal e apoio do Instituto CCR/SP Vias. O projeto tem quase oito anos de estrada e foi visto por mais de 300 mil espectadores em aproximadamente 150 cidades brasileiras.

Nenhum comentário:

Postar um comentário