Boletim de informações COVID-19 n° 119 Tatuí, 26 de maio de 2020 - 11h

26 SUSPEITOS
2 ÓBITOS SUSPEITOS
106 CONFIRMADOS
77 RECUPERADOS
8 ÓBITOS

Fonte: Prefeitura de Tatuí

domingo, 24 de agosto de 2014

Vitória de Edu Piano/Solon Mendes/Carlos Sales na primeira etapa do Rally dos Sertões

24 de agosto de 2014 - O primeiro dia do Rally dos Sertões já instigou os competidores, pois a etapa 1 que ligou Goiânia a Caldas Novas, em Goiás, mostrou que o roteiro da 22ª edição vai dar trabalho. Mas são estas dificuldades e, principalmente, os desafios que fazem todos os anos centenas deles retornarem ao grid da maior prova off-road do Brasil, o que dirá o paulista Edu Piano, 19 participações consecutivas, e o cearense Solon Mendes, com 16 Sertões no currículo. A Equipe Ford Racing Trucks/Território Motorsport, que é formada ainda pelo co-piloto e mecânico Carlos Sales, marcou o melhor tempo e venceu a primeira etapa entre os Caminhões.

O trio levou 2h24m09s para completar o trecho cronometrado de 155 quilômetros que exigiu habilidade, experiência e bom equipamento, ainda mais para aqueles que são obrigados a pilotar sem freios. "A Especial foi bem legal, travada, com trechos de alta e baixa e muitas lombas, ficamos sem freio por volta do Km 50 e tive de pilotar mais de 100 depois maneirando na aceleração. Mas já estamos preparados para mais uma largada e prontos para o segundo dia", diz o hexacampeão do Rally dos Sertões, Piano, com um título na geral dos Carros e mais cinco nos Caminhões

"Achei tranquila a navegação, não estava complicada, acho que estamos no lucro, mesmo com a falta do freio, nós só queríamos chegar e completar, e ainda, me surpreendi porque os demais competidores não conseguiram nos ultrapassar. Mas terça é um outro dia, já sabemos que vai ser pior e só queremos acelerar", diz o navegador Mendes.

Piano, Mendes e Sales largaram na frente para esta etapa de domingo, após conquistarem o melhor tempo no Prólogo, no dia anterior, que definiu a ordem de largada. Nesta edição o trio, que foi campeão em 2013, com um Ford Cargo 1933 4x4 disputa a prova com o veloz e potente F4000 Território 4x4, preparado pela equipe de Tatuí e que já coleciona seis títulos na prova.

Nesta segunda-feira, a caravana do rali larga de Caldas Novas e segue para Catalão, ainda em Goiás. O dia terá aproximadamente 260 quilômetros, sendo 202 de trechos cronometrados. Os competidores vão enfrentar trechos de velocidade, outros travados em meio a fazendas de cana e plantações de eucaliptos e promete exigir de pilotos e navegadores. O rali termina dia 30 de agosto em Belo Horizonte e neste ano terá sete etapas, três a menos do que as edições anteriores.

Nenhum comentário:

Postar um comentário